Contabilidade ao Alcance de Todos - Um Novo Método de se Aprender Contabilidade - Atualizado pelas Leis 11.638/07 e 11.941/09 - 2ª Edição - Revista e Atualizada

Luiz Carlos de Souza

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Luiz Carlos de Souza
ISBN: 978853623365-9
Edição/Tiragem: 2ª Edição - Revista e Atualizada
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 196
Publicado em: 31/05/2011
Área(s): Contabilidade Geral Aplicada
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

“A utilidade deste inédito método é propício no atual estágio de desenvolvimento econômico e científico do mundo globalizado, no sentido de reduzir o tempo na compreensão dos assuntos de alto vulto, como o é a contabilidade, e acelerar a análise dos fatores que influenciam o patrimônio, possibilitando o estudo mais prazeroso e tomadas de decisão mais seguras. Recomendo a adoção da presente obra para as disciplinas ligadas à contabilidade dos cursos de ciências contábeis, administração, direito, economia, engenharia e para todos aqueles que precisam ou queiram conhecer a contabilidade a partir de um método simples, direto e muito eficaz”.

Gilberto Luiz do Amaral - Advogado, contador, professor de pós-graduação e presidente do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário – IBPT

 

AUTOR(ES)

Luiz Carlos de Souza - Mestre em Ciências Contábeis e Atuariais pela PUCSP. Tem Especialização em Administração Financeira (1985) e em Política e Estratégia (1990). É Professor do Departamento de Ciências Contábeis da UFPR, cursos de graduação e Pós-graduação. Ministra aulas em cursos de Pós-graduação, palestras, principalmente nos Estados do Paraná e Santa Catarina. Graduado em Direito, é Consultor de Empresas nas áreas Contábil, tributária, financeira, viabilidade de negócios, perícia etc., há mais de 25 anos.

PORQUE COMPRAR

APLICAÇÃO

A presente obra poderá ser utilizada nos cursos de contabilidade gerencial, contabilidade básica, contabilidade para administradores, economistas, engenheiros, advogados, tanto na graduação como na pós-graduação; por empresários, futuros empreendedores, diretores, gerentes, ou nas disciplinas que envolvam a administração de patrimônio, sempre de forma gerencial, buscando o entendimento e leitura dos fatos contábeis e das demonstrações contábeis.

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

Capítulo 1

1.1 Entendendo a contabilidade

1.2 Linguagem universal

1.3 Formação do patrimônio

1.3.1 O valor do patrimônio

1.3.2 Definição de bem

1.3.3 Definição de direito

1.3.4 Definição de obrigação

1.3.5 Patrimônio líquido

Exercícios do capítulo 1

Capítulo 2

2.1 O patrimônio líquido representa a verdade

2.1.1 A igualdade que satisfaz

2.1.2 Aumento no patrimônio líquido

2.1.3 Patrimônio líquido sem alteração

2.1.4 Diminuição do patrimônio líquido

2.2 Dificuldade para tomar decisão

2.3 Qual a solução encontrada

2.4 A utilidade do patrimônio líquido

2.5 A interpretação do patrimônio líquido

Exercícios do capítulo 2

Capítulo 3

3.1 Balanço patrimonial: ativo e passivo

3.1.1 Disposição das contas do balanço patrimonial

3.1.2 Grau de liquidez do ativo

3.1.3 Contas do ativo de fácil conversão

3.1.4 Contas de curto prazo

3.1.5 Ativo circulante

3.1.6 Ativo não circulante

Exercícios do capítulo 3

Capítulo 4

4.1 Passivo

4.1.1 A grande confusão

4.1.2 Disposição das contas passivas

4.1.3 Passivo circulante

4.1.4 Passivo não circulante

4.1.4.1 Extinção do grupo resultado de exercício futuro

4.1.5 Patrimônio líquido

4.1.6 Balanço patrimonial

Exercícios do capítulo 4

Capítulo 5

5.1 Conta

5.1.1 A conta contábil

5.2 Patrimônio em movimento

5.3 Demonstração do resultado

5.4 Lucro ou prejuízo

5.4.1 Manter o lucro ou o prejuízo

5.5 Evolução do patrimônio

5.5.1 Transações em 31/janeiro/X1

5.5.2 Administração do resultado

Exercícios do capítulo 5

Capítulo 6

6.1 Regimes de contabilidade

6.1.1 Regime de caixa

6.1.2 Apuração de resultado pelo regime de caixa

6.1.3 Quem usa o regime de caixa

6.1.4 Regime de competência

6.1.5 Qual o benefício do regime de competência

6.1.6 Comparativo entre regime de competência e regime de caixa

6.2 Princípios de contabilidade

6.2.1 Princípio da entidade

6.2.2 Princípio da continuidade

6.2.3 Princípio da oportunidade

6.2.4 Princípio do registro pelo valor original

6.2.5 Princípio da competência

6.2.6 Princípio da prudência

Exercícios do capítulo 6

Capítulo 7

7.1 Uma visão diferente

7.2 O porquê do novo método

7.3 A linguagem pode ser simples

7.4 Utilização do método

7.5 Atos e fatos contábeis

7.6 Registro das operações

7.7 Registro por somas

7.7.1 Registros do balanço I

7.7.2 Registros do balanço II

7.7.3 Registros por somas e diminuições

7.7.3.1 - Registros do balanço III

7.7.4 Registros por diminuições

7.7.4.1 Registros do balanço IV

Exercícios do capítulo 7

Capítulo 8

8.1 Operações com mercadorias

8.1.1 Registros por somas ou diminuições, fato contábil modificativo aumentativo

8.1.2 Esclarecimentos dos registros

8.1.3 Relembrando as fórmulas

8.1.4 Registros do balanço V

8.2 Operações com impostos sobre vendas

8.2.1 Operações com soma nas obrigações e nas despesas

8.2.2 Esclarecimentos dos registros

8.2.3 Registros do balanço VI

8.3 Operações com despesas operacionais

8.3.1 Registros por soma e diminuição

8.3.2 Explicações sobre os registros

8.3.3 Registros do balanço VII

8.4 Operações com provisões

8.4.1 Registro por soma

8.4.1.1 Provisões passivas

8.4.1.2 Provisões ativas

8.4.1.3 Entendendo as provisões passivas

8.4.1.4 Entendendo as provisões ativas

8.4.2 Registros das operações

8.4.3 Registros do balanço VIII

8.4.4 A demonstração do resultado dos registros

Exercícios do capítulo 8

Capítulo 9

9.1 Plano de contas gerencial

9.2 Operações realizadas em janeiro de X1

9.3 Resolução do exercício proposto

Capítulo 10

10.1 Introdução sobre a demonstração do fluxo de caixa - DFC

10.2 Ciclo operacional, financeiro e econômico

10.3 Elaboração do fluxo de caixa

10.3.1 Classificação das atividades para a DFC

10.3.2 Método indireto

10.3.3 Fluxo de caixa diário

Exercícios do capítulo 10

RESOLUÇÃO DE EXERCÍCIOS

Capítulo 1

Capítulo 2

Capítulo 3

Capítulo 4

Capítulo 5

Capítulo 6

Capítulo 7

Capítulo 8

Capítulo10

REFERÊNCIAS

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Administraçãodo resultado
  • Apuração de resultado pelo regime de caixa
  • Ativo circulante
  • Ativo não circulante
  • Ativo. Balanço patrimonial: ativo e passivo
  • Ativo. Contas do ativode fácil conversão
  • Ativo. Grau de liquidez do ativo
  • Ativo. Realizável a longo prazo
  • Atos e fatos contábeis
  • Aumento no patrimônio líquido

B

  • Balanço patrimonial
  • Balanço patrimonial: ativo e passivo
  • Balanço. Qual será a disposição das contas do balanço
  • Balanço. Registrosdo balanço I
  • Balanço. Registrosdo balanço II
  • Balanço. Registros do balanço III
  • Balanço. Registrosdo balanço IV
  • Balanço. Registrosdo balanço V
  • Balanço. Registrosdo balanço VI
  • Balanço. Registros do balanço VII
  • Balanço. Registros do balanço VIII
  • Bem. Definição de bem

C

  • Caixa. Regime de Caixa
  • Ciclo operacional, financeiro e econômico
  • Comparação dosregimes
  • Competência. Princípioda competência
  • Competência. Regimede competência
  • Conta contábil
  • Conta gerencial. Plano de contas gerencial
  • Conta
  • Contabilidade. Atos efatos contábeis
  • Contabilidade. Entendendo a contabilidade
  • Contabilidade. Linguagem universal
  • Contabilidade. Método. Uma visão diferente
  • Contabilidade. Princípios de contabilidade
  • Contabilidade. Regimes de contabilidade
  • Contas de curto prazo
  • Contas do ativo defácil conversão
  • Continuidade. Princípioda continuidade
  • Curto prazo. Contas de curto prazo

D

  • Decisão. Dificuldade para tomar decisão
  • Definição de bem
  • Definição de direito
  • Definição de obrigação
  • Demonstração do resultado dos registros
  • Demonstração do resultado
  • Despesa. Operações com soma nasobrigações e nas despesas
  • Despesas operacionais. Operações
  • Dificuldade para tomar decisão
  • Diminuição. Registrospor diminuições
  • Diminuição. Registros porsomas e diminuições
  • Direito. Definição de direito
  • Disposição das contas do balanço
  • Disposição das contas passivas

E

  • Entendendo a contabilidade
  • Entendendo as provisões ativas
  • Entendendo as provisões passivas
  • Entidade. Princípio da entidade
  • Esclarecimentos dos registros
  • Esclarecimentos dos registros
  • Estrutura de resultadopelos dois regimes
  • Exercício. Resolução doexercício proposto
  • Exercícios. Capítulo 1
  • Exercícios. Capítulo 2
  • Exercícios. Capítulo 3
  • Exercícios. Capítulo 4
  • Exercícios. Capítulo 5
  • Exercícios. Capítulo 6
  • Exercícios. Capítulo 7
  • Exercícios. Capítulo 8
  • Explicações sobre os registros
  • Explicações sobre os registros
  • Extinção do grupo resultado de exercício futuro

F

  • Fluxo de caixa.Elaboração
  • Formação do patrimônio
  • Fórmula. Relembrando as fórmulas

G

  • Grau de liquidez do ativo

I

  • Igualdade que satisfaz
  • Imobilizado
  • Imposto sobre venda. Operações com impostos sobre vendas
  • Intangível
  • Introdução sobre a demonstraçãodo fluxo de caixa - DFC
  • Introdução
  • Investimento

L

  • Linguagem pode ser simples
  • Linguagem universal
  • Lucro ou prejuízo
  • Lucro. Manter o lucro ou o prejuízo

M

  • Manter o lucro ou o prejuízo
  • Mercadoria. Operaçõescom mercadorias
  • Método. Linguagem pode ser simples
  • Método. Contabilidade. Uma visão diferente
  • Método. O porquê do novo método
  • Método. Utilizaçãodo método

O

  • Obrigação. Definição de obrigação
  • Obrigação. Operações com soma nas obrigações e nas despesas
  • Observação do patrimônio. Aspecto qualitativo
  • Observação do patrimônio. Aspecto quantitativo
  • Operação. Registrosdas operações
  • Operações com despesas operacionais
  • Operações com impostos sobre vendas
  • Operações com mercadorias
  • Operações com provisões
  • Operações com soma nas obrigações e nas despesas
  • Operações realizadasem janeiro de x1
  • Operações. Registrodas operações
  • Oportunidade. Princípio da oportunidade

P

  • Passivo circulante
  • Passivo nãocirculante
  • Passivo
  • Passivo. A grande confusão
  • Passivo. Balanço patrimonial: ativo e passivo
  • Passivo. Disposição das contas passivas
  • Patrimônio em movimento
  • Patrimônio líquido representa a verdade
  • Patrimônio líquido sem alteração
  • Patrimônio líquido
  • Patrimônio líquido
  • Patrimônio líquido. Diminuição
  • Patrimônio líquido. Igualdade que satisfaz
  • Patrimônio líquido. Interpretação
  • Patrimônio líquido. Utilidade do patrimônio líquido
  • Patrimônio. Balanço patrimonial
  • Patrimônio. Balanço patrimonial: ativo e passivo
  • Patrimônio. Evolução
  • Patrimônio. Formação
  • Patrimônio. Observação do patrimônio
  • Patrimônio. Qual é ovalor do patrimônio
  • Plano de contas gerencial
  • Prejuízo ou lucro
  • Prejuízo. Manter o lucro ou o prejuízo
  • Princípio da competência
  • Princípio da continuidade
  • Princípio da entidade
  • Princípio da oportunidade
  • Princípio daprudência
  • Princípio do registropelo valor original
  • Princípios de contabilidade
  • Provisão ativa. Entendendo as provisões ativas
  • Provisão. Operações com provisões
  • Provisões ativas
  • Provisões passivas

Q

  • Qual é o valor do patrimônio
  • Qual o benefício do regime de competência

R

  • Referências
  • Regime de caixa
  • Regime de caixa. Apuração de resultado pelo regime de caixa
  • Regime de caixa. Quem usa o regime de caixa
  • Regime de competência
  • Regime de competência. Qual o benefício do regime de competência
  • Regimes de contabilidade
  • Registro das operações
  • Registro pelo valor original. Princípio
  • Registro por soma
  • Registro por somas
  • Registro. Esclarecimentos dos registros
  • Registro. Esclarecimentos dos registros
  • Registro. Explicações sobre os registros
  • Registros das operações
  • Registros dobalanço I
  • Registros dobalanço II
  • Registros do balanço III
  • Registros dobalanço IV
  • Registros dobalanço V
  • Registros dobalanço VI
  • Registros do balanço VII
  • Registros do balanço VIII
  • Registros por diminuições
  • Registros por soma e diminuição
  • Registros por somas e diminuições
  • Registros por somas ou diminuições fato contábil modificativo aumentativo
  • Relembrando as fórmulas
  • Resolução deexercícios
  • Resolução do exercício proposto
  • Resultado. Administração do resultado
  • Resultado. Apuração de resultado pelo regime de caixa
  • Resultado. Demonstração do resultado dos registros
  • Resultado. Demonstração do resultado
  • Resultado. Estrutura de resultado pelos dois regimes

S

  • Solução. Qual a solução encontrada
  • Soma. Registro por somas
  • Soma. Registros por somas e diminuições

T

  • Transações em 31/janeiro/X1

U

  • Utilidade do patrimônio líquido
  • Utilização dométodo
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: