Setor Elétrico - Estrutura Legal - Fundamentos Legislativos - Direitos e Deveres do Usuário - Questões Jurídicas Decorrentes do Fornecimento e do Uso - Taxas e Impostos - Fontes Alternativas

Clovis Alberto Volpe Filho e Maria Amália de Figueiredo P. Alvarenga

Versão impressa

por R$ 89,90em 3x de R$ 29,97Adicionar ao carrinho

Ficha técnica

Autor(es): Clovis Alberto Volpe Filho e Maria Amália de Figueiredo P. Alvarenga

ISBN: 853620826-0

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 316grs.

Número de páginas: 240

Publicado em: 22/10/2004

Área(s): Direito - Consumidor

Sinopse

Esta obra, que teve início em uma pesquisa desenvolvida junto à Fapesp -Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, tem como principal objetivo delinear as principais questões jurídicas dentro do setor elétrico basilar. Todavia, buscou-se dar mais enfoque às áreas que envolvem o consumidor - usuário de energia elétrica. Sem se distanciar dessa vertente, procurou-se, ainda, traçar algumas considerações acerca do antigo e do novo modelo institucional que regula o setor elétrico. Mas, o que deve ser ressaltado neste trabalho é a preocupação em passar ao leitor aspectos jurídicos relevantes que permeiam o setor elétrico brasileiro, como, por exemplo, os direitos e deveres dos usuários e concessionárias de energia elétrica, os entraves jurídicos que o fornecimento de energia elétrica causa, a crise energética, a regulação de fontes alternativas etc. Por fim, vale salientar que nossa intenção não é esgotar o tema, que é vasto e abrange inúmeros segmentos da sociedade, mas sim, ser uma pequena fresta de luz neste setor que acumula conflitos com o ordenamento jurídico.

Autor(es)

Clovis Alberto Volpe Filho  é advogado, mestrando em Direito do Estado no Estado Democrático de Direito pela Universidade de Franca/SP.

Maria Amália de Figueiredo Pereira Alvarenga é mestra e doutora pela UNESP-Franca/SP; docente e autora de Direito Civil e de Metodologia da Pesquisa; Coordenadora da pós-graduação lato sensu e stricto sensu em Direito da Universidade de Franca.

 

Sumário

INTRODUÇÃO, p. 17

1 Relevância e delimitação do tema, p. 17

2 Direito da Eletricidade, p. 19

CAPÍTULO I - ESTUDO HISTÓRICO, p. 23

1 Implantação da eletricidade no Brasil, p. 23

2 Origens legislativas e o antigo sistema elétrico nacional, p. 25

2.1 Código de Águas (CDA), p. 26

2.2 Conselho Nacional de Águas e Energia Elétrica (CNAEE), p. 32

2.3 O Decreto 41.019/57, p. 33

2.4 O Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energi a Elétrica (DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39

2.5 Décadas de 70 e 80, p. 40

CAPÍTULO II - NOVA ESTRUTURA DO SETOR ELÉTRICO, p. 45

1 Reestruturação: Parte I (Governo FHC), p. 45

1.1 ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), p. 47

1.2 MAE (Mercado Atacadista de Energia Elétrica), p. 48

1.3 A reforma da Eletrobrás, p. 50

1.4 A mudança do sistema de tarifas, p. 51

2 Reestruturação: Parte II (Governo Lula), p. 52

2.1 Empresa de Pesquisa Energética - EPE, p. 56

2.2 Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE, p. 57

2.2.1 Principais problemas jurídicos envolvendo a comercialização de energia elétrica, p. 58

2.3 Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico - CMSE, p. 61

2.4 O novo ONS (Operador Nacional do Setor Elétrico), p. 61

3 A reforma constitucional, p. 62

4 As concessões de serviços de energia elétrica, p. 63

4.1 Serviço Público, p. 63

4.2 Concessão, p. 71

4.3 Permissão, p. 77

4.4 Autorização, p. 81

4.4.1 Produtor Independente de energia elétrica, p. 83

4.5 O Poder Concedente, p. 85

4.6 A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), p. 89

4.6.1 Licitação, p. 95

4.6.2 Tarifas, p. 97

4.6.3 Descentralização da ANEEL, p. 100

4.6.4 Breve relato sobre o sistema regulatório de alguns países, p. 101

4.7 Concessionárias de energia elétrica, p. 102

4.7.1 Equilíbrio econômico-financeiro das concessionárias, p. 108

5 Concessão e Privatização, p. 112

CAPÍTULO III - O USUÁRIO, p. 115

1 Conceito e Classificação, p. 115

1.1 Consumidor livre, p. 118

1.2 Consumidor de baixa renda, p. 120

2 Direitos e deveres do usuário de energia elétrica, p. 121

2.1 Pedido de fornecimento, p. 123

2.2 Contrato, p. 125

2.3 Medição, p. 128

2.4 Leitura e Faturamento, p. 129

2.5 Pagamento da fatura, p. 135

3 Conselho de Consumidores, p. 138

CAPÍTULO IV - OS PRINCIPAIS PROBLEMAS JURÍDICOS ENVOLVENDO O FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA, p. 141

1 Os danos materiais e morais causados pelo serviço de fornecimento de energia elétrica e sua responsabilidade, p. 141

2 A suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151

3 A ilegalidade da taxa de religação do fornecimento de energia elétrica, p. 164

4 Taxa de Iluminação Pública (TIP), p. 167

4.1 A Emenda Constitucional 39/02: institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública, p. 169

5 Peculiaridades da incidência do ICMS sobre o consumo de energia elétrica, p. 171

CAPÍTULO V - CRISE ENERGÉTICA, p. 177

1 Breve histórico da crise energética no Brasil, p. 177

2 Os motivos ensejadores da crise energética deste século, p. 180

3 O racionamento, p. 184

3.1 Entraves jurídicos do racionamento, p. 186

3.2 Fim do racionamento, p. 191

4 Crise energética no mundo (breve relato), p. 197

CAPÍTULO VI - AS FONTES ALTERNATIVAS DE ENERGIA ELÉTRICA, p. 199

1 Aspectos gerais, p. 199

CAPÍTULO VII - ENERGIA NUCLEAR, p. 203

1 Breve histórico da energia nuclear no Brasil, p. 203

2 Princípio do uso pacífico e da atividade controlada, p. 205

3 Responsabilidade civil objetiva nas atividades nucleares, p. 205

CAPÍTULO VIII - ENERGIA SOLAR, p. 211

1 Intróito, p. 211

2 Problemas jurídicos do uso em larga escala da energia solar, p. 212

CONCLUSÃO, p. 221

REFERÊNCIAS, p. 227

Índice alfabético

A

  • ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), p. 89
  • ANEEL. Descentralização da ANEEL, p. 100
  • Agência Nacional de Energia Elétrica - ANEEL, p. 89
  • Autorização, p. 81

B

  • Breve histórico da crise energética no Brasil, p. 177
  • Breve histórico da energia nuclear no Brasil, p. 203
  • Breve relato sobre o sistema regulatório de alguns países, p. 101

C

  • CCEE. Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE, p. 57
  • CDA. Código de Águas (CDA), p. 26
  • CMSE. Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico - CMSE, p. 61
  • CNAEE. Conselho Nacional de Águas e Energia Elétrica (CNAEE), p. 32
  • Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE, p. 57
  • Classificação. Usuário. Conceito e classificação, p. 115
  • Código de Águas (CDA), p. 26
  • Comercialização. Principais problemas jurídicos envolvendo a comercialização de energia elétrica, p. 58
  • Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico - CMSE, p. 61
  • Conceito. Usuário. Conceito e classificação, p. 115
  • Concessão, p. 71
  • Concessão e privatização, p. 112
  • Concessionária. Equilíbrio econômico-financeiro das concessionárias, p. 108
  • Concessões de serviços de energia elétrica, p. 63
  • Conclusão, p. 221
  • Conselho Nacional de Águas e Energia Elétrica (CNAEE), p. 32
  • Conselho de Consumidores, p. 138
  • Constitucional. Emenda Constitucional 39/02: institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública, p. 169
  • Constitucional. Reforma constitucional, p. 62
  • Constitucional. Suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151
  • Consumidor. Conselho de Consumidores, p. 138
  • Consumidor. Ilegalidade da taxa de religação do fornecimento de energia elétrica, p. 164
  • Consumidor. Suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151
  • Consumidor. Usuário. Conceito e classificação, p. 115
  • Consumidor de baixa renda, p. 120
  • Consumidor livre, p. 118
  • Contrato, p. 125
  • Contribuição. Emenda Constitucional 39/02: institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública, p. 169
  • Crise energética, p. 177
  • Crise energética. Breve histórico da crise energética no Brasil, p. 177
  • Crise energética. Motivos ensejadores da crise energética deste século, p. 180
  • Crise energética no mundo (breve relato), p. 197

D

  • DNAEE. Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica (DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39
  • Danos materiais e morais causados pelo serviço de fornecimento de energia elétrica e sua responsabilidade, p. 141
  • Decreto 41.019/57. Considerações, p. 33
  • Departamento Nacional de Minas e Energia. Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica (DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39
  • Descentralização da ANEEL, p. 100
  • Direito da Eletricidade, p. 19
  • Direitos e deveres do usuário de energia elétrica, p. 121

E

  • EPE. Empresa de Pesquisa Energética - EPE, p. 56
  • Eletricidade. Direito da Eletricidade, p. 19
  • Eletrobrás. Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica (DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39
  • Eletrobrás. Reformada Eletrobrás, p. 50
  • Emenda Constitucional 39/02: institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública, p. 169
  • Empresa de Pesquisa Energética - EPE, p. 56
  • Energia elétrica. Concessionárias de energia elétrica, p. 102
  • Energia elétrica. Concessões de serviços de energia elétrica, p. 63
  • Energia elétrica. Décadas de 70 e 80, p. 40
  • Energia elétrica. Estudo histórico, p. 23
  • Energia elétrica. Fontes alternativas. Aspectos gerais, p. 199
  • Energia elétrica. Fontes alternativas de energia elétrica, p. 199
  • Energia elétrica. Ilegalidade da taxa de religação do fornecimento de energia elétrica, p. 164
  • Energia elétrica. Peculiaridades da incidência do ICMS sobre o consumo de energia elétrica, p. 171
  • Energia elétrica. Pedido de fornecimento, p. 123
  • Energia elétrica. Principais problemas jurídicos envolvendo a comercialização de energia elétrica, p. 58
  • Energia elétrica. Principais problemas jurídicos envolvendo o fornecimento de energia elétrica, p. 141
  • Energia elétrica. Produtor independente, p. 83
  • Energia elétrica. Relevância e delimitação do tema, p. 17
  • Energia elétrica. Suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151
  • Energia elétrica. Usuário de energia elétrica. Direitos e deveres, p. 121
  • Energia nuclear, p. 203
  • Energia nuclear. Breve histórico da energia nuclear no Brasil, p. 203
  • Energia nuclear. Princípio do uso pacífico e da atividade controlada, p. 205
  • Energia nuclear. Responsabilidade civil objetiva nas atividades nucleares, p. 205
  • Energia solar, p. 211
  • Energia solar. Intróito, p. 211
  • Energia solar. Problemas jurídicos do uso em larga escala da energia solar, p. 212
  • Entraves jurídicos do racionamento, p. 186
  • Equilíbrio econômico-financeiro das concessionárias, p. 108

F

  • Fatura. Pagamento da fatura, p. 135
  • Faturamento e leitura, p. 129
  • Fim do racionamento, p. 191
  • Fontes alternativas de energia elétrica, p. 199
  • Fontes alternativas de energia elétrica. Aspectos gerais, p. 199
  • Fornecimento. Pedido de fornecimento, p. 123
  • Fornecimento. Principais problemas jurídicos envolvendo a comercialização de energia elétrica, p. 58

H

  • História. Crise energética. Breve histórico da crise energética no Brasil, p. 177
  • História. Energia elétrica. Estudo histórico, p. 23
  • História. Energia nuclear. Breve histórico da energia nuclear no Brasil, p. 203

I

  • ICMS. Peculiaridades da incidência do ICMS sobre o consumo de energia elétrica, p. 171
  • Ilegalidade da taxa de religação do fornecimento de energia elétrica, p. 164
  • Iluminação pública. Emenda Constitucional 39/02: institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública, p. 169
  • Iluminação pública. Taxa de Iluminação Pública (TIP), p. 167
  • Implantação da eletricidade no Brasil, p. 23
  • Introdução, p. 17

L

  • Legislação. Origens legislativas e o antigo sistema elétrico nacional, p. 25
  • Leitura e faturamento, p. 129
  • Licitação, p. 95

M

  • MAE (Mercado Atacadista de Energia Elétrica), p. 48
  • MME. Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica ( DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39
  • Medição, p. 128
  • Mercado Atacadista de Energia Elétrica - MAE, p. 48
  • Ministério de Minas e Energia (MME), o Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica (DNAEE) e a Eletrobrás, p. 39
  • Motivos ensejadores da crise energética deste século, p. 180
  • Mudança do sistema de tarifas, p. 51

N

  • Novo ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), p. 61

O

  • ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), p. 47
  • ONS. Novo ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), p. 61
  • Operador Nacional do Sistema Elétrico. Novo ONS, p. 61
  • Operador Nacional do Sistema Elétrico - ONS, p. 47
  • Origens legislativas e o antigo sistema elétrico nacional, p. 25

P

  • Pagamento. Suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151
  • Pagamento da fatura, p. 135
  • Peculiaridades da incidência do ICMS sobre o consumo de energia elétrica, p. 171
  • Pedido de fornecimento, p. 123
  • Permissão, p. 77
  • Poder concedente, p. 85
  • Principais problemas jurídicos envolvendo a comercialização de energia elétrica, p. 58
  • Principais problemas jurídicos envolvendo o fornecimento de energia elétrica, p. 141
  • Princípio do uso pacífico e da atividade controlada. Energia nuclear, p. 205
  • Privatização e concessão, p. 112
  • Problemas jurídicos do uso em larga escala da energia solar, p. 212
  • Produtor independente de energia elétrica, p. 83

R

  • Racionamento, p. 184
  • Racionamento. Entraves jurídicos do racionamento, p. 186
  • Racionamento. Fim do racionamento, p. 191
  • Referências, p. 227
  • Reforma constitucional, p. 62
  • Reforma da Eletrobrás, p. 50
  • Relevância e delimitação do tema, p. 17
  • Responsabilidade civil objetiva nas atividades nucleares, p. 205

S

  • Serviço público, p. 63
  • Setor elétrico. Nova estrutura do setor elétrico, p. 45
  • Setor elétrico. Novo ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), p. 61
  • Setor elétrico. Reestruturação: Parte I (Governo FHC), p. 45
  • Setor elétrico. Reestruturação:Parte II (Governo Lula), p. 52
  • Setor elétrico. Reforma constitucional, p. 62
  • Sistema elétrico nacional. Origens legislativas e o antigo sistema elétrico nacional, p. 25
  • Sistema regulatório. Breve relato sobre o sistema regulatório de alguns países, p. 101
  • Suspensão do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento: constitucional ou inconstitucional?, p. 151

T

  • TIP. Taxa de Iluminação Pública (TIP), p. 167
  • Tarifa. Mudança do sistema de tarifas, p. 51
  • Tarifas, p. 97
  • Taxa de Iluminação Pública (TIP), p. 167
  • Taxa de religação. Ilegalidade da taxa de religação do fornecimento de energia elétrica, p. 164
  • Tributário. Peculiaridades da incidência do ICMS sobre o consumo de energia elétrica, p. 171

U

  • Usuário, p. 115
  • Usuário. Conceito e classificação, p. 115
  • Usuário de energia elétrica. Direitos e deveres, p. 121

Recomendações

Capa do livro: Direitos dos Consumidores e Produtos Transgênicos, Adriana Carvalho Pinto Vieira e Pedro Abel Vieira Junior

Direitos dos Consumidores e Produtos Transgênicos

 Adriana Carvalho Pinto Vieira e Pedro Abel Vieira JuniorISBN: 853621076-1Páginas: 154Publicado em: 27/09/2005

Versão impressa

R$ 59,90em 2x de R$ 29,95Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Regime da Segurança Alimentar na União Europeia, O, Ângela Maria Marini Simão Portugal Frota

Regime da Segurança Alimentar na União Europeia, O

 Ângela Maria Marini Simão Portugal FrotaISBN: 978853621717-8Páginas: 198Publicado em: 09/10/2007

Versão impressa

R$ 59,90em 2x de R$ 29,95Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Propaganda Digital - Em Busca da Audiência Através de Sites Multimídia na Web, Rodrigo Stéfani Correa

Propaganda Digital - Em Busca da Audiência Através de Sites Multimídia na Web

 Rodrigo Stéfani CorreaISBN: 853620488-5Páginas: 118Publicado em: 27/11/2003

Versão impressa

R$ 44,70 Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Ilícito Administrativo Disciplinar, Sandro Lucio Dezan

Ilícito Administrativo Disciplinar

2ª Edição - Revista e AtualizadaSandro Lucio DezanISBN: 978853624935-3Páginas: 232Publicado em: 04/12/2014

Versão impressa

R$ 89,90em 3x de R$ 29,97Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 64,70em 2x de R$ 32,35Adicionar eBook
ao carrinho