Comportamento Antissocial - Psicoterapia para Adolescentes Infratores de Alto Risco

Giovana Veloso Munhoz da Rocha

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Giovana Veloso Munhoz da Rocha
ISBN: 978853623997-2
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 176
Publicado em: 14/10/2013
Área(s): Psicologia - Jurídica
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Em tempos nos quais fervilham discussões sobre a redução da maioridade penal, uma proposta objetiva de modificação de padrões de comportamentos antissociais embasada em pressupostos científicos sólidos é o que propõe a autora. Obra agraciada com prêmios científicos "COMPORTAMENTO ANTISSOCIAL - PSICOTERAPIA PARA ADOLESCENTES INFRATORES DE ALTO RISCO" apresenta em sua primeira parte uma teoria objetiva e explicativa dos processos de desenvolvimento do comportamento antissocial e da proposta de tratamento para este padrão até mesmo para os casos mais graves, vistos pela mídia eufórica como irreversíveis e intratáveis. Na segunda parte apresenta estudos de casos baseados em fatos reais. Histórias comoventes que ajudam a compreender o universo dos meninos do crime em suas psicoterapias, algumas bem sucedidas e outras nem tanto... Uma possibilidade para profissionais da área do direito, do serviço social, da psicologia ou apenas curiosos pelo tema compreenderem e refletirem sobre o que nos afasta e o que nos aproxima, o que nos atrai e o que nos causa repulsa no mundo da violência.

 

"O Estatuto da Criança e do Adolescente estabeleceu princípios modernos para o atendimento de adolescentes em conflito com a lei. Para haver cumprimento a estes princípios é absolutamente necessário que pesquisas sejam desenvolvidas no sentido de apresentar alternativas científicas ao atendimento apropriado desta clientela. A autora deste livro enfrentou com eficiência e dedicação este desafio. Destituída de preconceitos quanto a resultados possíveis, encontrou o caminho do vínculo e da intervenção competente para adolescentes infratores de alto risco: aqueles considerados pela área, como não recuperáveis. Os procedimentos e resultados apresentados neste livro mostram que o caminho é possível, porém não é fácil. Os que optarem por atuar com estes adolescentes devem estar qualificados. Este trabalho é único no Brasil. O leitor, certamente encontrará respostas para muitas de suas indagações a respeito da forma como atuar com adolescentes em conflito com a lei."

Paula Gomide - Doutora - Autora do livro Menor Infrator, Juruá Editora

Presidente da Sociedade Brasileira de Psicologia - Universidade Tuiuti do Paraná.

AUTOR(ES)

Giovana Veloso Munhoz da Rocha

Doutora pela Universidade de São Paulo em Psicologia Clínica e Mestre pela Universidade Federal do Paraná em Psicologia da Infância e da Adolescência. Professora da Universidade Tuiuti do Paraná onde é orientadora no Mestrado de Psicologia, Área de concentração Psicologia Forense; e também da Faculdade Evangélica do Paraná (FEPAR), na qual orienta estágios na área clínica e forense. Coordena atividades de avaliação e intervenção no Laboratório de Estudos Forenses, o LEFOR. É Analista de Comportamento e tem experiência na área de Psicologia Clínica e Clínica Forense, atuando em clínica particular há mais de quinze anos. Seus interesses acadêmicos e científicos residem principalmente nos seguintes temas: comportamento antissocial, práticas parentais educativas, análise do comportamento, análise funcional do comportamento, psicoterapia comportamental com desafios clínicos, abuso infantil, transtorno de personalidade antissocial, transtornos de conduta, avaliação forense e psicopatia. É membro do grupo de trabalho (GT) 61 da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Psicologia (ANPEPP) chamado "Tecnologia Social e Inovação: Intervenções Psicológicas e Práticas Forenses contra Violência" e Membro da International Association for Correctional and Forensic Psychology (IACFP-USA).

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

O Adolescente Infrator

Práticas Educativas Parentais e Comportamento Antissocial

Unidades de Internação para Adolescentes em Conflit o com a Lei

Tratamento de Comportamento Antissocial e Infrator

PSICOTERAPIA ANALÍTICO-COMPORTAMENTAL COM ADOLESCENTES INFRATORES

Vergonha e Culpa

Mentira

Aplicação das Práticas Educativas na Sessão Terapêutica

PROBLEMA E OBJETIVOS DE PESQUISA

Método

Participantes

Instrumentos

Comportamentos Indesejáveis

Hostilidade

Mentira

Culpar o outro

Comportamentos Desejáveis

Autorrevelação

Expressão de arrependimento

Expressão de sentimento positivo

Procedimento

Resultados e Discussão

Participante 1

Estudo de Caso Modelo

Dados de Identificação

Histórico Familiar

Histórico Acadêmico

Histórico Infracional

Análise das Sessões de P1

Análise dos Comportamentos do cliente P1

Participante 2

Participante 3

Participante 4

Participante 5

Participante 6

Participante 7

Participante 8

Participante 9

Participante 10

Participante 11

Resultados dos Indicadores Gerais de Modificação de Padrão Antissocial

Participante 1

Participante 2

Participante 3

Participante 4

Participante 5

Participante 6

Participante 7

Participante 8

Participante 9

Participante 10

Participante 11

CONSIDERAÇÕES FINAIS

ANEXO

REFERÊNCIAS

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Adolescente em conflito com a lei. Unidades de internação para adolescentes em conflito com a lei
  • Adolescente infrator .
  • Adolescente infrator. Psicoterapia analítico-comp ortamental com adolescentes infratores
  • Anexo .
  • Aplicação das práticas educativas na sessão terap êutica

C

  • Comportamento antissocial. Práticas educativas parentais e comportamento antissocial
  • Comportamento antissocial. Tratamento de comporta mento antissocial e infrator
  • Considerações finais .
  • Culpa. Vergonha e culpa .

E

  • Educação. Práticas educativas parentais e comportamento antissocial

I

  • Infrator. Psicoterapia analítico-comportamental c om adolescentes infratores
  • Infrator. Tratamento de comportamento antissocial e infrator
  • Internação. Unidades de internação para adolescen tes em conflito com a lei
  • Introdução .

M

  • Mentira .

O

  • Objetivos. Problema e objetivos de pesquisa .

P

  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 1 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 2 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 3 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 4 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 5 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 6 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 7 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 8 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 9 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 10 .
  • Padrão antissocial. Resultados dos indicadores ge rais de modificação de padrão antissocial. Participante 11 .
  • Parentalidade. Práticas educativas parentais e comportamento antissocial
  • Pesquisa. Autorrevelação .
  • Pesquisa. Comportamentos desejáveis
  • Pesquisa. Comportamentos indesejáveis
  • Pesquisa. Culpar o outro .
  • Pesquisa. Expressão de arrependimento .
  • Pesquisa. Expressão de sentimento positivo .
  • Pesquisa. Hostilidade .
  • Pesquisa. Instrumentos .
  • Pesquisa. Mentira .
  • Pesquisa. Método
  • Pesquisa. Participantes .
  • Pesquisa. Problema e objetivos de pesquisa .
  • Pesquisa. Procedimento .
  • Pesquisa. Resultados e discussão .
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Análise das sessões de P1
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Análise dos comportamentos do cliente P1
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Dados de identificação
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Estudo de caso modelo
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Histórico acadêmico
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Histórico familiar
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 1. Histórico infracional
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 10
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 11
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 2
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 3
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 4
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 5
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 6
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 7
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 8
  • Pesquisa. Resultados e discussão. Participante 9
  • Prática educativa. Aplicação das práticas educativas na sessão terapêutica
  • Práticas educativas parentais e comportamento antissocial
  • Problema e objetivos de pesquisa .
  • Psicoterapia analítico-comportamental com adolesc entes infratores

R

  • Referências
  • Resultados dos indicadores gerais de modificação de padrão antissocial

S

  • Sessão terapêutica. Aplicação das práticas educativas na sessão terapêutica

T

  • Tratamento de comportamento antissocial e infrato r

U

  • Unidades de internação para adolescentes em confl ito com a lei

V

  • Vergonha e culpa .
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: