IFRS e CPC - Como Implementar as Normas Internacionais de Contabilidade

3ª Edição - Revista e Atualizada Ricardo R. Maciel

Parcele em até 6x sem juros no cartão.
Parcela mínima de R$ 30,00

Versão impressa

Ficha técnica

Autor(es): Ricardo R. Maciel

ISBN: 978853624370-2

Edição/Tiragem: 3ª Edição - Revista e Atualizada

Acabamento: Capa Dura + Sobrecapa

Número de páginas: 328

Publicado em: 19/08/2013

Área(s): Contabilidade Geral Aplicada

Sinopse

- Adoção inicial
- Adoção para pequenas e médias empresas
- Sumário executivo das normas internacionais
- Normas do comitê de pronunciamentos contábeis
- Diagnóstico e mensuração
- Checklist prático de divulgação
- Novas normas exigidas a partir de 01.01.2013

Acompanha CD-Rom com Pronunciamentos Técnicos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis

Este livro tem por finalidade orientar empresários, CFOs, COOs, diretores, auditores, contadores, advogados e universitários, na implementação das Normas Internacionais de Contabilidade – IFRSs, que estão sendo amplamente aplicadas no mundo inteiro, e que no Brasil, a partir da Lei 11.638/07, assim como dos pronunciamentos emitidos pelo CPC – Comitê de Pronunciamentos Contábeis, e considerados pela CVM – Comissão de Valores Imobiliários, tornaram-se obrigatórias. Apesar de ainda não estarem completamente alinhadas com a legislação societária brasileira, o processo de harmonização já permite a sua comparabilidade pontual entre as práticas adotadas no Brasil e aquelas requeridas pelas Normas Internacionais de Contabilidade.
A presente obra descreve os principais passos a serem adotados durante o processo de implementação quando da adoção da IFRS 1 – First Year Adoption, sendo este pronunciamento considerado como o mais relevante quando do processo de transição para as IFRSs. Adicionalmente, são apresentados modelos de diagnóstico por assunto e mapeamento das diferenças de práticas contábeis, e extensa orientação e apresentação das principais normas internacionais aplicadas durante o processo de transição.

Autor(es)

Ricardo R. Maciel é sócio-diretor de empresa de auditoria e consultoria internacional, sendo responsável pela prática de IFRS no Brasil. Com 25 anos de experiência profissional nas áreas de auditoria, avaliação e M&A, e Corporativas (ex--CFO de empresas multinacionais e nacionais), atuou em diversas posições como executivo e sócio-diretor (Big four) no Brasil e nos Estados Unidos da América, onde foi responsável por trabalhos de auditoria e consultoria em empresas nacionais e multinacionais, incluindo implementação de USGAAP e IFRS. É graduado em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Paraná, MBA em Marketing pela Fundação Getulio Vargas, membro Alumni da HARVARD Business School (OPM 1999-2001) e Cornell University (AMP 1999). Recebeu certificado em 2007 em IFRS (International Financial Reporting Standards) e ISA (International Standards of Auditing) pelo Instituto de Contadores ACCA - U.K.

Sumário

I - LEGISLAÇÃO SOCIETÁRIA E IFRS

1 Implementação da IFRS no Mundo

2 Visão Estratégica da Administração

3 Principais Diferenças Identificadas para a Análise do Investidor

II - ESTRUTURA CONCEITUAL

III - PRINCÍPIOS PARA A ADOÇÃO DAS IFRSs

1 Definição dos Termos

2 Objetivos da IFRS 1

3 Governança Corporativa

4 Data da Transição para a IFRS no Brasil

5 Normas Internacionais de Contabilidade

6 Escopo

IV - APLICAÇÃO DA IFRS 1

1 Considerações na Aplicação

2 Balanço Patrimonial de Abertura

3 Prática Contábil

4 Isenções na Aplicação de Outras IFRSs

V - ISENÇÕES OPCIONAIS PARA APLICAÇÃO RETROSPECTIVA - BALANÇO DE ABERTURA

1 Concentrações de Atividades Empresariais - Combinações de Negócios

2 Valor Justo ou Reavaliado como Deemed Cost - Custo atribuído ou Considerado

3 Benefícios aos Empregados

4 Diferenças de Tradução Cumulativas

5 Instrumentos Financeiros Compostos

6 Ativos e Passivos de Subsidiárias, Associadas e Joint Ventures

7 Designação de Instrumentos Financeiros Reconhecidas Anteriormente

8 Transações de Pagamento Baseadas em Ações

9 Contratos de Seguro

10 Passivos Decorrentes da Desmobilização Incluídos no Custo do Ativo Tangível

11 Arrendamento Mercantil

VI - ISENÇÕES MANDATÓRIAS

1 Reversão de Ativos e Passivos Financeiros

2 Hedge Accounting ou Contabilidade de Instrumentos Financeiros

3 Estimativas

4 Ativos Classificados como Mantidos para Venda e Operações Descontinuadas

VII - ADOÇÃO DAS NORMAS PELAS PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

VIII - SUMÁRIO EXECUTIVO DAS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE

1 IAS 2 - Estoques

2 IAS 8 - Práticas Contábeis, Alterações nas Estimativas Contábeis e Erros

3 IAS 10 - Eventos Após a Data do Balanço Patrimonial

4 IAS 11 - Contratos de Construção

5 IAS 12 - Imposto de Renda

6 IAS 16 - Ativos Fixos

7 IAS 17 - Arrendamento Mercantil

8 IAS 18 - Receitas

9 IAS 19 - Benefícios a Empregados

10 IAS 21 - Os Efeitos nas Alterações das Taxas de Câmbio

11 IAS 23 e IAS 23(R) - Custos com Empréstimos

12 IAS 27 - Demonstrações Contábeis Consolidadas e em Separado

13 Instrumentos Financeiros: IAS 32 - Divulgação e Apresentação e IFRS 7 - Divulgações

14 IAS 36 - Imparidade de Ativos

15 IAS 37 - Provisões, Passivos Contingentes e Ativos Contingentes

16 IAS 38 - Ativos Intangíveis

17 IAS 39 - Instrumentos Financeiros: Reconhecimento e Mensuração

18 IAS 41 - Agricultura

19 IFRS 8 - Segmentos Operacionais

20 IFRS 9 - Instrumentos Financeiros

21 IFRS 10, 11, 12 e 13, com Aplicabilidade a Partir de 01 de Janeiro de 2013

22 OCPC 06 - Apresentação de Informações Financeiras pro forma

IX - APRESENTAÇÃO E DIVULGAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS

Seção A - Relativas à IFRS 1 E IAS 1/IAS (R)

1 Demonstrações Contábeis

2 Cumprimento das Normas Internacionais de Relatório para as Demonstrações Contábeis

3 Informações Comparativas

4 IAS 39 e IFRS 4 - Isenção de Divulgação Comparativa e Instrumentos Financeiros

5 Dispensa da Obrigação de Apresentar Informações Comparativas para Efeitos da IFRS 6

6 Isenção de Divulgação de Informação Comparativa da IFRS 7

7 Transição para as IFRSs

8 Mensuração

9 Demonstrações Contábeis Interinas

10 Data de Autorização

11 Demonstração do Resultado Abrangente

Seção B - Demais Exigências para Divulgação

CPC 01 - IAS 36/Redução ao Valor Recuperável de Ativos

CPC 02 - IAS 21/Efeitos das Mudanças nas Taxas de Câmbio e Conversão de Demonstrações Contábeis

CPC 03 - IAS 7/Demonstração dos Fluxos de Caixa

CPC 04 - IAS 38/Ativo Intangível

CPC 05 - IAS 24/Divulgação sobre Partes Relacionadas

CPC 06 - IAS 17/Operações de Arrendamento Mercantil

CPC 07 - IAS 20/Subvenção e Assistência Governamentais

CPC 08 - IAS 32 E IAS 39/Custos de Transação e Prêmios na Emissão de Títulos e Valores Mobiliários (item constante somente no procedimento emitido pelo CPC. Para fins de Norma Internacional a IFRS 7 é aplicável)

CPC 10 - IFRS 2/Pagamento Baseado em Ações

CPC 11 - IFRS 4/Contratos de Seguro

CPC 15 - IFRS 3/Combinação de Negócios

CPC 16 - IAS 2/Estoques

CPC 17 - IAS 11/Contratos de Construção

CPC 18 - IAS 28/Investimento em Coligada e em Controlada

CPC 19 - IAS 31/Investimento em Empreendimento Controlado em Conjunto (Joint Venture)

CPC 20 - IAS 23/Custos de Empréstimos

CPC 21 - IAS 34/Demonstração Intermediária

CPC 22 - IFRS 8/Informações por Segmento

CPC 23 - IAS 8/Políticas Contábeis, Mudança de Estimativa e Retificação de Erro

CPC 24 - IAS 10/Evento Subsequente

CPC 25 - IAS 37/Provisões, Passivos Contingentes e Ativos Contingentes

CPC 26 - IAS 1/Apresentação das Demonstrações Contábeis

CPC 27 - IAS 16/Ativo Imobilizado

CPC 28 - IAS 40/Propriedade para Investimento

CPC 29 - IAS 41/Ativo Biológico e Produto Agrícola

CPC 30 - IAS 18/Receitas

CPC 31 - IFRS 5/Ativo não Circulante Mantido para Venda e Operação Descontinuada

CPC 32 - IAS 12/Tributos sobre o Lucro

CPC 33 - IAS 19/Benefícios a Empregados

CPC 35 - IAS 27/Demonstrações Separadas

CPC 36 - IAS 27/Demonstrações Consolidadas

CPC 40 - IFRS 7/Instrumentos Financeiros: Evidenciação

CPC 41 - IAS 33/Resultado por Ação

CPC 46 - IFRS 13/Mensuração do Valor Justo

ICPC 01 - IFRIC 12/Contratos de Concessão (item incluído somente no CPC)

ICPC 02 - IFRIC 15/Contrato de Construção do Setor Imobiliário

ICPC 03 - IFRIC 4, SIC 15 E SIC 27/Aspectos Complementares das Operações de Arrendamento Mercantil (item incluído somente no CPC)

ICPC 07 - IFRIC 17/Distribuição de Lucros in natura

ICPC 08 - Contabilização da Proposta de Pagamento de Dividendos

ICPC 10 - Interpretação sobre a Aplicação Inicial ao Ativo Imobilizado e à Propriedade para Investimento dos Pronunciamentos Técnicos CPCS 27, 28, 37 e 43 (item incluído somente no CPC)

ICPC 13 - IFRIC 5/Direitos a Participações Decorrentes de Fundos de Desativação, Restauração e Reabilitação Ambiental

ICPC 14 - IFRIC 2/Cotas de Cooperados em Entidades Cooperativas e Instrumentos Similares

OCPC 03 - Instrumentos Financeiros: Reconhecimento, Mensuração e Evidenciação (item incluído somente no CPC)

OCPC 05 - Contratos de Concessão (item incluído somente no CPC)

Seção C - Relativas à IFRS Ainda não Incluídas nos Pronunciamentos do CPC

IFRS 6 - Exploração e Avaliação de Recursos Minerais

IFRS 9 - Instrumentos Financeiros

Adoção da Norma antes da data de vigência

IAS 1:82 (Apresentação - Complemento)

X - METODOLOGIA DE TRABALHO PARA CONVERSÃO

1 Estratégia para a implementação da IFRS

2 Planejamento do Diagnóstico

3 Execução do Diagnóstico, Mensuração e Divulgação

XI - MODELO DE APURAÇÃO DO BALANÇO DE ABERTURA EM IFRS (PRIMEIRO ANO DE ADOÇÃO)

REFERÊNCIAS

Índice alfabético

A

  • Abertura. Balanço patrimonial de abertura
  • Ações. Transações de pagamento baseadas em ações
  • Administração. Visão estratégica da administração
  • Adoção das normas pelas pequenas e médias empresas
  • Agricultura. IAS 41
  • Análise. Investimento. Principais diferenças identificadas para a análise do investidor
  • Aplicação retrospectiva. Isenções opcionais para aplicação retrospectiva. Balanço de abertura
  • Arrendamento mercantil financeiro
  • Arrendamento mercantil financeiro. Gráfico
  • Arrendamento mercantil financeiro. Mensuração subsequente
  • Arrendamento mercantil financeiro. Reconhecimento inicial
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendador. Arren-damento mercantil financeiro
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendador. Arren-damento mercantil financeiro. Reconhecimento inicial
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendador. Arren-damento mercantil financeiro. Reconhecimento subsequente
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendador. Arren-damento mercantil operacional
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendador
  • Arrendamento mercantil nas demonstrações contábeis do arrendatário
  • Arrendamento mercantil operacional
  • Arrendamento mercantil sales-leaseback
  • Arrendamento mercantil
  • Arrendamento mercantil. Classificação
  • Arrendamento mercantil. IAS 17
  • Arrendamento mercantil. Sumário
  • Associada. Ativos e passivos de subsidiárias, associadas e joint ventures
  • Atividade empresarial. Concentrações de atividades empresariais. Combina-ções de negócios
  • Ativo financeiro. Mensuração dos valores justos de ativos e passivos finan-ceiros no reconhecimento inicial
  • Ativo financeiro. Reversão de ativos e passivos financeiros
  • Ativo tangível. Passivos decorrentes da desmobilização incluídos no custo do ativo tangível
  • Ativos classificados como mantidos para venda e operações descontinuadas
  • Ativos e passivos de subsidiárias, associadas e joint ventures
  • Ativos financeiros registrados pelo custo amortizado
  • Ativos financeiros registrados pelo custo
  • Ativos fixos. IAS 16
  • Ativos intangíveis. IAS 38

B

  • Balanço de abertura. Isenções opcionais para aplicação retrospectiva
  • Balanço de abertura. Modelo de apuração do balanço de abertura em IFRS (primeiro ano de adoção)
  • Balanço patrimonial de abertura
  • Balanço. Eventos subsequentes na data do balanço que não originam ajustes
  • Benefícios a empregados. IAS 19
  • Benefícios aos empregados

C

  • Classificação do arrendamento mercantil
  • Combinação de negócio. Concentrações de atividades empresariais
  • Conceito. Estrutura conceitual
  • Concentrações de atividades empresariais. Combinações de negócios
  • Contabilidade de operações de hedge (hedge accounting)
  • Contabilidade. Hedge accounting ou contabilidade de instrumentos financei-ros
  • Contabilidade. Normas internacionais de contabilidade
  • Contabilidade. Sumário executivo das normas internacionais de contabilida-de
  • Continuidade operacional
  • Contratos de construção. IAS 11
  • Contratos de seguro
  • Conversão. Metodologia de trabalho para conversão
  • Corporação. Governança corporativa
  • CPC 1 - IAS 36. Redução ao valor recuperável de ativos
  • CPC 2 - IAS 21. Efeitos das mudanças nas taxas decâmbio e conversão de demonstrações contábeis
  • CPC 3 - IAS 7. Demonstração dos fluxos de caixa
  • CPC 4 - IAS 38. Ativo intangível
  • CPC 5. IAS 24. Divulgação sobre partes relacionadas
  • CPC 6 - IAS 17. Operações de arrendamento mercantil
  • CPC 7 - IAS 20. Subvenção e assistência governamentais
  • CPC 8. IAS 32 e IAS 39. Custos de transação e prêmios na emissão de títulos e valores mobiliários
  • CPC 10 - IFRS 2. Pagamento baseado em ações
  • CPC 11 - IFRS 11. Contratos de seguro
  • CPC 15 - IFRS 3. Combinação de negócios
  • CPC 16 - IAS 2. Estoques
  • CPC 17 - IAS 11. Contratos de construção
  • CPC 18 - IAS 28. Investimento em coligada e em controlada
  • CPC 19 - IAS 31. Investimento em empreendimento controlado em conjunto (joint venture)
  • CPC 20 - IAS 23. Custos de empréstimos
  • CPC 21 - IAS 34. Demonstração intermediária
  • CPC 22 - IFRS 8. Informações por segmento
  • CPC 23 - IAS 8. Políticas contábeis, mudança de estimativa e retificação de erro
  • CPC 24 - IAS 10. Evento subsequente
  • CPC 25 - IAS 37. Provisões, passivos contingentes e ativos contingentes
  • CPC 26 - IAS 1. Apresentação das demonstrções contábeis
  • CPC 27 - IAS 16. Ativo imobilizado
  • CPC 28 - IAS 40. Propriedade para investimento
  • CPC 29 - IAS 41. Ativo biológico e produto agrícola
  • CPC 30 - IAS 18. Receitas
  • CPC 31 - IFRS 5. Ativo não circulante mantido para venda e operação des-continuada
  • CPC 32 - IAS 12. Tributos sobre o lucro
  • CPC 33 - IAS 19. Benefícios a empregados
  • CPC 35 - IAS 27. Demonstrações separadas
  • CPC 36 - IAS 27. Demonstrações consolidadas
  • CPC 40 - IFRS 7. Instrumentos financeiros: evidenciação
  • CPC 41 - IAS 33. Resultado por ação
  • CPC 46 - IFRS 13 - Mensuração do Valor Justo
  • Cumprimento das normas internacionais de relatório para as demonstrações contábeis
  • Custo considerado. Valor justo ou reavaliado como deemed cost. Custo atribuído ou considerado
  • Custos com empréstimos. IAS 23 e IAS 23(R)

D

  • Data da transição para a IFRS no Brasil
  • Data de autorização
  • Deemed Cost. Valor justo ou reavaliado como deemed cost. Custo atribuído ou considerado
  • Definição dos termos
  • Definição. Outras definições relevantes e reconhecimento inicial
  • Definições das quatro categorias de instrumentos financeiros
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 1. Quantificação dos ajus-tes e reclassificações. Custo histórico
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 1. Quantificação dos ajus-tes e reclassificações. Custo corrente
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 1. Quantificação dos ajus-tes e reclassificações. Valor realizável (valor de realização ou de liquidação)
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 1. Quantificação dos ajus-tes e reclassificações. Valor presente
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 1. Quantificação dos ajus-tes e reclassificações. Fair value ou valor justo e outras quantificações
  • Demonstração contábil. Cumprimento das normas internacionais de relatório para as demonstrações contábeis
  • Demonstração contábil. Estrutura conceitual
  • Demonstração contábil. Fontes externas observadas durante o período ou por ocasião da elaboração das demonstrações contábeis
  • Demonstração contábil. Fontes internas
  • Demonstração contábil. Informações comparativas
  • Demonstração das mutações do patrimônio líquido
  • Demonstração do mapeamento
  • Demonstração do resultado abrangente
  • Demonstração do resultado do exercício
  • Demonstrações contábeis consolidadas e em separado. IAS 27
  • Demonstrações contábeis interinas
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fase 2. Elaboração de demons-trações contábeis
  • Demonstrações contábeis para fins de IFRS. Fases
  • Demonstrações contábeis
  • Demonstrações contábeis. Balanço patrimonial
  • Derivativo. Definição de derivativo
  • Derivativos embutidos
  • Designação de instrumentos financeiros reconhecidas anteriormente
  • Desmobilização. Passivos decorrentes da desmobilização incluídos no custo do ativo tangível
  • Diagnóstico. Execução do diagnóstico, mensuração e divulgação
  • Diagnóstico. Planejamento do diagnóstico
  • Diferenças de tradução cumulativas
  • Dispensa da obrigação de apresentar informações comparativas para efeitos da IFRS 6
  • Dividendos, juros, royalties
  • Dividendos
  • Divulgação. Demais exigências para divulgação
  • Divulgação. Execução do diagnóstico, mensuração e divulgação
  • Divulgação. Execução do diagnóstico

E

  • Efeitos nas alterações das taxas de câmbio. IAS 21
  • Empregado. Benefícios a empregados. IAS 19
  • Empregado. Benefícios aos empregados
  • Erros de períodos anteriores
  • Estimativas
  • Estimativas contábeis. Mudanças
  • Estoques. IAS 2
  • Estratégia para a implementação da IFRS
  • Estrutura conceitual
  • Eventos após a data do balanço patrimonial. IAS 10
  • Execução do diagnóstico, mensuração e divulgação

F

  • Finanças. Instrumentos financeiros compostos
  • Fluxo de caixa. Demonstração

G

  • Ganhos e perdas
  • Governança corporativa
  • Gráfico de estimativas

H

  • Hedge accounting ou contabilidade de instrumentos financeiros
  • Hedge de fluxo de caixa
  • Hedge de investimento líquido
  • Hedge valor justo
  • Hedge. Contabilidade de operações de hedge (hedge accounting)

I

  • IAS 1/IAS 1 (R). Apresentação e divulgação das demonstrações contábeis relativas à IFRS 1 e IAS 1/IAS 1(R)
  • IAS 2. Estoques
  • IAS 8. Práticas contábeis, alterações nas estimativas contábeis e erros
  • IAS 1:82 (Apresentação - Complemento)
  • IAS 10. Eventos após a data do balanço patrimonial
  • IAS 11. Contratos de construção
  • IAS 12. Imposto de renda
  • IAS 16. Ativos fixos
  • IAS 17. Arrendamento mercantil
  • IAS 18. Receitas
  • IAS 19. Benefícios a empregados
  • IAS 21. Os efeitos nas alterações das taxas de câmbio
  • IAS 23 e IAS 23(R). Custos com empréstimos
  • IAS 27. Demonstrações contábeis consolidadas e em separado
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. IFRS 7
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Ações em tesouraria
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Apre-sentação
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Compensações de ativos e passivos financeiros
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Ins-trumento financeiro composto
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Juros, dividendos, perdas e ganhos
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7. Op-ções de liquidação
  • IAS 32. Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7: ins-trumentos financeiros: divulgações
  • IAS 36. Imparidade de ativos
  • IAS 37. Provisões, passivos contingentes e ativos contingentes
  • IAS 38. Ativos intangíveis
  • IAS 39 e IFRS 4. Isenção de divulgação comparativa e instrumentos finan-ceiros
  • IAS 39. Instrumentos financeiros: reconhecimento e mensuração
  • IAS 41. Agricultura
  • IAS 41. Agricultura. Definições e conceito
  • IAS. International Accounting Standards
  • ICPC 01 - IFRIC 12. Contrastos de concessão
  • ICPC 02 - IFRIC 15. Contrato de construção do setor imobiliário
  • ICPC 03 - IFRIC 4, SIC 15 e SIC 27. Aspectos complementares das opera-ções de arrendamento mercantil
  • ICPC 07 - IFRIC 17. Distribuição de lucros in natura
  • ICPC 08 - Contabilização da proposta de pagamento de dividendos
  • ICPC 10 - Interpretação sobre a aplicação inicial ao ativo imobilizado e à propriedade para investimento dos pronunciamentos
  • ICPC 13 - IFRIC 5. Direitos a participações decorrentes de fundosde desati-vação, restauração e reabilitação ambiental
  • ICPC 14 - IFRIC 2. Cotas de cooperados em entidades cooperativase ins-trumentos similares
  • IFRIC 1. Mudanças em desmobilização, restauração e obrigações similares
  • IFRIC 13. Programas de Fidelização do Cliente. Efeito no reconhecimento receita
  • IFRIC 14. Limite sobre ativos de benefícios definidos, requisitos de financi-amentos mínimos e sua interação
  • IFRIC 15. Contratos de construção imobiliária
  • IFRIC 18. Transferência de ativos de clientes
  • IFRIC - International Financial Reporting Interpretations Committee
  • IFRS 1. Aplicação da IFRS 1
  • IFRS 1. Considerações na aplicação
  • IFRS 4 e IAS 39. Isenção de divulgação comparativa e instrumentos finan-ceiros
  • IFRS 6. Dispensa da obrigação de apresentar informações comparativas para efeitos da IFRS 6
  • IFRS 6. Exploração e avaliação de recursos minerais
  • IFRS 7. Isenção de divulgação de informação comparativa da IFRS 7
  • IFRS 8. Segmentos operacionais
  • IFRS 9 - Instrumentos financeiros
  • IFRS 9. Instrumentos financeiros
  • IFRS 10. IFRS11 e IFRS 12 e IFRS 13. Aplicabilidade a partir de janeiro de 2013
  • IFRS. Data da transição para a IFRS no Brasil
  • IFRS. Estratégia para a implementação da IFRS
  • IFRS. Implementação da IFRS no mundo
  • IFRS. International Financial Reporting Standards
  • IFRS. Legislação societária e IFRS
  • IFRS. Modelo de apuração do balanço de abertura em IFRS (primeiro ano de adoção)
  • IFRS. Objetivos da IFRS 1
  • IFRSs. Isenções na aplicação de outras IFRSs
  • IFRSs. Mensuração
  • IFRSs. Princípios para a adoção das IFRSs
  • IFRSs. Transição para as IFRSs
  • Impairment. Deterioração de ativos financeiros
  • Imparidade de ativos. IAS 36
  • Implementação da IFRS no mundo
  • Implementação da IFRS no mundo. Brasil
  • Implementação da IFRS no mundo. Estados Unidos
  • Implementação da IFRS no mundo. União Europeia
  • Impossibilidade de mensurar o valor justo confiavelmente
  • Imposto de renda. IAS 12
  • Informação corporativa. Dispensa da obrigação de apresentar informações comparativas para efeitos da IFRS 6
  • Informação corporativa. Isenção de divulgação de informação comparativa da IFRS 7
  • Informações comparativas
  • Instrumento financeiro. Definições das quatro categorias de instrumentos financeiros
  • Instrumento financeiro. Hedge accounting ou contabilidade de instrumentos financeiros
  • Instrumentos financeiros compostos
  • Instrumentos financeiros. Designação reconhecidas anteriormente
  • Instrumentos financeiros. IFRS 9
  • Instrumentos financeiros: divulgação e apresentação e IFRS 7: instrumentos financeiros: divulgações. IAS 32
  • Instrumentos financeiros: reconhecimento e mensuração. IAS 39
  • Investimento. Principais diferenças identificadas para a análise do investidor
  • IRFS 1. Apresentação e divulgação das demonstrações contábeis relativas à IFRS 1 e IAS 1/IAS 1(R)
  • IRFS 1. Escopo
  • Isenção de divulgação comparativa e instrumentos financeiros. IFRS 4 e IAS 39
  • Isenção de divulgação de informação comparativa da IFRS 7
  • Isenções mandatórias na data da transição
  • Isenções mandatórias
  • Isenções na aplicação de outras IFRSs
  • Isenções opcionais para aplicação retrospectiva. Balanço de abertura

J

  • Joint venture. Ativos e passivos de subsidiárias, associadas e joint ventures
  • Juros, royalties e dividendos

L

  • Leaseback. Transação de venda e leaseback
  • Leasing. Arrendamento mercantil
  • Legislação societária e IFRS

M

  • Mapeamento das práticas contábeis adotadas
  • Mensuração dos valores justos de ativos e passivos financeiros no reconhe-cimento inicial
  • Mensuração inicial de ativos e de passivos financeiros
  • Mensuração subsequente de ativos financeiros
  • Mensuração subsequente de passivos financeiros
  • Mensuração
  • Mensuração. Execução do diagnóstico, mensuração e divulgação
  • Metodologia de trabalho para conversão
  • Modelo de apuração do balanço de abertura em IFRS (primeiro ano de ado-ção)

N

  • Normas Internacionais de Contabilidade. Estrutura conceitual
  • Normas internacionais de contabilidade
  • Normas internacionais. Cumprimento das normas internacionais de relatório para as demonstrações contábeis
  • Normas internacionais. Sumário executivo das normas internacionais de contabilidade

O

  • OCPC 03. Instrumentos financeiros: reconhecimento, mensuração e evidenciação
  • OCPC 05. Contratos de concessão
  • OCPC 06 - Apresentação de informações financeiras pro forma
  • Operações descontinuadas. Ativos classificados como mantidos para venda e operações descontinuadas

P

  • Pagamento. Transações de pagamento baseadas em ações
  • Passivo financeiro. Mensuração dos valores justos de ativos e passivos finan-ceiros no reconhecimento inicial
  • Passivo financeiro. Reversão de ativos e passivos financeiros
  • Passivos decorrentes da desmobilização incluídos no custo do ativo tangível
  • Passivos e ativos de subsidiárias, associadas e joint ventures
  • Perdas e ganhos
  • Planejamento do diagnóstico
  • Prática contábil. Considerações
  • Práticas contábeis, alterações nas estimativas contábeis e erros. IAS 8
  • Práticas contábeis
  • Prestação de serviços
  • Principais diferenças identificadas para a análise do investidor
  • Princípios para a adoção das IFRSs
  • Provisões, passivos contingentes e ativos contingentes. IAS 37

R

  • Reavaliação. Valor justo ou reavaliado como deemed cost. Custo atribuído ou considerado
  • Receitas. IAS 18
  • Reclassificações
  • Reconhecimento de perdas
  • Referências
  • Registros contábeis. Resumo
  • Representação dos segmentos operacionais a serem reportados
  • Resumo das mensurações e registros contábeis por categoria
  • Resumo dos registros contábeis
  • Reversão de ativos e passivos financeiros
  • Reversão de provisão para perdas por desvalorização
  • Royalties, juros e dividendos

S

  • Sales-leaseback. Arrendamento mercantil sales-leaseback
  • Seção C. Relativas à IFRS ainda não incluídas nos pronunciamentos do CPC
  • Segmentos operacionais. IFRS 8
  • Seguro. Contratos de seguro
  • SIC - Standing Interpretations Committee
  • Sociedade. Legislação societária e IFRS
  • Subsidiária. Ativos e passivos de subsidiárias, associadas e joint ventures
  • Subsídios governamentais
  • Sumário da representatividade do investimento para fins contábeis
  • Sumário executivo das normas internacionais de contabilidade

T

  • Terminologia. Definição dos termos
  • Tradução cumulativas. Diferenças
  • Transação de venda e leaseback
  • Transações de pagamento baseadas em ações
  • Transição para a IFRS no Brasil. Data
  • Transição para as IFRSs

V

  • Valor justo ou reavaliado como deemed cost. Custo atribuído ou considerado
  • Valor justo. Mensuração dos valores justos de ativos e passivos financeiros no reconhecimento inicial
  • Venda de bens
  • Venda. Ativos classificados como mantidos para venda e operações descon-tinuadas
  • Visão estratégica da administração

Recomendações

Capa do livro: Contabilidade Estratégica, Rodrigo Antonio Chaves da Silva

Contabilidade Estratégica

 Rodrigo Antonio Chaves da SilvaISBN: 978853623364-2Páginas: 232Publicado em: 31/05/2011

Versão impressa

R$ 69,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Contabilidade Básica, Ângelo Crysthian Barbosa

Contabilidade Básica

 Ângelo Crysthian BarbosaISBN: 853620480-XPáginas: 198Publicado em: 07/01/2004

Versão impressa

R$ 54,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Valuation - Manual de Avaliação - Teoria e Prática, Wilson Alberto Zappa Hoog e Everson Luiz Breda Carlin

Valuation - Manual de Avaliação - Teoria e Prática

2ª Edição - Revista e AtualizadaWilson Alberto Zappa Hoog e Everson Luiz Breda CarlinISBN: 978853627102-6Páginas: 336Publicado em: 03/08/2017

Versão impressa

R$ 114,70Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Fusões e Aquisições - A Arte de Negociação de Empresas e Técnicas de Avaliação, Everson Luiz Breda Carlin

Fusões e Aquisições - A Arte de Negociação de Empresas e Técnicas de Avaliação

2ª Edição - Revista e AtualizadaEverson Luiz Breda CarlinISBN: 978853624984-1Páginas: 160Publicado em: 26/01/2015

Versão impressa

R$ 49,90Adicionar ao
carrinho