Execução por Quantia Certa - Acesso à Justiça pela Desjudicialização da Execução Civil

Taynara Tiemi Ono

Versão impressa

de R$ 79,90*
por R$ 71,91em 2x de R$ 35,96Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
de R$ 57,70*
por R$ 51,93em 2x de R$ 25,97Adicionar ao carrinho

* Desconto não cumulativo com outras promoções, incluindo P.A.P. e Cliente Fiel

Ficha técnica

Autor(es): Taynara Tiemi Ono

ISBN v. impressa: 978853627738-7

ISBN v. digital: 978853627786-8

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 248grs.

Número de páginas: 200

Publicado em: 15/03/2018

Área(s): Direito - Processual Civil

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

É fundamental em um Estado Democrático de Direito a proteção efetiva aos direitos. A atividade executiva exerce uma função essencial nesse contexto. Para tanto, mecanismos processuais devem garantir o devido cumprimento dos pronunciamentos judiciais e de outras obrigações prescritas em títulos dotados de força executiva. Ocorre que a ineficiência no sistema de satisfação de créditos é um fenômeno existente há anos no Brasil e que tem comprometido, em grande medida, o pleno acesso à Justiça.

Por esse prisma, restringindo-se à análise das execuções por quantia certa, a presente obra tem por finalidade problematizar o modelo executivo vigente – que atribui exclusivamente ao magistrado o papel de conduzir todo o processo –, o que, por consequência, tem resultado na ineficiência da tutela satisfativa de direitos em virtude do excessivo volume de trabalho do Poder Judiciário.

A hipótese central da pesquisa é de que a condução do processo executivo de forma privativa pelo juiz não se faz necessária, em razão da preponderância de atividades de natureza eminente­mente não cognitiva no processo de execução.

Com o objetivo de ampliar as reflexões sobre o tema, e de obter alternativas à crise de adimplemento das obrigações pecuniárias, esta obra propõe-se a apresentar formas desjudicializadas de execução praticadas em outros sistemas jurídicos, bem como discutir a viabilidade de sua implementação no ordenamento pátrio.


Ajude a autora a aprimorar a obra. Em caso de dúvidas, sugestões e/ou críticas, por gentileza, envie sua mensagem ao e-mail taynara.ono@gmail.com.
Todos os comentários serão muito bem-vindos e devidamente respondidos.

Autor(es)

TAYNARA TIEMI ONO
Mestra em Direito, Esta­do e Constituição pela Universidade de Brasília – FD/UnB. Especialista em Direito Eleitoral pelo Instituto para o Desen­volvimento Democráti­co – IDDE. Advogada. Professora Voluntária na FD/UnB. Mediado­ra Judicial pelo TJDFT. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Processo Civil – FD/UnB. Autora de livros e arti­gos científicos.

Sumário

LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS, p. 15

LISTA DE GRÁFICOS E TABELAS, p. 17

INTRODUÇÃO, p. 19

Capítulo 1 O PANORAMA DA EXECUÇÃO CIVIL NO SISTEMA PROCESSUAL VIGENTE, p. 25

1.1 DIFERENCIAÇÃO DOS PROCEDIMENTOS EXECUTIVOS A PARTIR DAS OBRIGAÇÕES CONSTITUÍDAS, p. 28

1.1.1 Execução de Obrigações Específicas, p. 32

1.1.2 Execução de Obrigações Pecuniárias, p. 37

1.1.2.1 Outras espécies de execuções de natureza pecuniária, p. 44

1.2 A CONDUÇÃO DA EXECUÇÃO PELO MAGISTRADO E ATIVIDADES AUXILIARES, p. 44

1.2.1 Oficial de Justiça: A Longa Manus do Juiz, p. 51

1.2.2 Serviços Notariais e de Registro, p. 53

1.2.2.1 Averbação da penhora, p. 56

1.2.2.2 Protesto de título, p. 59

Capítulo 2 A EXECUÇÃO CIVIL INEFICIENTE COMO OBSTÁCULO AO EFETIVO ACESSO À JUSTIÇA, p. 65

2.1 ACESSO À JUSTIÇA, p. 66

2.2 A EXECUÇÃO COMO "GARGALO DA JUSTIÇA", p. 80

2.2.1 A Crise das Execuções no Poder Judiciário: Acesso à Justiça Comprometido, p. 82

2.2.2 As Execuções por Quantia Certa como Principal Gargalo da Justiça Brasileira, p. 87

2.2.3 Reflexos da Ineficiência da Atividade Jurisdicional Executiva, p. 90

2.3 AS EXECUÇÕES POR QUANTIA CERTA NA PERSPECTIVA DO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL, p. 92

2.3.1 Principais Alterações, p. 94

2.3.1.1 Alterações estruturais, p. 94

2.3.1.2 Adequação à nova sistemática, p. 96

2.3.1.3 Procedimento mais minucioso, p. 97

2.3.1.4 Situações previamente admitidas pela jurisprudência, p. 99

2.3.1.5 Situações contrárias à jurisprudência anterior ao CPC/2015, p. 101

2.3.1.6 Objeto da execução, p. 102

2.3.1.7 Alteração da ordem preferencial, p. 104

2.3.1.8 Alternativas ao uso da estrutura judiciária, p. 105

2.3.2 Os Impactos do Novo Código de Processo Civil na Atividade Executiva, p. 106

Capítulo 3 DESJUDICIALIZAÇÃO DA EXECUÇÃO POR QUANTIA CERTA COMO ALTERNATIVA VOLTADA À MELHORIA DO FUNCIONAMENTO DA JUSTIÇA PROCESSUAL, p. 111

3.1 FORMAS DE DESJUDICIALIZAÇÃO DA EXECUÇÃO, p. 114

3.1.1 Execução Praticada por Agentes Públicos, p. 117

3.1.1.1 Execução realizada no âmbito administrativo, p. 118

3.1.1.2 Execução realizada no âmbito judicial, p. 127

3.1.2 Execução Praticada por Agentes Privados, p. 135

3.2 ANÁLISE DAS MENÇÕES AO MODELO EXECUTIVO PORTUGUÊS PELA DOUTRINA BRASILEIRA COMO UMA POSSÍVEL SOLUÇÃO À CRISE DA EXECUÇÃO, p. 142

Capítulo 4 A VIABILIDADE DA DESJUDICIALIZAÇÃO DA EXECUÇÃO POR QUANTIA CERTA NO SISTEMA BRASILEIRO, p. 155

4.1 ASPECTOS QUE FAVORECEM A DESJUDICIALIZAÇÃO DAS EXECUÇÕES POR QUANTIA CERTA, p. 156

4.1.1 O Desprendimento Entre a Execução de Obrigações Pecuniárias e a Cognição Judicial pela Tipicidade do Procedimento, p. 158

4.1.2 A Eficácia Abstrata do Título Executivo, p. 164

4.2 A COMPATIBILIDADE ENTRE A DESJUDICIALIZAÇÃO E O PRINCÍPIO DA INAFASTABILIDADE DA JURISDIÇÃO, p. 167

4.3 PERSPECTIVAS PARA O FUTURO DA EXECUÇÃO, p. 172

CONSIDERAÇÕES FINAIS, p. 181

REFERÊNCIAS, p. 185

Índice alfabético

A

  • Abreviatura. Lista de abreviaturas e siglas, p. 15
  • Acesso à justiça, p. 66
  • Acesso à justiça. Crise das execuções no poder judiciário: acesso à justiça comprometido, p. 82
  • Acesso à justiça. Execução civil ineficiente como obstáculo ao efetivo acesso à justiça, p. 65
  • Agente privado. Execução praticada por agentes privados, p. 135
  • Agente público. Execução praticada por agentes públicos, p. 117
  • Âmbito administrativo. Execução realizada no âmbito administrativo, p. 118
  • Âmbito judicial. Execução realizada no âmbito judicial, p. 127
  • Análise das menções ao modelo executivo português pela doutrina brasileira como uma possível solução à crise da execução, p. 142
  • Aspectos que favorecem a desjudicialização das execuções por quantia certa, p. 156
  • Atividade auxiliar. Condução da execução pelo magistrado e atividades auxiliares, p. 44
  • Atividade jurisdicional executiva. Reflexos da ineficiência da atividade jurisdicional executiva, p. 90
  • Averbação da penhora, p. 56

C

  • Cognição judicial. Desprendimento entre a execução de obrigações pecuniárias e a cognição judicial pela tipicidade do procedimento, p. 158
  • Compatibilidade entre a desjudicialização e o princípio da inafastabilidade da jurisdição, p. 167
  • Condução da execução pelo magistrado e atividades auxiliares, p. 44
  • Considerações finais, p. 181
  • CPC/2015. Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil, p. 92
  • Crise da execução. Análise das menções ao modelo executivo português pela doutrina brasileira como uma possível solução à crise da execução, p. 142
  • Crise das execuções no poder judiciário: acesso à justiça comprometido, p. 82

D

  • Desjudicialização da execução por quantia certa como alternativa voltada à melhoria do funcionamento da justiça processual, p. 111
  • Desjudicialização da execução. Formas, p. 114
  • Desjudicialização. Aspectos que favorecem a desjudicialização das execuções por quantia certa, p. 156
  • Desjudicialização. Compatibilidade entre a desjudicialização e o princípio da inafastabilidade da jurisdição, p. 167
  • Desjudicialização. Viabilidade da desjudicialização da execução por quantia certa no sistema brasileiro, p. 155
  • Desprendimento entre a execução de obrigações pecuniárias e a cognição judicial pela tipicidade do procedimento, p. 158
  • Diferenciação dos procedimentos executivos a partir das obrigações constituídas, p. 28

E

  • Eficácia abstrata do título executivo, p. 164
  • Eficiência. Execução civil ineficiente como obstáculo ao efetivo acesso à justiça, p. 65
  • Eficiência. Reflexos da ineficiência da atividade jurisdicional executiva, p. 90
  • Execução civil ineficiente como obstáculo ao efetivo acesso à justiça, p. 65
  • Execução civil. Panorama da execução civil no sistema processual vigente, p. 25
  • Execução como "gargalo da justiça", p. 80
  • Execução de obrigações específicas, p. 32
  • Execução de obrigações pecuniárias, p. 37
  • Execução por quantia certa. Aspectos que favorecem a desjudicialização das execuções por quantia certa, p. 156
  • Execução por quantia certa. Desjudicialização da execução por quantia certa como alternativa voltada à melhoria do funcionamento da justiça processual, p. 111
  • Execução por quantia certa. Viabilidade da desjudicialização da execução por quantia certa no sistema brasileiro, p. 155
  • Execução praticada por agentes privados, p. 135
  • Execução praticada por agentes públicos, p. 117
  • Execução realizada no âmbito administrativo, p. 118
  • Execução realizada no âmbito judicial, p. 127
  • Execução. Condução da execução pelo magistrado e atividades auxiliares, p. 44
  • Execução. Objeto da execução, p. 102
  • Execução. Perspectivas para o futuro da execução, p. 172
  • Execuções de natureza pecuniária. Outras espécies, p. 44
  • Execuções por quantia certa como principal gargalo da justiça brasileira, p. 87
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil, p. 92
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Adequação à nova sistemática, p. 96
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Alterações estruturais, p. 94
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Principais alterações, p. 94
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Procedimento mais minucioso, p. 97
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Situações contrárias à jurisprudência anterior ao CPC/2015, p. 101
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Situações previamente admitidas pela jurisprudência, p. 99
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Alteração da ordem preferencial, p. 104
  • Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil. Alternativas ao uso da estrutura judiciária, p. 105

F

  • Formas de desjudicialização da execução, p. 114

G

  • "Gargalo da justiça". Execução como "gargalo da justiça", p. 80
  • Gráfico. Lista de gráficos e tabelas, p. 17

I

  • Impactos do Novo Código de Processo Civil na Atividade Executiva, p. 106
  • Inafastabilidade da jurisdição. Compatibilidade entre a desjudicialização e o princípio da inafastabilidade da jurisdição, p. 167
  • Introdução, p. 19

J

  • Juiz. Oficial de justiça: a longa manus do juiz, p. 51
  • Justiça brasileira. Execuções por quantia certa como principal gargalo da justiça brasileira, p. 87
  • Justiça processual. Desjudicialização da execução por quantia certa como alternativa voltada à melhoria do funcionamento da justiça processual, p. 111

L

  • Lista de abreviaturas e siglas, p. 15
  • Lista de gráficos e tabelas, p. 17
  • Longa manus do juiz. Oficial de justiça: a longa manus do juiz, p. 51

M

  • Magistrado. Condução da execução pelo magistrado e atividades auxiliares, p. 44
  • Modelo executivo português. Análise das menções ao modelo executivo português pela doutrina brasileira como uma possível solução à crise da execução, p. 142

O

  • Obrigação constituída. Diferenciação dos procedimentos executivos a partir das obrigações constituídas, p. 28
  • Obrigação específica. Execução, p. 32
  • Obrigação pecuniária. Desprendimento entre a execução de obrigações pecuniárias e a cognição judicial pela tipicidade do procedimento, p. 158
  • Obrigação pecuniária. Execução, p. 37
  • Obstáculo. Execução civil ineficiente como obstáculo ao efetivo acesso à justiça, p. 65
  • Oficial de justiça: a "longa manus" do juiz, p. 51
  • Outras espécies de execuções de natureza pecuniária, p. 44

P

  • Panorama da execução civil no sistema processual vigente, p. 25
  • Penhora. Averbação da penhora, p. 56
  • Perspectivas para o futuro da execução, p. 172
  • Poder Judiciário. Crise das execuções no poder judiciário: acesso à justiça comprometido, p. 82
  • Procedimento executivo. Diferenciação dos procedimentos executivos a partir das obrigações constituídas, p. 28
  • Protesto de título, p. 59

Q

  • Quantia certa. Execuções por quantia certa na perspectiva do novo Código de Processo Civil, p. 92

R

  • Referências, p. 185
  • Reflexos da ineficiência da atividade jurisdicional executiva, p. 90

S

  • Serviços notariais e de registro, p. 53
  • Sigla. Lista de abreviaturas e siglas, p. 15
  • Sistema processual. Panorama da execução civil no sistema processual vigente, p. 25

T

  • Tabela. Lista de gráficos e tabelas, p. 17
  • Tipicidade do procedimento. Desprendimento entre a execução de obrigações pecuniárias e a cognição judicial pela tipicidade do procedimento, p. 158
  • Título executivo. Eficácia abstrata do título executivo, p. 164
  • Título. Protesto de título, p. 59

V

  • Viabilidade da desjudicialização da execução por quantia certa no sistema brasileiro, p. 155

Recomendações

Capa do livro: Relevância da Questão de Direito no Recurso Especial, A, Rodrigo Cunha Mello Salomão

Relevância da Questão de Direito no Recurso Especial, A

 Rodrigo Cunha Mello SalomãoISBN: 978655605319-6Páginas: 190Publicado em: 28/12/2020

Versão impressa

de R$ 79,90* porR$ 71,91em 2x de R$ 35,96Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 57,70* porR$ 51,93em 2x de R$ 25,97Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Processo Monitório no Novo CPC, J. E. Carreira Alvim

Processo Monitório no Novo CPC

7ª Edição - Revista e AtualizadaJ. E. Carreira AlvimISBN: 978853628474-3Páginas: 110Publicado em: 28/11/2018

Versão impressa

de R$ 49,90* porR$ 44,91 Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 34,70* porR$ 31,23 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Intervenção de Terceiros nas Ações Coletivas - Sob a Ótica Jurídico-Processual Luso-Brasileira, Wilson de Souza Malcher

Intervenção de Terceiros nas Ações Coletivas - Sob a Ótica Jurídico-Processual Luso-Brasileira

2ª EdiçãoWilson de Souza MalcherISBN: 978853625560-6Páginas: 172Publicado em: 01/02/2016

Versão impressa

de R$ 69,90* porR$ 62,91em 2x de R$ 31,46Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 49,90* porR$ 44,91 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Comentários ao Novo Código de Processo Civil - Lei 13.105, de 16 de Março de 2015, J. E. Carreira Alvim

Comentários ao Novo Código de Processo Civil - Lei 13.105, de 16 de Março de 2015

 J. E. Carreira AlvimISBN: 978853626646-6Páginas: 432Publicado em: 20/02/2017

Versão impressa

de R$ 149,90* porR$ 134,91em 5x de R$ 26,98Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 104,70* porR$ 94,23em 3x de R$ 31,41Adicionar eBook
ao carrinho