Retratos

Aline Dittrich Zappa

Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Aline Dittrich Zappa
ISBN: 853620347-1
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 258
Publicado em: 24/03/2003
Área(s): Literatura e Cultura - Viagem e Turismo; Literatura e Cultura - Diversos
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

"Viajar hoje em dia sem sair de casa é muito fácil. A televisão e os computadores abrem as cortinas de lugares nunca dantes visitados nem sequer sonhados pelo homem atual que, comodamente sentado em sua cadeira predileta, assiste a filmes ou vídeos sobre paragens distantes de que não ouviu falar".

No entando, estar presente nos lugares onde os fatos narrados aconteceram, imaginar os personagens que tomaram parte da história local ou aprecisar os monumentos e as cidades visitadas, ou ainda admirar a natureza diferente da que se conhece, é muito mais agradável do que apenas ver na televisão ou pela internet.

Assim, na presente obra, a autora relata o percurso às ruínas das civilizações Maia, Asteca e Inca na América Central e do Sul. Descreve suas aventuras e desventuras pelos caminhos do Egito e da Turquia. Passeia não só pela civilizada Europa, mas também se aventura por lugares exóticos como as ilhas do Pacífico e do Caribe vivenciando o dia-a-dia dos habitantes do lugar.

Talvez para descansar de suas inúmeras viagens, dedica-se a tecer comentários sobre os mais diversos assuntos, construindo contos e crônicas que abordam a mais abrangente temática.

Obra de fácil leitura, certamente agradará a todos que apreciam um bom livro.

AUTOR(ES)

Aline Dittrich Zappa nasceu na Lapa, PR, no ano de 1929, filha de Helena Tharcilla Dittrich Zappa e Victorio Augusto Zappa. Cursou o primário, o colegial e o curso de Professora Normalista em sua cidade natal. Na PUCPR, recebeu os títulos de Bacharela e Licenciada em Ciências Sociais. Deveria se considerar uma cientista social, mas a profissão que realmente exerceu foi a de Professora, da qual até hoje se orgulha.

Fez diversos cursos de extensão relativos ao magistério. Afirma que o conhecimento da Língua Castelhana facilitou muito a sua comunicação nas inúmeras viagens que realizou ao exterior. Como estudante, foi Presidenta do Cenáculo Olavo Bilac e do Grêmio Bogari, e, adulta, fez parte da Diretoria do Clube de Soroptimista da Lapa. Militou em campanhas políticas e eventualmente escreve crônicas em jornais locais.

Professora, lecionou no Educandário São Vicente de Paula e fala com saudades das irmãs e alunas com as quais conviveu durante o ano letivo. Foi diretora da Escola de Aplicação Abigail Cortes, da Escola Normal Novo Ateneu e do Colégio Estadual General Carneiro.

Muitas crônicas escritas para jornais de sua cidade, foram coligidas sob o título "Como Folhas ao Vento". A primeira edição foi patrocinada pela Prefeitura Municipal da Lapa, na gestão do Sr. Miguel Batista, e a segunda, pela Universidade Tuiuti do Paraná, no ano de 2000.

Em 30/12/2000, o Centro de Informática de Deficientes Visuais Prof. Hermann Görgen outorgou-lhe o diploma de Honra ao Mérito em reconhecimento pela autorização de sua obra, editada em braile, em obediência ao Projeto "A Luz do Saber".

Atualmente aposentada do magistério, divide seu tempo entre Buenos Aires, Portugual e Brasil, e admite que passou na Lapa, os melhores momentos de sua vida.

INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: