Jovens Mulheres Vitimadas - Abuso Sexual, Sofrimento e Resiliência

Rosimeire de Carvalho Martins

Leia na Biblioteca Virtual
de: R$ 54,90 * por
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
* Desconto não cumulativo com outras promoções, incluindo P.A.P. e Cliente Fiel
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Rosimeire de Carvalho Martins
ISBN: 978853622926-3
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 218
Publicado em: 31/05/2010
Área(s): Psicologia - Social
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

O leitor encontrará neste livro um assunto extremamente atual, tratado com respeitável responsabilidade e competência. O livro traz a tona um fenômeno que tem trazido preocupações para o meio acadêmico e social que é a violência. A violência tem feito parte de nosso dia a dia em todas as áreas de nossa vida, seja ela privada ou pública, desenvolvendo preocupações e mobilizando esforços para compreendê-la em toda sua complexidade, nas suas múltiplas e diferentes facetas. Trata-se da busca que permita compreender as experiências concretas vividas por mulheres vitimadas sexualmente e identificar o impacto dos seus efeitos nefastos na saúde das vítimas. A obra destaca a dimensão traumática das experiências de vitimação, oferecendo um consistente passeio teórico por conceitos chaves sobre a violência sexual. Ampliar o referencial teórico sobre esse assunto é extremamente necessário, sobretudo pela necessidade de uma intervenção social mais eficaz que considere inclusive suas implicações na definição de seus novos contornos, afinal é nessa interface que pode depender o sucesso ou o fracasso da intervenção social no campo da violência nas relações sociais.

AUTOR(ES)

Rosimeire de Carvalho Martins é Doutora; Diretora e Professora da Faculdade de Psicologia - FAPSI da Universidade Federal do Amazonas – UFAM, onde se dedica ao ensino, à pesquisa e à extensão universitária. É também integrante do corpo docente do programa de pós-graduação em Psicologia da UFAM; Pesquisadora do Laboratório de Intervenção Comunitária; Coordenadora dos seguintes programas de extensão de combate a violência contra mulher: Programa de intervenção psicossocial de combate a violência sexual e Programa de atendimento psicossocial a homens autores de violência contra a mulher.
 

SUMÁRIO

Introdução

Capítulo I - A violência sexual contra a mulher

1.1 Legitimação social da violência contra mulher

1.2 O gênero faz a diferença

1.3 Violência sexual

1.4 Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher

Capítulo II - Abuso sexual extrafamiliar

2.1 Quando a vítima de abuso sexual é uma criança ou adolescente

Capítulo III - Abuso sexual intrafamiliar

3.1 Violência doméstica

3.2 Incesto e cultura

3.3 A família incestuosa

Capítulo IV - A teoria das representações sociais: contribuindo para a compreensão do fenômeno

Capítulo V - Um estudo na cidade de Manaus

5.1 A violência sexual em Manaus

5.2 Trabalho de campo

5.3 Caracterização das participantes

5.4 As entrevistas

5.5 Procedimentos utilizados

5.6 Grupos investigados

5.6.1 Mulheres abusadas sexualmente por familiares

5.6.2 Mulheres abusadas sexualmente por desconhecidos

5.7 Análise de riscos e benefícios

5.8 A relação pesquisadora / entrevistada

Capítulo VI - Resultados e análise

6.1 O abuso sexual

6.1.1 Tipos de abuso sexual

6.1.2 Local onde ocorreu o abuso sexual

6.1.3 Periodicidade do abuso sexual

6.1.4 Tempo de duração aproximada do abuso sexual

6.1.5 Sentimentos mobilizados na hora do abuso sexual (Consideramos respostas múltiplas)

6.1.6 Avaliação da vítima sobre o relacionamento com a família

6.1.7 Avaliação da vítima sobre a mãe

6.1.8 Atividade sexual das participantes

6.2 Os abusadores

6.2.1 Vínculos afetivos e de parentesco da vítima com o abusador

6.2.2 Estratégias utilizadas pelo abusador

6.2.3 Uso de drogas pelo abusador na hora do abuso

6.3 Consequências do abuso sexual para a saúde das vítimas

6.4 Representações sociais do abuso sexual, do abusador e da mãe

6.4.1 Representações sociais sobre o abusador

6.4.2 Representações sociais sobre o abuso sexual

6.4.3 Representações sociais das vítimas sobre suas mães

Capítulo VII - Resiliência: seguindo adiante. após o abuso sexual

Conclusões

Referências

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Abusador. Estratégias utilizadas pelo abusador
  • Abusador. Representações sociais do abuso sexual, do abusador e da mãe.
  • Abusador. Representações sociais sobre o abusador.
  • Abusador. Vínculos afetivos e de parentesco da vítima com o abusador.
  • Abusadores.
  • Abuso sexual.
  • Abuso sexual. Consequências para a saúde das vítimas.
  • Abuso sexual. Local ondeocorreu o abuso sexual.
  • Abuso sexual. Mulheres abusadassexualmente por desconhecidos
  • Abuso sexual. Mulheres abusadas sexualmente por familiares.
  • Abuso sexual. Periodicidade
  • Abuso sexual. Quando a vítima de abuso sexual é uma criança ou adolescente
  • Abuso sexual. Representações sociais do abuso sexual, do abusador e da mãe.
  • Abuso sexual. Resiliência: seguindoadiante. após o abuso sexual.
  • Abuso sexual. Sentimentos mobilizados na hora do abuso sexual.
  • Abuso sexual. Tempo de duração aproximada do abuso sexual
  • Abuso sexual. Tipos.
  • Abuso sexual. Uso de drogas pelo abusador na hora do abuso
  • Abuso sexualextrafamiliar
  • Abuso sexual intrafamiliar
  • Adolescente. Quando a vítima de abuso sexual é uma criança ou adolescente
  • Afetividade. Vínculos afetivos e de parentesco da vítima com o abusador
  • Atividade sexual dasparticipantes
  • Avaliação da vítima sobre a mãe
  • Avaliação da vítima sobre o relacionamento com a família.

C

  • Conclusões.
  • Consequências do abuso sexual para a saúde das vítimas
  • Criança. Quando a vítima de abuso sexual é uma criança ou adolescente.
  • Cultura. Incesto e cultura.

D

  • Desconhecidos. Mulheres abusadassexualmente por desconhecidos

E

  • Estratégias utilizadaspelo abusador

F

  • Família. Abuso sexual extrafamiliar.
  • Família. Abuso sexual intrafamiliar.
  • Família. Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher.
  • Família. Mulheres abusadas sexualmente por familiares.
  • Família incestuosa

G

  • Gênero faz a diferença

I

  • Incesto. Família incestuosa.
  • Incesto e cultura.
  • Introdução.

L

  • Legitimação social da violência contra mulher.
  • Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher

M

  • Maternidade. Avaliação davítima sobre a mãe
  • Maternidade. Representações sociaisdas vítimas sobre suas mães
  • Maternidade. Representações sociais do abuso sexual, do abusador e da mãe.
  • Mulher. Legitimação social daviolência contra mulher
  • Mulher. Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher.
  • Mulher. Violência sexual contra a mulher
  • Mulheres abusadas sexualmente por desconhecidos.
  • Mulheres abusadas sexualmente por familiares

P

  • Parentesco. Vínculos afetivos e de parentesco da vítima com o abusador.
  • Periodicidade do abuso sexual
  • Pesquisa. Atividade sexual das participantes

R

  • Referências.
  • Relação familiar. Avaliaçãoda vítima sobre a mãe
  • Representações sociais. Teoria das representações sociais: contribuindo para a compreensão do fenômeno
  • Representações sociais das vítimas sobre suas mães
  • Representações sociais do abuso sexual, do abusador e da mãe
  • Representações sociaissobre o abusador
  • Representações sociais sobre o abuso sexual.
  • Resiliência: seguindo adiante.após o abuso sexual

S

  • Saúde. Consequências para a saúde das vítimas
  • Sentimentos mobilizados na hora do abuso sexual.
  • Sexualidade. Violência sexual
  • Sexualidade. Violência sexual contra a mulher
  • Sociedade. Legitimação social da violência contra mulher

T

  • Tempo de duração aproximada do abuso sexual
  • Teoria das representações sociais: contribuindo para a compreensão do fenômeno
  • Tipos de abuso sexual.
  • Tóxicos. Abuso sexual. Uso de drogas pelo abusador na hora do abuso.
  • Trabalho de campo

U

  • Uso de drogas pelo abusador na hora do abuso

V

  • Vínculos afetivos e de parentesco da vítima com o abusador.
  • Violência. Gênerofaz a diferença.
  • Violência. Legitimação social da violência contra mulher
  • Violência doméstica.
  • Violência doméstica. Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher
  • Violência familiar. Lei de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher
  • Violência sexual
  • Violência sexual. Um estudona cidade de Manaus.
  • Violência sexual contra a mulher.
  • Violência sexualem Manaus
  • Violência sexual em Manaus. Análise de riscos e benefícios.
  • Violência sexual em Manaus. Caracterização das participantes.
  • Violência sexual em Manaus. Entrevistas.
  • Violência sexual em Manaus. Grupos investigados.
  • Violência sexual em Manaus.Procedimentos utilizados
  • Violência sexual em Manaus. Relação pesquisadora/entrevistada.
  • Violência sexual em Manaus. Resultados e análise
  • Vítima. Avaliação da v ítima sobre amãe
  • Vítima. Avaliação da vítima sobre relacionamento com a família.
  • Vítima. Consequências paraa saúde das vítimas
  • Vítima. Quando a vítima de abuso sexual é uma criança ou adolescente
  • Vítima. Representações sociais das vítimas sobre suas mães
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: