Fusões e Aquisições - A Arte de Negociação de Empresas e Técnicas de Avaliação - Aspectos Contábeis, Societários e Tributários

3ª Edição - Revista e Atualizada Everson Luiz Breda Carlin

Versão impressa

por R$ 89,90em 3x de R$ 29,97Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
por R$ 64,70em 2x de R$ 32,35Adicionar ao carrinho

Ficha técnica

Autor(es): Everson Luiz Breda Carlin

ISBN v. impressa: 978655605322-6

ISBN v. digital: 978655605462-9

Edição/Tiragem: 3ª Edição - Revista e Atualizada

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 251grs.

Número de páginas: 202

Publicado em: 04/01/2021

Área(s): Contabilidade - Contabilidade Geral Aplicada

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

Este livro foi idealizado visando proporcionar aos leitores uma noção realista e prática de como funciona um processo completo de negociação de empresa, e principalmente, além da compreensão das situações negociais e das intenções que envolvem as partes interessadas e o papel de seus assessores estratégicos, procura abordar também os aspectos técnicos como os métodos de avaliação de preço e medição de riscos, discorrendo também sobre os cuidados a serem observados pelos negociadores objetivando o êxito da negociação.

A obra discorre sobre o processo da negociação a ser conduzido pelo assessor, a gestão de riscos em ambiente empresarial, a governança corporativa e sua importância nos processos de fusões e aquisições, a importância da “due diligence”, as alternativas de financiamento, a reestruturação societária das companhias e os aspectos societários, contábeis e tributários em combinação de negócios, a alavancagem financeira e operacional e seus reflexos na valorização das empresas, o diagnóstico empresarial, visão de cenários e desenvolvimento de planejamento estratégico juntamente com o plano de negócios, o valuation e os modelos de avaliação de empresas finalizando com as formas de pagamento parcelado visando contingências ou vinculado a resultados futuros “earn-out”.

Autor(es)

EVERSON LUIZ BREDA CARLIN

Bacharel em Ciências Contábeis, com MBA em Administração Estratégica. Sócio diretor do Grupo ZHC (Organização especializada em Fusões e Aquisições e Avaliação de Empresas). Especialista em avaliação de empresas e avaliação de riscos com experiência nacional e internacional em avaliação e negociação de empresas. Auditor independente, perito e membro de conselhos. Professor universitário de cursos de MBAs. Palestrante em eventos corporativos e Conselheiro do CRCPR. Autor de livros de finanças e contabilidade com foco em Fusões e Aquisições, IFRS, Valuation, Auditoria, Planejamento e Gestão Tributária, Governança, Compliance e Reestruturação Societária.

Sumário

LISTA DE ABREVIATURAS, p. 19

GLOSSÁRIO DE TERMOS FINANCEIROS MAIS UTILIZADOS EM PROCESSOS DE FUSÕES E AQUISIÇÕES, p. 21

INTRODUÇÃO, p. 27

UMA NOVA DENOMINAÇÃO PARA O TERMO ´FUSÕES E AQUISIÇÕES´: ´COMBINAÇÃO DE NEGÓCIOS´, p. 29

O MERCADO DE FUSÕES E AQUISIÇÕES NO BRASIL, p. 29

COMO FUNCIONA O MERCADO DE FUSÕES E AQUISIÇÕES, p. 32

PERENIDADE E AS EMPRESAS CENTENÁRIAS NO BRASIL, p. 35

ABORDAGEM DO LIVRO, p. 37

1 O PROCESSO DA NEGOCIAÇÃO A SER CONDUZIDO PELO ASSESSOR EM PROJETOS DE FUSÕES E AQUISIÇÕES (M&A), p. 39

A VALORIZAÇÃO DA EMPRESA SOB A ÓTICA DO VENDEDOR, p. 43

A VALORIZAÇÃO DA EMPRESA SOB A ÓTICA DO COMPRADOR, p. 43

AS PRINCIPAIS ETAPAS DO ROTEIRO DE VENDA DE UMA EMPRESA, p. 44

TEMPO DE DURAÇÃO DA PREPARAÇÃO ATÉ A VENDA, p. 45

OS PONTOS CRÍTICOS DE UMA NEGOCIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 45

O PAPEL DO ASSESSOR (ADVISER) E A SUA IMPORTÂNCIA, p. 46

2 GESTÃO DE RISCOS EM AMBIENTE EMPRESARIAL, p. 49

3 A GOVERNANÇA CORPORATIVA E A CRIAÇÃO DE VALOR NOS PROCESSOS DE FUSÕES E AQUISIÇÕES, p. 53

UMA BREVE VISÃO DE TRANSPARÊNCIA, p. 55

UMA BREVE VISÃO DE EQUIDADE, p. 55

UMA BREVE VISÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS, p. 56

UMA BREVE VISÃO DE RESPONSABILIDADE CORPORATIVA, p. 56

DIVISÃO DO CÓDIGO ELABORADO PELO IBGC, p. 56

IMPORTÂNCIA DA TRANSPARÊNCIA E DO USO DAS INFORMAÇÕES CONTÁBEIS, p. 58

A CRIAÇÃO DE VALOR, p. 59

FATORES QUE AGREGAM PARA A CRIAÇÃO DE VALOR NAS ORGANIZAÇÕES, p. 60

QUADRO DOS DIRECIONADORES DE VALOR NA PRECIFICAÇÃO DAS EMPRESAS, p. 61

RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL, p. 63

OS ATIVOS INTANGÍVEIS NA GERAÇÃO DE VALOR, p. 63

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE NA GERAÇÃO DE VALOR DAS EMPRESAS, p. 65

GERIR O NEGÓCIO, SEMPRE PENSANDO EM COMO SAIR DELE, p. 66

O PLANEJAMENTO SUCESSÓRIO, p. 67

4 A IMPORTÂNCIA DA DUE DILIGENCE NOS PROCESSOS DE FUSÕES E AQUISIÇÕES, p. 69

A PRÉ DUE DILIGENCE, p. 70

A DUE DILIGENCE COMPLETA, p. 70

A AVALIAÇÃO DE RISCOS POR ÁREA DILIGENCIADA, p. 71

TRATAMENTO DAS INFORMAÇÕES, p. 72

5 REESTRUTURAÇÃO SOCIETÁRIA DAS COMPANHIAS - ASPECTOS SOCIETÁRIOS, CONTÁBEIS E TRIBUTÁRIOS EM COMBINAÇÃO DE NEGÓCIOS, p. 75

ASPECTOS SOCIETÁRIOS DAS EMPRESAS EM COMBINAÇÃO DE NEGÓCIOS, p. 75

ASPECTOS CONTÁBEIS E TRIBUTÁRIOS EM COMBINAÇÃO DE NEGÓCIOS, p. 86

TRATAMENTO TRIBUTÁRIO DA MAIS OU MENOS VALIA, p. 88

PRINCIPAIS MUDANÇAS CONTÁBEIS OCASIONADAS PELA LEI 11.638/2007, p. 89

SUBSTITUIÇÃO DA DOAR (DEMONSTRAÇÃO DAS ORIGENS E APLICAÇÕES DE RECURSOS) PELA DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA (DFC), p. 90

INCLUSÃO DA DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO (DVA) NO CONJUNTO DE DEMONSTRAÇÕES OBJETO DE APROVAÇÃO NA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA, p. 90

CRIAÇÃO DO SUBGRUPO DE CONTA ´INTANGÍVEL´, p. 91

CRIAÇÃO DOS SUBGRUPOS DE CONTAS ´AJUSTES DE AVALIAÇÃO PATRIMONIAL´ E ´AÇÕES EM TESOURARIA´; ELIMINAÇÃO DA ´RESERVA DE REAVALIAÇÃO´ E DA CONTA ´LUCROS ACUMULADOS´, NO PATRIMÔNIO LÍQUIDO, p. 91

CLASSIFICAÇÃO DO ATIVO IMOBILIZADO, p. 93

CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DO ATIVO DIFERIDO, p. 93

CLASSIFICAÇÃO DOS INSTRUMENTOS FINANCEIROS, p. 93

AJUSTE A VALOR PRESENTE, p. 94

INCORPORAÇÃO, FUSÃO OU CISÃO (COMBINAÇÃO DE EMPRESAS), p. 94

EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL, p. 95

CRIAÇÃO DA ´RESERVA DE INCENTIVOS FISCAIS´, p. 95

ELIMINAÇÃO DA RESERVA DE CAPITAL ´PRÊMIO NA EMISSÃO DE DEBÊNTURES´, p. 95

AVALIAÇÃO PERIÓDICA COMPULSÓRIA DO GRAU DE RECUPERAÇÃO DOS VALORES REGISTRADOS NO ATIVO IMOBILIZADO, INTANGÍVEL E DIFERIDO (RECUPERABILIDADE OU IMPAIRMENT), p. 96

POSSIBILIDADE DE MANTER SEPARADAMENTE A ESCRITURAÇÃO DAS TRANSAÇÕES PARA ATENDER À LEGISLAÇÃO TRIBUTÁRIA E, NA SEQUÊNCIA, OS AJUSTES NECESSÁRIOS PARA ADAPTAÇÃO ÀS PRÁTICAS CONTÁBEIS, p. 96

DEMAIS ALTERAÇÕES NA LEGISLAÇÃO CONTÁBIL INSERIDAS ATRAVÉS DA LEI 11.638/2007, p. 97

DEMAIS ALTERAÇÕES NA LEGISLAÇÃO CONTÁBIL INSERIDAS ATRAVÉS DE PRONUNCIAMENTOS DA COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS (CVM) E DEMAIS ÓRGÃOS REGULADORES DA CONTABILIDADE, p. 98

REDUÇÃO DO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVOS - NBC TG 01, p. 98

EFEITOS NAS TAXAS DE CÂMBIO - NBC TG 02, p. 98

PARTES RELACIONADAS - NBC TG 05, p. 99

SUBVENÇÕES GOVERNAMENTAIS - NBC TG 07, p. 99

PAGAMENTOS BASEADOS EM AÇÕES - NBC TG 10, p. 99

DIVULGAÇÕES POR SEGMENTOS DE NEGÓCIOS - NBC TG 38, p. 100

CRITÉRIOS DE MENSURAÇÃO DOS ELEMENTOS DO BALANÇO PATRIMONIAL PELO NOVO PADRÃO IFRS, COM EXEMPLOS PRÁTICOS, p. 100

ATIVO IMOBILIZADO, p. 100

MENSURAÇÃO, p. 100

RECUPERABILIDADE, p. 101

VIDA ÚTIL ESTIMADA E DEPRECIAÇÃO: COMENTÁRIOS, p. 106

AJUSTES DE AVALIAÇÃO PATRIMONIAL, p. 109

AJUSTES A VALOR PRESENTE, p. 112

O ÁGIO E AS ALTERAÇÕES CONTÁBEIS E FISCAIS DA APLICAÇÃO DO IFRS, p. 113

EXEMPLO PRÁTICO DAS ALTERAÇÕES QUE FORAM INTRODUZIDAS PELA LEI 12.973/2014, p. 117

FORMAS DE REORGANIZAÇÃO SOCIETÁRIA, p. 118

DEMAIS TÓPICOS INERENTES À ORGANIZAÇÃO DAS SOCIEDADES, p. 128

6 ALTERNATIVAS DE FINANCIAMENTO VISANDO REESTRUTURAÇÃO SOCIETÁRIA, p. 133

MOTIVOS PARA CAPTAÇÃO DE RECURSOS, p. 135

PRINCIPAIS FONTES DE CAPITAL VISANDO INOVAÇÃO, CRESCIMENTO OU REESTRUTURAÇÃO QUE PODEM SER UTILIZADAS NO MERCADO, p. 136

7 ALAVANCAGEM FINANCEIRA E OPERACIONAL E SEUS REFLEXOS NA VALORIZAÇÃO DAS EMPRESAS, p. 139

DEFINIÇÃO DE ALAVANCAGEM FINANCEIRA E OPERACIONAL, p. 140

A IMPORTÂNCIA DO CONHECIMENTO PARA A GESTÃO DE ALAVANCAGEM, p. 140

GRAU DE ALAVANCAGEM OPERACIONAL (GAO), p. 141

GRAU DE ALAVANCAGEM FINANCEIRA (GAF), p. 141

ALAVANCAGEM E SUAS CONCLUSÕES, p. 142

ALAVANCAGEM E O CUSTO MÉDIO DE CAPTAÇÃO PARA AVALIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 143

8 DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL, VISÃO DE CENÁRIOS E DESENVOLVIMENTO DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO, p. 145

VISÃO GENÉRICA DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO, p. 145

PRINCIPAIS FERRAMENTAS DE QUE DISPOMOS PARA MELHOR AVALIAR A GESTÃO EMPRESARIAL, p. 149

A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO NAS OPORTUNIDADES EM FUSÕES E AQUISIÇÕES, p. 152

9 PLANO DE NEGÓCIOS, p. 153

10 VALUATION E OS MODELOS DE AVALIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 157

DISTINÇÃO ENTRE PREÇO E VALOR, p. 157

DEFINIÇÃO DO TERMO ´VALUATION´, p. 158

O VALOR DE UMA EMPRESA, DO NEGÓCIO OU DE SEU ATIVO, p. 158

MODELOS GERAIS DE AVALIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 159

AVALIAÇÃO BASEADA EM ATIVOS (AVALIAÇÃO CONTÁBIL), p. 159

A AVALIAÇÃO PELO MÉTODO DO FLUXO DE CAIXA DESCONTADO (FCD), p. 160

A AVALIAÇÃO RELATIVA: A AVALIAÇÃO DE EMPRESAS POR MEIO DE MÚLTIPLOS, p. 161

A AVALIAÇÃO POR PRECIFICAÇÃO DE OPÇÕES (AVALIAÇÃO DE DIREITOS EXPLORATÓRIOS OU CONTINGENTES), p. 162

A ESCOLHA DA ABORDAGEM DE AVALIAÇÃO, p. 163

CONCLUSÕES SOBRE CRITÉRIOS OU MÉTODOS DE AVALIAÇÃO, p. 163

CUSTO DO CAPITAL PRÓPRIO E O RISCO BRASIL - ADEQUAÇÃO DE TAXA DE DESCONTO EM AVALIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 164

O MODELO CAPM (CAPITAL ASSET PRICING MODEL), p. 164

O CUSTO MÉDIO PONDERADO DO CAPITAL DE TERCEIROS E DO CAPITAL PRÓPRIO, DENOMINADO WACC (WEIGHTED AVERAGE COST OF CAPITAL) NA TAXA DE DESCONTO EM AVALIAÇÃO DE EMPRESAS, p. 166

NOÇÕES PARA ENTENDIMENTO DO CÁLCULO DO FLUXO DE CAIXA DESCONTADO, p. 168

EXEMPLO PRÁTICO DE CÁLCULO DE FLUXO DE CAIXA DESCONTADO, p. 169

11 PAGAMENTO PARCELADO VISANDO CONTINGÊNCIAS OU VINCULADO A RESULTADOS FUTUROS (EARN-OUT), NA ESTRATÉGIA DE PAGAMENTOS, p. 171

AS RAZÕES PARA UTILIZAÇÃO DO EARN-OUT, p. 172

ESTRATÉGIA PARA USO APROPRIADO DO EARN-OUT, p. 173

REFERÊNCIAS, p. 177

ANEXOS, p. 179

EXEMPLO DE MEMORANDO DE ENTENDIMENTOS (MOU), p. 179

EXEMPLO DE ACORDO DE NÃO DIVULGAÇÃO (NDA), p. 182

Índice alfabético

A

  • Abordagem do livro, p. 37
  • Abreviaturas. Lista de abreviaturas, p. 19
  • Ações em tesouraria. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Adviser. Papel do assessor (adviser) e a sua importância, p. 46
  • Ágio e as alterações contábeis e fiscais da aplicação do IFRS, p. 113
  • Ajuste a valor presente, p. 94
  • Ajustes a valor presente, p. 112
  • Ajustes de avaliação patrimonial, p. 109
  • Alavancagem e o custo médio de captação para avaliação de empresas, p. 143
  • Alavancagem e suas conclusões, p. 142
  • Alavancagem financeira e operacional e seus reflexos na valorização das empresas, p. 139
  • Alavancagem financeira e operacional. Definição, p. 140
  • Alavancagem financeira. Grau de Alavancagem Financeira (GAF), p. 141
  • Alavancagem operacional. Grau de Alavancagem Operacional (GAO), p. 141
  • Alternativas de financiamento visando reestruturação societária, p. 133
  • Ambiente empresarial. Gestão de riscos em ambiente empresarial, p. 49
  • Anexo. Exemplo de Acordo de Não Divulgação (NDA), p. 182
  • Anexo. Exemplo de Memorando de Entendimentos (MOU), p. 179
  • Anexos, p. 179
  • Aquisição. Governança corporativa e a criação de valor nos processos de fusões e aquisições, p. 53
  • Aquisição. Importância da due diligence nos processos de fusões e aquisições, p. 69
  • Aquisição. Importância do planejamento estratégico nas oportunidades em fusões e aquisições, p. 152
  • Aquisição. Mercado de fusões e aquisições no Brasil, p. 29
  • Aquisição. Processo da negociação a ser conduzido pelo assessor em projetos de fusões e aquisições (M&A), p. 39
  • Aquisição. Uma nova denominação para o termo "fusões e aquisições": "combinação de negócios", p. 29
  • Aquisição. Valorização da empresa sob a ótica do comprador, p. 43
  • Aquisição. Valorização da empresa sob a ótica do vendedor, p. 43
  • Área diligenciada. Avaliação de riscos por área diligenciada, p. 71
  • Aspectos contábeis e tributários em combinação de negócios, p. 86
  • Aspectos societários das empresas, p. 75
  • Assessor. Papel do assessor (adviser) e a sua importância, p. 46
  • Ativo diferido. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Ativo diferido. Classificação e avaliação do ativo diferido, p. 93
  • Ativo imobilizado, p. 100
  • Ativo imobilizado. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Ativo imobilizado. Classificação, p. 93
  • Ativo intangível. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Ativo. Valor de uma empresa, do negócio ou de seu ativo, p. 158
  • Ativos. Avaliação baseada em ativos (avaliação contábil), p. 159
  • Avaliação baseada em ativos (avaliação contábil), p. 159
  • Avaliação contábil. Avaliação baseada em ativos (avaliação contábil), p. 159
  • Avaliação de empresas por meio de múltiplos. Avaliação relativa, p. 161
  • Avaliação de empresas. Alavancagem e o custo médio de captação para avaliação de empresas, p. 143
  • Avaliação de empresas. Modelos gerais, p. 159
  • Avaliação de empresas. Valuation e os modelos de avaliação de empresas, p. 157
  • Avaliação de riscos por área diligenciada, p. 71
  • Avaliação e classificação do ativo diferido, p. 93
  • Avaliação patrimonial. Ajustes, p. 109
  • Avaliação patrimonial. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Avaliação pelo método do Fluxo de Caixa Descontado (FCD), p. 160
  • Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Avaliação por precificação de opções (avaliação de direitos exploratórios ou contingentes), p. 162
  • Avaliação relativa: a avaliação de empresas por meio de múltiplos, p. 161
  • Avaliação. Escolha da abordagem de avaliação, p. 163

C

  • Captação de recursos. Motivos para captação de recursos, p. 135
  • Cisão. Incorporação, fusão ou cisão (combinação de empresas), p. 94
  • Classificação do ativo imobilizado, p. 93
  • Classificação dos instrumentos financeiros, p. 93
  • Classificação e avaliação do ativo diferido, p. 93
  • Combinação de empresas. Incorporação, fusão ou cisão (combinação de empresas), p. 94
  • Combinação de negócios. Aspectos contábeis e tributários em combinação de negócios, p. 86
  • Combinação de negócios. Aspectos societários das empresas em combinação de negócios, p. 75
  • Combinação de negócios. Uma nova denominação para o termo "fusões e aquisições": "combinação de negócios", p. 29
  • Compra. Valorização da empresa sob a ótica do comprador, p. 43
  • Conclusões sobre critérios ou métodos de avaliação, p. 163
  • Conta intangível. Criação do subgrupo de conta "intangível", p. 91
  • Contabilidade. Aspectos contábeis e tributários em combinação de negócios, p. 86
  • Corporatividade. Governança corporativa e a criação de valor nos processos de fusões e aquisições, p. 53
  • Crescimento. Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Criação da "reserva de incentivos fiscais", p. 95
  • Criação do subgrupo de conta "intangível", p. 91
  • Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Custo do capital próprio e o risco Brasil - adequação de taxa de desconto em avaliação de empresas, p. 164
  • Custo médio ponderado do capital de terceiros e do capital próprio, denominado WACC (Weighted Average Cost of Capital) na taxa de desconto em avaliação de empresas, p. 166
  • CVM. Demais alterações na legislação contábil inseridas através de pronunciamentos da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e demais órgãos reguladores da contabilidade, p. 98

D

  • Definição de alavancagem financeira e operacional, p. 140
  • Definição do termo "valuation", p. 158
  • Demais alterações na legislação contábil inseridas através da Lei 11.638/2007, p. 97
  • Demonstrações. Inclusão da Demonstração do Valor Adicionado (DVA) no conjunto de demonstrações objeto de aprovação na assembleia geral ordinária, p. 90
  • Depreciação. Vida útil estimada e depreciação: comentários, p. 106
  • Desenvolvimento. Diagnóstico empresarial, visão de cenários e desenvolvimento de planejamento estratégico, p. 145
  • DFC. Substituição da DOAR (Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos) pela Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), p. 90
  • Diagnóstico empresarial, visão de cenários e desenvolvimento de planejamento estratégico, p. 145
  • Direitos contingentes. Avaliação por precificação de opções (avaliação de direitos exploratórios ou contingentes), p. 162
  • Direitos exploratórios. Avaliação por precificação de opções (avaliação de direitos exploratórios ou contingentes), p. 162
  • Distinção entre preço e valor, p. 157
  • Divisão do código elaborado pelo IBGC, p. 56
  • Divulgações por segmentos de negócios - NBC TG 38, p. 100
  • Doação. Substituição da DOAR (Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos) pela Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), p. 90
  • Due diligence completa, p. 70
  • Due diligence. Importância da due diligence nos processos de fusões e aquisições, p. 69
  • DVA. Inclusão da Demonstração do Valor Adicionado (DVA) no conjunto de demonstrações objeto de aprovação na assembleia geral ordinária, p. 90

E

  • Earn-out. Estratégia para uso apropriado do earn-out, p. 173
  • Earn-out. Pagamento parcelado visando contingências ou vinculado a resultados futuros (earn-out), na estratégia de pagamentos, p. 171
  • Earn-out. Razões para utilização do earn-out, p. 172
  • Efeitos nas taxas de câmbio - NBC TG 02, p. 98
  • Eliminação da reserva de capital "prêmio na emissão de debêntures", p. 95
  • Emissão de debêntures. Eliminação da reserva de capital "prêmio na emissão de debêntures", p. 95
  • Empresa. Aquisição. Valorização da empresa sob a ótica do vendedor, p. 43
  • Empresa. Valor de uma empresa, do negócio ou de seu ativo, p. 158
  • Empresa. Valorização da empresa sob a ótica do comprador, p. 43
  • Empresas. Aspectos societários das empresas, p. 75
  • Equidade. Uma breve visão de equidade, p. 55
  • Equivalência patrimonial, p. 95
  • Escrituração das transações. Possibilidade de manter separadamente a escrituração das transações para atender à legislação tributária e, na sequência, os ajustes necessários para adaptação às práticas contábeis, p. 96
  • Estratégia para uso apropriado do earn-out, p. 173
  • Exemplo prático de cálculo de Fluxo de Caixa Descontado, p. 169

F

  • Fluxo de Caixa Descontado. Avaliação pelo método do Fluxo de Caixa Descontado (FCD), p. 160
  • Fluxo de Caixa Descontado. Exemplo prático de cálculo, p. 169
  • Fluxo de Caixa Descontado. Noções para entendimento do cálculo do Fluxo de Caixa Descontado, p. 168
  • Fluxo de caixa. Substituição da DOAR (Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos) pela Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), p. 90
  • Fontes de capital. Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Formas de reorganização societária, p. 118
  • Fusão. Governança corporativa e a criação de valor nos processos de fusões e aquisições, p. 53
  • Fusão. Importância da due diligence nos processos de fusões e aquisições, p. 69
  • Fusão. Importância do planejamento estratégico nas oportunidades em fusões e aquisições, p. 152
  • Fusão. Incorporação, fusão ou cisão (combinação de empresas), p. 94
  • Fusão. Mercado de fusões e aquisições no Brasil, p. 29
  • Fusão. Processo da negociação a ser conduzido pelo assessor em projetos de fusões e aquisições (M&A), p. 39
  • Fusão. Uma nova denominação para o termo "fusões e aquisições": "combinação de negócios", p. 29

G

  • Gestão de riscos em ambiente empresarial, p. 49
  • Gestão empresarial. Principais ferramentas de que dispomos para melhor avaliar a gestão empresarial, p. 149
  • Glossário de termos financeiros mais utilizados em processos de fusões e aquisições, p. 21
  • Governança corporativa e a criação de valor nos processos de fusões e aquisições, p. 53
  • Grau de Alavancagem Financeira (GAF), p. 141
  • Grau de Alavancagem Operacional (GAO), p. 141

I

  • IBGC. Divisão do código elaborado pelo IBGC, p. 56
  • IFRS. Ágio e as alterações contábeis e fiscais da aplicação do IFRS, p. 113
  • IFRS. Critérios de mensuração dos elementos do balanço patrimonial pelo novo padrão IFRS, com exemplos práticos, p. 100
  • Impairment. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Importância da due diligence nos processos de fusões e aquisições, p. 69
  • Importância da transparência e do uso das informações contábeis, p. 58
  • Importância do conhecimento para a gestão de alavancagem, p. 140
  • Importância do planejamento estratégico nas oportunidades em fusões e aquisições, p. 152
  • Inclusão da Demonstração do Valor Adicionado (DVA) no conjunto de demonstrações objeto de aprovação na assembleia geral ordinária, p. 90
  • Incorporação, fusão ou cisão (combinação de empresas), p. 94
  • Informação contábil. Importância da transparência e do uso das informações contábeis, p. 58
  • Informações. Tratamento das informações, p. 72
  • Inovação. Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Instrumentos financeiros. Classificação, p. 93
  • Introdução, p. 27

L

  • Legislação contábil. Demais alterações na legislação contábil inseridas através da Lei 11.638/2007, p. 97
  • Legislação contábil. Demais alterações na legislação contábil inseridas através de pronunciamentos da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e demais órgãos reguladores da contabilidade, p. 98
  • Legislação tributária. Possibilidade de manter separadamente a escrituração das transações para atender à legislação tributária e, na sequência, os ajustes necessários para adaptação às práticas contábeis, p. 96
  • Lei 11.638/2007. Demais alterações na legislação contábil inseridas através da Lei 11.638/2007, p. 97
  • Lei 11.638/2007. Principais mudanças contábeis ocasionadas, p. 89
  • Lei 12.973/2014. Exemplo prático das alterações que foram introduzidas, p. 117
  • Lista de abreviaturas, p. 19
  • Lucro acumulado. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91

M

  • M&A. Processo da negociação a ser conduzido pelo assessor em projetos de fusões e aquisições (M&A), p. 39
  • Mais valia. Tratamento tributário da mais ou menos valia, p. 88
  • Menos valia. Tratamento tributário da mais ou menos valia, p. 88
  • Mensuração, p. 100
  • Mercado de fusões e aquisições no Brasil, p. 29
  • Mercado de fusões e aquisições no Brasil. Como funciona, p. 32
  • Mercado. Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Modelo CAPM (Capital Asset Pricing Model), p. 164
  • Modelos gerais de avaliação de empresas, p. 159
  • Motivos para captação de recursos, p. 135

N

  • NBC TG 01. Redução do valor recuperável de ativos, p. 98
  • NBC TG 02. Efeitos nas taxas de câmbio, p. 98
  • NBC TG 05. Partes relacionadas, p. 99
  • NBC TG 07. Subvenções governamentais, p. 99
  • NBC TG 10. Pagamentos baseados em ações, p. 99
  • NBC TG 38. Divulgações por segmentos de negócios, p. 100
  • Negociação de empresas. Pontos críticos, p. 45
  • Negociação. Processo da negociação a ser conduzido pelo assessor em projetos de fusões e aquisições (M&A), p. 39
  • Negócio. Valor de uma empresa, do negócio ou de seu ativo, p. 158
  • Noções para entendimento do cálculo do Fluxo de Caixa Descontado, p. 168

P

  • Pagamento parcelado visando contingências ou vinculado a resultados futuros (earn-out), na estratégia de pagamentos, p. 171
  • Pagamentos baseados em ações - NBC TG 10, p. 99
  • Papel do assessor (adviser) e a sua importância, p. 46
  • Partes relacionadas - NBC TG 05, p. 99
  • Patrimônio líquido. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Patrimônio. Equivalência patrimonial, p. 95
  • Perenidade e as empresas centenárias no Brasil, p. 35
  • Planejamento estratégico. Diagnóstico empresarial, visão de cenários e desenvolvimento de planejamento estratégico, p. 145
  • Planejamento estratégico. Importância do planejamento estratégico nas oportunidades em fusões e aquisições, p. 152
  • Planejamento estratégico. Visão genérica, p. 145
  • Planejamento sucessório, p. 67
  • Plano de negócios, p. 153
  • Pontos críticos de uma negociação de empresas, p. 45
  • Possibilidade de manter separadamente a escrituração das transações para atender à legislação tributária e, na sequência, os ajustes necessários para adaptação às práticas contábeis, p. 96
  • Práticas contábeis. Possibilidade de manter separadamente a escrituração das transações para atender à legislação tributária e, na sequência, os ajustes necessários para adaptação às práticas contábeis, p. 96
  • Precificação de opções. Avaliação por precificação de opções (avaliação de direitos exploratórios ou contingentes), p. 162
  • Preço. Distinção entre preço e valor, p. 157
  • Pré due diligence, p. 70
  • Prestação de contas. Uma breve visão de prestação de contas, p. 56
  • Principais etapas do roteiro de venda de uma empresa, p. 44
  • Principais ferramentas de que dispomos para melhor avaliar a gestão empresarial, p. 149
  • Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Processo da negociação a ser conduzido pelo assessor em projetos de fusões e aquisições (M&A), p. 39

R

  • Razões para utilização do earn-out, p. 172
  • Recuperabilidade, p. 101
  • Recuperabilidade. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Recuperação de valores. Avaliação periódica compulsória do grau de recuperação dos valores registrados no ativo imobilizado, intangível e diferido (recuperabilidade ou impairment), p. 96
  • Redução do valor recuperável de ativos - NBC TG 01, p. 98
  • Reestruturação societária, p. 75
  • Reestruturação societária. Alternativas de financiamento visando reestruturação societária, p. 133
  • Reestruturação. Principais fontes de capital visando inovação, crescimento ou reestruturação que podem ser utilizadas no mercado, p. 136
  • Referências, p. 177
  • Reorganização societária. Formas, p. 118
  • Reserva de capital. Eliminação da reserva de capital "prêmio na emissão de debêntures", p. 95
  • Reserva de incentivos fiscais. Criação, p. 95
  • Reserva de reavaliação. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Responsabilidade corporativa. Uma breve visão de responsabilidade corporativa, p. 56
  • Resultados futuros. Pagamento parcelado visando contingências ou vinculado a resultados futuros (earn-out), na estratégia de pagamentos, p. 171
  • Riscos. Avaliação de riscos por área diligenciada, p. 71
  • Riscos. Gestão de riscos em ambiente empresarial, p. 49
  • Roteiro de venda de uma empresa. Principais etapas, p. 44

S

  • Sociedade. Aspectos societários das empresas, p. 75
  • Sociedade. Demais tópicos inerentes à organização das sociedades, p. 128
  • Sociedade. Reestruturação societária, p. 75
  • Subgrupo de contas. Criação dos subgrupos de contas "ajustes de avaliação patrimonial" e "ações em tesouraria"; eliminação da "reserva de reavaliação" e da conta "lucros acumulados", no patrimônio líquido, p. 91
  • Substituição da DOAR (Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos) pela Demonstração dos Fluxos de Caixa (DFC), p. 90
  • Subvenções governamentais - NBC TG 07, p. 99

T

  • Tempo de duração da preparação até a venda, p. 45
  • Transparência. Importância da transparência e do uso das informações contábeis, p. 58
  • Transparência. Uma breve visão de transparência, p. 55
  • Tratamento das informações, p. 72
  • Tratamento tributário da mais ou menos valia, p. 88
  • Tributário. Aspectos contábeis e tributários em combinação de negócios, p. 86
  • Tributário. Tratamento tributário da mais ou menos valia, p. 88

V

  • Valor adicionado. Inclusão da Demonstração do Valor Adicionado (DVA) no conjunto de demonstrações objeto de aprovação na assembleia geral ordinária, p. 90
  • Valor de uma empresa, do negócio ou de seu ativo, p. 158
  • Valor presente. Ajustes, p. 112
  • Valor. A importância da contabilidade na geração de valor das empresas, p. 65
  • Valor. Criação de valor, p. 59
  • Valor. Distinção entre preço e valor, p. 157
  • Valor. Fatores que agregam para a criação de valor nas organizações, p. 60
  • Valor. Gerir o negócio, sempre pensando em como sair dele, p. 66
  • Valor. Os ativos intangíveis na geração de valor, p. 63
  • Valor. Quadro dos direcionadores de valor na precificação das empresas, p. 61
  • Valor. Responsabilidade socioambiental, p. 63
  • Valorização da empresa sob a ótica do comprador, p. 43
  • Valorização da empresa sob a ótica do vendedor. Aquisição, p. 43
  • Valorização das empresas. Alavancagem financeira e operacional e seus reflexos na valorização das empresas, p. 139
  • Valuation e os modelos de avaliação de empresas, p. 157
  • Valuation. Definição do termo "valuation", p. 158
  • Venda de empresa. Principais etapas do roteiro de venda de uma empresa, p. 44
  • Venda de empresa. Tempo de duração da preparação até a venda, p. 45
  • Venda. Aquisição. Valorização da empresa sob a ótica do vendedor, p. 43
  • Vida útil estimada e depreciação: comentários, p. 106
  • Visão genérica de planejamento estratégico, p. 145

Recomendações

Capa do livro: História do Pensamento Contábil, Antonio Carlos Ribeiro da Silva e Wilson Thomé Sardinha Martins

História do Pensamento Contábil

 Antonio Carlos Ribeiro da Silva e Wilson Thomé Sardinha MartinsISBN: 853621283-7Páginas: 240Publicado em: 09/06/2006

Versão impressa

R$ 84,70em 3x de R$ 28,23Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Análise do Capital de Giro & Liquidez Total das Empresas, Rodrigo Antonio Chaves da Silva

Análise do Capital de Giro & Liquidez Total das Empresas

 Rodrigo Antonio Chaves da SilvaISBN: 978853624200-2Páginas: 318Publicado em: 19/04/2013

Versão impressa

R$ 109,70em 4x de R$ 27,43Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Gestão de Custos, Valerio Allora e Simone Espíndola de Oliveira

Gestão de Custos

 Valerio Allora e Simone Espíndola de OliveiraISBN: 978853622838-9Páginas: 176Publicado em: 17/02/2010

Versão impressa

R$ 59,70em 2x de R$ 29,85Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Formação e Gestão Moderna dos Preços de Venda na Contabilidade, Rodrigo Antonio Chaves da Silva

Formação e Gestão Moderna dos Preços de Venda na Contabilidade

 Rodrigo Antonio Chaves da SilvaISBN: 978853624689-5Páginas: 268Publicado em: 11/06/2014

Versão impressa

R$ 97,90em 3x de R$ 32,63Adicionar ao
carrinho