Futebol - Aspectos Fisiológicos e Metodológicos

Victor N. Seluianov, Serguei K. Sarsania e Konstantin S. Sarsania

Parcele em até 6x sem juros no cartão.
Parcela mínima de R$ 20,00

Versão impressa

Ficha técnica

Autor(es): Victor N. Seluianov, Serguei K. Sarsania e Konstantin S. Sarsania

ISBN: 853620894-5

Acabamento: Brochura

Número de páginas: 200

Publicado em: 18/01/2005

Área(s): Literatura e Cultura - Saúde

Sinopse

Escrito por três renomados doutores russos, Futebol: Aspectos fisiológicos e metodológicos é um livro que, além de trazer conceitos básicos e aplicados de fisiologia, bioquímica e nutrição, faz uma transição entre a análise teórica e a sua aplicação na prática, fundamentada em décadas de pesquisas com atletas de alto nível. Também é apresentada a inédita modelagem imitacional computadorizada, que foi criada (elaborada) e comprovada cientificamente pelos autores, como um dos mais efetivos meios de planificação dos processos de treinamento a curto e longo prazos. Este livro é direcionado ao futebol, mas, pela abrangência de seu conteúdo, pode ser aplicado nos desportos em geral.
O livro por si próprio é uma inovação na área do treinamento desportivo, pelo fato de que ele não traz "receitas prontas", mas sim, "moldes", fazendo com que o leitor entenda os processos adaptativos que ocorrem no organismo do atleta durante a sua prática desportiva. É uma leitura indispensável a todos os profissionais que se dedicam à ciência do treinamento desportivo de uma forma mais global e crítica.

Sumário

INTRODUÇÃO

PARTE I

CAPÍTULO 1 - TEORIA DA PLANIFICAÇÃO DAS CARGAS

1.1 Pesquisas racionais envolvendo a união entre o volume e a intensidade de realização de exercícios físicos no microciclo de acordo com o método de modelagem imitacional matemática

1.2 Princípio da preparação física de atletas

1.3 Método de classificação das cargas físicas

1.4 Planificação do processo de treinamento nos esportes cíclicos

CAPÍTULO 2 - MODELO CONCEITUAL DOS SISTEMAS E ÓRGÃOS HUMANOS

2.1 Modelo celular

2.2 Modelo do aparelho neuromuscular

2.3 Imitação da modelagem da bioenergética celular

2.4 Modelagem imitacional da atividade muscular (teoria do limiar aeróbico e anaeróbico)

2.5 Modelagem imitacional biomecânica da contração muscular

2.6 Modelo cardiovascular e modelagem imitacional da circulação sanguínea

2.7 Modelo do sistema endócrino

2.8 Modelo do sistema imunológico

2.9 Modelo do sistema digestivo

2.10 Modelo do tecido adiposo e dos processos da lipólise

CAPÍTULO 3 - MÉTODOS DE DIREÇÃO DAS ADAPTAÇÕES NAS CÉLULAS DOS TECIDOS

3.1 Métodos de hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares

3.2 Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares glicolíticas

3.3 Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares oxidativas

3.4 Princípios do treinamento de força

3.5 Métodos da hiperplasia das mitocôndrias miofibrilares

3.6 Métodos de treino do músculo cardíaco

3.7 Métodos de direção da atividade do tecido adiposo

3.8 Método de direção adaptativa das glândulas do sistema endócrino

3.9 Métodos de direção das adaptações dos órgãos imunocompetentes

PARTE II

CAPÍTULO 1 - PLANEJAMENTO DA PREPARAÇÃO FÍSICA DO FUTEBOLISTA

1.1 Planejamento das técnicas de preparação física

1.2 Verificação experimental da adequada recomendação

1.3 Seleção de talentos e preparação de futebolistas de 14-15 anos

1.3.1 Músculos

1.3.2 Coração e vasos

1.3.3 Seleção na prática do futebol

1.3.4 Planejamento da preparação física no time juvenil

CAPÍTULO 2 - PREPARAÇÃO FÍSICA ESPECIAL DOS JOGADORES DE FUTEBOL

2.1 Atividades de movimentação competitiva

2.1.1 Atividade de jogo

2.1.2 Reação fisiológica à carga competitiva

2.2 Modelo do futebolista

2.3 Crítica à teoria de abastecimento energético nas ações musculares

CAPÍTULO 3 - CONTROLE DA EFETIVIDADE DA PREPARAÇÃO FÍSICA

3.1 Particularidades morfológicas e funcionais na preparação de futebolistas

3.2 Métodos fundamentais para avaliações fisiológicas do estado de preparação física

3.2.1 Potência alática

3.2.2 Capacidade aeróbica

3.2.3 Testes pedagógicos

3.2.4 Peso corporal

CAPÍTULO 4 - PREPARAÇÃO IMEDIATA DA SELEÇÃO NACIONAL PARA O CAMPEONATO MUNDIAL

4.1 Período de recuperação

4.2 Período de preparação

4.3 Preparação física rumo ao torneio

4.4 Teoria imediata da preparação pré-competitiva

4.4.1 Período de Reabilitação

4.4.2 Período preparatório

4.4.3 Período pré-competitivo

4.5 Conclusão

PARTE III

CAPÍTULO 1 - NUTRIÇÃO NO TREINAMENTO DESPORTIVO

1.1 Carboidratos e exercícios físicos

1.2 Mecanismo de utilização dos carboidratos durante a execução de exercícios físicos

1.3 Ressíntese de glicogênio após exercícios intensos

1.4 Necessidade de proteínas no decorrer das sessões desportivas

1.5 Necessidade de gordura como fonte de energia

1.6 Papel das vitaminas na preparação física de atletas

1.7 Minerais como suplementação alimentar na preparação de atletas

1.8 Recursos ergogênicos

1.8.1 Creatina

1.8.2 H M B

1.8.3 Citrato de sódio

1.8.4 Bicarbonato de sódio

1.8.5 Coenzima-Q10

CAPÍTULO 2 - NUTRIÇÃO NO TREINAMENTO DOS FUTEBOLISTAS

2.1 Técnicas de ingestão de biocorretores como componente necessário do processo de treinamento

2.1.1 Processo de adaptação a curto prazo no organismo do atleta durante a utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas

2.1.2 Processo de adaptação a longo prazo no organismo dos futebolistas diante da utilização de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas

2.2 Influência do processo de treinamento na etapa pré-competitiva na preparação funcional dos futebolistas

2.3 Influência do citrato de sódio na efetividade funcional da preparação dos futebolistas

2.4 Influência dos antioxidantes na efetividade da preparação funcional dos futebolistas

2.5 Influência da creatina e do HMB na efetividade da preparação funcional dos futebolistas

2.6 Influência do complexo de biocorretores na efetividade da preparação funcional dos futebolistas

REFERÊNCIAS

Índice alfabético

A

  • Abastecimento energético. Crítica à teoria de abastecimento energético nas ações musculares
  • Ação muscular. Crítica à teoria de abastecimento energético nas ações musculares.
  • Adaptação desportivo-pedagógica. Fundamentos
  • Antioxidante. Influência dos antioxidantes na efetividade da preparação funcional dos futebolistas.
  • Antioxidante. Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Antioxidante. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Aparelho neuromuscular. Modelo do aparelho neuromu scular.
  • Atividade de jogo.
  • Atividade muscular. Modelagem imitacional da atividade muscular (teoria do limiar aeróbico e anaeróbico)
  • Atividades de movimentação competitiva
  • Atleta. Papel das vitaminas na preparação física de atletas
  • Atleta. Princípio da preparação física de atletas
  • Atleta. Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Avaliação fisiológica. Métodos fundamentais para avaliações fisiológicas do estado de preparação física

B

  • Bicarbonato de sódio. Recurso ergogênico
  • Biocorretor. Influência do complexo de biocorretores na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Biocorretor. Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, ant i- oxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Biocorretor. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplementos alimentares biocorretores, antio- xidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Biocorretor. Técnicas de ingestão de biocorretores como componente necessário do processo de treinamento
  • Biomecânica. Modelagem imitacional biomecânica da contração muscular.

C

  • Campeonato mundial. Preparação. Conclusão
  • Campeonato mundial. Preparação imediata da seleção nacional para Campeonato Mundial.
  • Capacidade aeróbica
  • Carboidrato. Mecanismo de utilização dos carboidratos durante a execução de exercícios físicos
  • Carboidratos e exercícios físicos
  • Cardíaco. Métodos de treino do músculo cardíaco
  • Cardiovascular. Modelo cardiovascular e modelagem imitacional da circulação sanguínea
  • Carga competitiva. Reação fisiológica à carga competitiva
  • Carga física. Método de classificação das cargas físicas
  • Carga física. Teoria da planificação das cargas
  • Células dos tecidos. Métodos de direção das adaptações nas células dos tecidos.
  • Circulação sanguínea. Modelo cardiovascular e modelagem imitacional da circulação sanguínea
  • Citrato de sódio. Influência do citrato de sódio na efetividade funcional da preparação dos futebolistas
  • Citrato de sódio. Recurso ergogênico
  • Coenzima-Q10. Recurso ergogênico
  • Competição. Influência do processo de treinamento na etapa pré- competitiva na preparação funcional dos futebolistas
  • Competição. Período pré-competitivo
  • Competição. Reação fisiológica à carga competitiva
  • Contração muscular. Modelagem imitacional biomecânica da contração muscular.
  • Controle da efetividade da preparação física
  • Coração e vasos
  • Creatina. Recursos ergogênicos
  • Crítica à teoria de abastecimento energético nas ações musculares

D

  • Desporto. Adaptação desportivo-pedagógica. Fundamentos.

E

  • Efetividade funcional. Influência do citrato de sódio na efetividade funcional da preparação dos futebolistas
  • Energia. Necessidade de gordura como fonte de energia.
  • Ergogênio. Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Ergogênio. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebo- listas diante da utilização de suplemento alimentar, biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógena.
  • Esporte cíclico. Planificação do processo de treinamento nos esportes cíclicos
  • Exercício físico. Carboidratos e exercícios físicos
  • Exercício físico. Mecanismo de utilização dos carboidratos durante a execução de exercícios físicos
  • Exercício físico. Ressíntese de glicogênio após exercícios intensos

F

  • Fibras musculares glicolíticas. Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares glicolíticas
  • Fibras musculares oxidativas. Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares oxidativas.
  • Fisiologia. Reação fisiológica à carga competitiva
  • Força. Princípios do treinamento de força
  • Fundamentos da adaptação desportivo-pedagógica
  • Futebol. Atividade de jogo.
  • Futebol. Atividades de movimentação competitiva
  • Futebol. Planejamento da preparação física no time juvenil
  • Futebol. Preparação física especial dos jogadores de futebol.
  • Futebol. Seleção na prática do futebol
  • Futebolista. Influência do citrato de sódio na efetividade funcional da preparação dos futebolistas
  • Futebolista. Influência do complexo de biocorretores na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Futebolista. Influência do processo de treinamento na etapa pré-competitiva na preparação funcional dos futebolistas
  • Futebolista. Influência dos antioxidantes na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Futebolista. Modelo do futebolista.
  • Futebolista. Nutrição no treinamento dos futebolistas
  • Futebolista. Planejamento da preparação física do futebolista.
  • Futebolista. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Futebolista. Seleção de talentos e preparação de futebolistas de 14-15 anos.

G

  • Glândulas do sistema endócrino. Método de direção adaptativa das glândulas do sistema endócrino
  • Glicogênio. Ressíntese de glicogênio após exercícios intensos
  • Gordura. Necessidade de gordura como fonte de energia.

H

  • HMB. Recurso ergogênico
  • Hiperplasia. Métodos da hiperplasia das mitocôndrias miofibrilares.
  • Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares glicolíticas.
  • Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares oxidat ivas.

I

  • Imitação da modelagem da bioenergética celular
  • Influência da creatina e do HMB na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Influência do citrato de sódio na efetividade funcional da preparação dos futebolistas.
  • Influência do complexo de biocorretores na efetividade da preparação funcional dos futebolistas.
  • Influência do processo de treinamento na etapa pré-competitiva na preparação funcional dos futebolistas
  • Influência dos antioxidantes na efetividade da preparação funcional dos futebolistas.
  • Introdução

L

  • Lipólise. Modelo do tecido adiposo e dos processos da lipólise

M

  • Mecanismo de utilização dos carboidratos durante a execução de exercícios físicos
  • Método de classificação das cargas físicas
  • Método de direção adaptativa das glândulas do sistema endócrino
  • Métodos da hiperplasia das mitocôndrias miofibrilares
  • Métodos de direção da atividade do tecido adiposo
  • Métodos de direção das adaptações dos órgãos imunocompetentes.
  • Métodos de direção das adaptações nas células dos tecidos.
  • Métodos de hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares.
  • Métodos de treino do músculo cardíaco
  • Métodos fundamentais para avaliações fisiológicas do estado de preparação física
  • Minerais como suplementação alimentar na preparação de atletas
  • Miofibrilas. Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares glicolíticas
  • Miofibrilas. Hiperplasia das miofibrilas nas fibras musculares oxidativas.
  • Mitocôndrias miofibrilares. Métodos da hiperplasia das mitocôndrias miofibrilares
  • Modelagem da bioenergética celular. Imitação
  • Modelagem imitacional biomecânica da contração muscular
  • Modelagem imitacional da atividade muscular (teoria do limiar aeróbico e anaeróbico)
  • Modelo cardiovascular e modelagem imitacional da circulação sanguínea
  • Modelo celular.
  • Modelo conceitual dos sistemas e órgãos humanos
  • Modelo do aparelho neuromuscular.
  • Modelo do futebolista.
  • Modelo do sistema digestivo.
  • Modelo do sistema endócrino
  • Modelo do sistema imunológico
  • Modelo do tecido adiposo e dos processos da lipólise
  • Músculo cardíaco. Métodos de treino do músculo cardíaco.
  • Músculos

N

  • Necessidade de gordura como fonte de energia.
  • Necessidade de proteínas no decorrer das sessões desportivas.
  • Nutrição no treinamento desportivo
  • Nutrição no treinamento dos futebolistas

O

  • Órgão humano. Modelo conceitual dos sistemas e órgãos humanos
  • Órgãos imunocompetentes. Métodos de direção das adaptações dos órgãos imunocompetentes.

P

  • Papel das vitaminas na preparação física de atletas
  • Particularidades morfológicas e funcionais na preparação de futebolistas
  • Pedagogia. Adaptação desportivo-pedagógica. Fundamentos
  • Pedagogia. Testes pedagógicos
  • Período de preparação
  • Período de reabilitação
  • Período de recuperação
  • Período pré-competitivo
  • Período preparatório
  • Peso corporal.
  • Pesquisas racionais. União entre o volume e o intensidade de realização de exercícios físicos. Microciclo. Método de modelagem imitacional matemática
  • Planejamento da preparação física do futebolista
  • Planejamento da preparação física no time juvenil
  • Planejamento das técnicas de preparação física
  • Planificação das cargas. Teoria
  • Planificação do processo de treinamento nos esportes cíclicos.
  • Potência alática
  • Preparação. Minerais como suplementação alimentar na preparação de atletas
  • Preparação. Período de preparação
  • Preparação. Período preparatório
  • Preparação física. Controle da efetividade da preparação física
  • Preparação física. Métodos fundamentais para avaliações fisiológicas do estado de preparação física
  • Preparação física. Papel das vitaminas na preparação física de atletas
  • Preparação física. Planejamento da preparação física do futebolista
  • Preparação física. Planejamento das técnicas de preparação física
  • Preparação física. Princípio da preparação física de atletas
  • Preparação física. Verificação experimental da adequada recomendação.
  • Preparação física especial dos jogadores de futebol
  • Preparação física rumo ao torneio
  • Preparação funcional. Influência do complexo de biocorretores na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Preparação funcional. Influência do processo de treinamento na etapa pré- competitiva na preparação funcional dos futebolistas.
  • Preparação funcional. Influência dos antioxidantes na efetividade da preparação funcional dos futebolistas
  • Preparação imediata da seleção nacional para o Campeonato Mundial.
  • Preparação pré-competitiva. Teoria imediata da preparação pré- competitiva.
  • Princípio da preparação física de atletas
  • Princípios do treinamento de força
  • Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplementos alimentares biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógenas
  • Propriedade alcalógena. Processo de adaptação. Curto prazo. Organismo do atleta. Utilização na alimentação de suplemento alimentar biocorretores, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógena
  • Propriedade alcalógena. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplemento alimentar, biocorreto- res, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógena
  • Proteína. Necessidade de proteínas no decorrer das sessões desportivas

R

  • Reação fisiológica à carga competitiva
  • Recurso ergogênico. Bicarbonato de sódio
  • Recurso ergogênico. Citrato de sódio
  • Recurso ergogênico. Coenzima-Q10
  • Recurso ergogênico. Creatina
  • Recurso ergogênico. HMB
  • Recursos ergogênicos
  • Referências
  • Ressíntese de glicogênio após exercícios intensos

S

  • Seleção de talentos e preparação de futebolistas de 14-15 anos
  • Seleção na prática do futebol
  • Seleção nacional. Preparação imediata da seleção nacional para o Campeonato Mundial
  • Sessão desportiva. Necessidade de proteínas no decorrer das sessões desportivas.
  • Sistema digestivo. Modelo do sistema digestivo.
  • Sistema endócrino. Método de direção adaptativa das glândulas do sistema endócrino
  • Sistema endócrino. Modelo do sistema endócrino
  • Sistema imunulógico. Modelo do sistema imunológico
  • Suplementação alimentar. Minerais como suplementação alimentar na preparação de atletas
  • Suplemento alimentar. Processo de adaptação. Longo prazo. Organismo dos futebolistas diante da utilização de suplemento alimentar, biocorreto- res, antioxidantes, ergogênios e propriedades alcalógena

T

  • Tecido adiposo. Métodos de direção da atividade do tecido adiposo
  • Tecido adiposo. Modelo do tecido adiposo e dos processos da lipólise
  • Técnicas de ingestão de biocorretores como componente necessário do processo de treinamento.
  • Teoria da planificação das cargas
  • Teoria do limiar aeróbico e anaeróbico. Modelagem imitacional da atividade muscular (teoria do limiar aeróbico e anaeróbico)
  • Teoria imediata da preparação pré-competitiva
  • Testes pedagógicos
  • Torneio. Preparação física rumo ao torneio
  • Treinamento. Influência do processo de treinamento na etapa pré- competitiva na preparação funcional dos futebolistas
  • Treinamento. Planificação do processo de treinamento nos esportes cíclicos.
  • Treinamento. Princípios do treinamento de força
  • Treinamento. Técnicas de ingestão de biocorretores como componente necessário do processo de treinamento
  • Treinamento desportivo. Nutrição

V

  • Vasos e coração
  • Verificação experimental da adequada recomendação
  • Vitamina. Papel das vitaminas na preparação física de atletas

Recomendações

Capa do livro: Manual de Emergências de Pronto-Socorro, Carla M.M. Stahlshmidt, Henrique P. Carvalho e Luiz Carlos V. Bahten

Manual de Emergências de Pronto-Socorro

Mini BookCarla M.M. Stahlshmidt, Henrique P. Carvalho e Luiz Carlos V. BahtenISBN: 978853621522-8Páginas: 196Publicado em: 13/04/2007

Versão impressa

R$ 59,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Ventilação Mecânica Não-Invasiva, Rafael Michel de Macedo

Ventilação Mecânica Não-Invasiva

 Rafael Michel de MacedoISBN: 978853621701-7Páginas: 160Publicado em: 31/08/2007

Versão impressa

R$ 49,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Sexualidade e Câncer - Vivência de Casais no Estágio Avançado da Doença, Rosenilda Moura da Silva e Maria Alexina Ribeiro

Sexualidade e Câncer - Vivência de Casais no Estágio Avançado da Doença

 Rosenilda Moura da Silva e Maria Alexina RibeiroISBN: 978853622279-0Páginas: 146Publicado em: 19/02/2009

Versão impressa

R$ 39,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Administração de Medicamentos, Paulo Celso Prado Telles Filho e Silvia Helena De Bortoli Cassiani

Administração de Medicamentos

 Paulo Celso Prado Telles Filho e Silvia Helena De Bortoli CassianiISBN: 853620216-5Páginas: 128Publicado em: 24/12/1999

Versão impressa

R$ 39,90Adicionar ao
carrinho