Direito Humano ao Ambiente Ecologicamente Equilibrado - Proteger a Natureza para Resguardá-la às Gerações Presentes e Futuras

Edson Ferreira de Carvalho

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Edson Ferreira de Carvalho
ISBN: 978853623501-1
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 208
Publicado em: 03/10/2011
Área(s): Direito Ambiental; Direito Constitucional
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

O livro propõe delinear os contornos normativos do Direito Humano ao Ambiente Ecologicamente Equilibrado. O capítulo primeiro aborda a relação entre Direitos Humanos e meio ambiente. O segundo traça os contornos normativos do Direito Humano ao ambiente ecologicamente equilibrado. O terceiro analisa sua natureza jurídica. O quarto trata dos seus aspectos conceituais e normativos. O capítulo quinto define os sujeitos do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado e o sexto estuda o objeto, o conteúdo e o fundamento desse direito. Por último, o capítulo sétimo discorre sobre o foro e a implementação do direito sub exame. A compreensão do direito em estudo é importante para equacionar as tensões e colisões entre valores policêntricos de modo a resguardar interesses individuais e coletivos, compondo objetivos de curto prazo com os projetados para o futuro remoto, em benefício da humanidade presente e futura. O Direito Humano ao ambiente foi reconhecido pelos Sistemas Interamericano e Africano de Direitos Humanos, no entanto carece de maior elucidação no que diz respeito a sua natureza jurídica, definição, conteúdo, objeto, foro e mecanismos de implementação.

AUTOR(ES)

Edson Ferreira de Carvalho é Mestre em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina e Pós-Doutor pela Universidade de Notre Dame (Estados Unidos), na área de Direitos Especiais. Graduou-se em Engenharia Agronômica e fez Mestrado e Doutorado em Fitotecnia na Universidade Federal de Viçosa. É Master em Educação Ambiental pelo Instituto de Investigaciones Ecológicas (Espanha) e Especialista em Liderança e Administração Universitária pela Inter-American Organization for Higher Education-Canadá. Qualificou-se em Ecologia Florestal na Universidade para a Paz, da Organização das Nações Unidas (Costa Rica) e em Direitos Humanos e Meio Ambiente na Universidade para a Paz das Nações Unidas (Japão). Participou das seções de capacitação do Instituto Internacional de Direitos Humanos (Estrasburgo, França) e da Corte Internacional de Justiça (Haia, Holanda) e da Academia de Direitos Humanos da American University, Washington College of Law (USA). Recebeu o prêmio internacional Gilles Boulet, da Inter-American Organization for Higher Education (OUI), com sede no Canadá e menção honrosa por trabalho apresentado no concurso “Prêmio em Direitos Humanos” promovido pelo Washington College of Law da American University, Estados Unidos. É membro-fundador e ex-Diretor-Presidente da Fundação Instituto da Biodiversidade e Manejo de Ecossistemas da Amazônia Ocidental. Foi Tutor do Programa Especial de Treinamento (CAPES), Diretor do Departamento de Direito e Vice-Reitor da Universidade Federal do Acre. Atualmente é Professor do Departamento de Direito da Universidade Federal de Viçosa e do curso de Mestrado em Direito Ambiental e Políticas Públicas da Universidade Federal do Amapá. Já orientou e coorientou diversos alunos em cursos de Mestrado e Doutorado, no Brasil e no exterior.

SUMÁRIO

Capítulo 1 - CONSIDERAÇÕES PREAMBULARES SOBRE A RELAÇÃO ENTRE DIREITOS HUMANOS E MEIO AMBIENTE

1.1 Considerações exordiais

1.2 As distintas percepções da relação entre proteção ambiental e promoção dos direitos humanos

1.2.1 A proteção ambiental como elemento essencial à fruição dos direitos humanos

1.2.2 O respeito aos direitos humanos como fator essencial à proteção ambiental

1.2.3 A proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente

Capítulo 2 - O DIREITO HUMANO AO AMBIENTE ECOLOGICAMENTE EQUILIBRADO

Capítulo 3 - NATUREZA JURÍDICA DO DIREITO HUMANO AO AMBIENTE ECOLOGICAMENTE EQUILIBRADO

3.1 A dimensão individual do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado

3.2 A dimensão coletiva do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado

Capítulo 4 - ASPECTOS CONCEITUAIS DO DIREITO AO AMBIENTE ECOLOGICAMENTE EQUILIBRADO

Capítulo 5 - SUJEITOS DO DIREITO AO AMBIENTE ECOLOGICAMENTE EQUILIBRADO

5.1 Sujeitos ativos

5.2 Sujeitos passivos

Capítulo 6 - CONTORNOS NORMATIVOS DO DIREITO HUMANO AO AMBIENTE ECOLOGICAMENTE EQUILIBRADO

6.1 Objeto

6.2 Fundamento

6.3 Conteúdo

Capítulo 7 - FORO E IMPLEMENTAÇÃO DO DIREITO AO AMBIENTE ECOLGICAMENTE EQUILIBRADO

REFERÊNCIAS

ANEXOS

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Ambiente saudável. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Anexos
  • Aspectos conceituais do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado

C

  • Coletividade. Dimensão coletiva do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Conceito. Aspectos conceituais do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Considerações preambulares sobre a relação entre direitos humanos e meio ambiente. Considerações exordiais
  • Considerações preambulares sobre a relação entre direitos humanos e meio ambiente

D

  • Dever estatal. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Dimensão coletiva do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Dimensão individual do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Direito ambiental. Considerações preambulares sobre a relação entre direitos humanos e meio ambiente
  • Direito ambiental. Respeito aos direitos humanos como fator essencial à proteção ambiental
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Aspectos conceituais
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Dimensão coletiva
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Dimensão individual
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Foro e implementação
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Sujeitos ativos
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Sujeitos passivos
  • Direito ao ambiente ecologicamente equilibrado. Sujeitos
  • Direito humano ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Direito humano ao ambiente. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. Conteúdo
  • Direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. Fundamento
  • Direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. Objeto
  • Direito humano. Natureza jurídica do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Direito humano. Objeto, conteúdo e fundamento do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Direitos humanos. Considerações preambulares sobre a relação entre direitos humanos e meio ambiente
  • Direitos humanos. Distintas percepções da relação entre proteção ambiental e promoção dos direitos humanos
  • Direitos humanos. Proteção ambientalcomo elemento essencial à fruição dos direitos humanos
  • Direitos humanos. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Direitos humanos. Respeito aos direitos humanos como fator essencial à proteção ambiental
  • Distintas percepções da relação entre proteção ambiental e promoção dos direitos humanos

E

  • Ecologia. Aspectos conceituais do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Aspectos conceituais do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Dimensão coletiva do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Dimensão individual do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Direito humano ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Foro e implementação do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Natureza jurídica do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Objeto, conteúdo e fundamento do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Equilíbrio ecológico. Sujeitos do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado

F

  • Foro e implementação dodireito ao ambiente ecologicamente equilibrado

I

  • Individualidade. Dimensão individual do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Indivisibilidade. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Interdependência. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente

M

  • Meio ambiente. Aspectos conceituais do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Meio ambiente. Considerações preambulares sobre a relação entre direitos humanos e meio ambiente
  • Meio ambiente. Direito humano ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Meio ambiente. Foro e implementação do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
  • Meio ambiente. Natureza jurídica do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Meio ambiente. Objeto, conteúdo e fundamento do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado
  • Meio ambiente. Proteção ambiental como elemento essencial à fruição dos direitos humanos
  • Meio ambiente. Sujeitos do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado

N

  • Natureza jurídica do direito humanoao meio ambiente ecologicamente equilibrado

O

  • Objeto, conteúdo e fundamento do direito humano ao meio ambiente ecologicamente equilibrado

P

  • Proteção ambiental como elemento ssencial à fruição dos direitos humanos
  • Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente
  • Proteção ambiental. Distintas percepções da relação entre proteção ambiental e promoção dos direitos humanos
  • Proteção ambiental. Respeito aos direitos humanos como fator essencial à proteção ambiental

Q

  • Qualidade ambiental. Proteção ambiental como elemento essencial à fruição dos direitos humanos
  • Qualidade ambiental. Proteção ambiental e a fruição dos direitos humanos numa perspectiva de indivisibilidade e interdependência sintetizada no direito humano ao ambiente

R

  • Referências
  • Relação entre proteção ambiental epromoção dos direitos humanos. Distintas percepções
  • Respeito aos direitos humanos como fator essencial à proteção ambiental

S

  • Sujeitos do direito ao ambiente ecologicamente equilibrado
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: