Planejamento & Contabilidade Estratégica no Setor Público

Raimundo Nonato de Oliveira

Versão impressa

por R$ 69,90em 2x de R$ 34,95Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS

Ficha técnica

Autor(es): Raimundo Nonato de Oliveira

ISBN v. impressa: 978853624510-2

ISBN v. digital: 978853628843-7

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 306grs.

Número de páginas: 246

Publicado em: 06/01/2014

Área(s): Contabilidade - Contabilidade Geral Aplicada

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

Esta obra contempla estudo teórico-prático acerca da presença da Contabilidade Estratégica na Gestão Pública sob a perspectiva da utilização de artefatos técnicos na gestão pública estadual brasileira, a partir da elaboração e execução do planejamento estratégico dessa gestão.

No mundo hodierno, as exigências sociais e políticas são cada vez mais presentes no dia a dia dos gestores públicos brasileiros. A sociedade se manifesta cada vez mais exigindo transparência, eficiência, probidade e competência gerencial dos atos dos mandatários do país. Nesse sentido, as organizações públicas necessitam de visão estratégica para atender as necessidades coletivas emanadas do meio social e serem mais eficientes e produtivas.

Autor(es)

Raimundo Nonato de Oliveira

Mestre em Contabilidade e Controladoria pela UFAM - Universidade Federal do Amazonas (2011). Especialista em Direito Tributário pela UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina (2004). Especialista em Auditoria Contábil pela UFAM (1997). Graduado em Ciências Contábeis pelo CIESA - Centro Integrado de Ensino Superior do Amazonas (1992) e em Ciências Econômicas pela UFAM (1993). Professor de graduação e pós-graduação do curso de Ciências Contábeis.

Sumário

Introdução, p. 25

Capítulo 1 - A Origem do Estado, p. 29

1.1 A Evolução do Estado, p. 33

Capítulo 2 - A Administração Pública no Brasil: Estrutura e Evolução, p. 37

2.1 A Gestão Pública Estratégica nos Estados Brasileiros, p. 41

Capítulo 3 - Planejamento Estratégico: Fundamentos, p. 45

3.1 Formulação da Estratégia, p. 58

Capítulo 4 - Planejamento Estratégico: Artefatos, p. 67

4.1 Tableau de Bord (TB), p. 67

4.2 Balanced Scorecard (BSC), p. 74

4.3 Mapas Estratégicos (Strategic Maps), p. 79

4.4 Análise SWOT, p. 81

4.5 SIG - Sistema de Informações Gerenciais, p. 83

4.6 Benchmarking, p. 86

4.7 Outros Artefatos do Planejamento Estratégico, p. 89

Capítulo 5 - Contabilidade Estratégica: Fundamentos, p. 97

Capítulo 6 - Contabilidade Estratégica: Artefatos, p. 113

6.1 Sistema de Informações Contábil - SIC, p. 114

6.2 Plano de Contas Estratégico, p. 119

6.3 Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing) - ABC, p. 124

6.4 Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added) - EVA, p. 133

6.5 Custos Estratégicos (Strategic Costs), p. 136

6.5.1 Custos no Setor Público, p. 142

Capítulo 7 - Confluência do Planejamento Estratégico e da Contabilidade Estratégica, p. 147

7.1 Inserção dos Artefatos Contábeis Estratégicos na Gestão Governamental, p. 155

7.2 O Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP), p. 158

Capítulo 8 - Caso Estudado: Minas Gerais (Caso Piloto), p. 165

8.1 Resultado da Pesquisa: O Caso Piloto - Minas Gerais, p. 167

Capítulo 9 - Caso Estudado: Pernambuco, p. 175

9.1 Resultado da Pesquisa: Pernambuco, p. 176

Capítulo 10 - Casos Estudados: Ceará, p. 183

10.1 Resultado da Pesquisa: Ceará, p. 184

Capítulo 11 - Caso Estudado: Amazonas, p. 191

11.1 Resultado da Pesquisa: Amazonas, p. 193

Capítulo 12 - Visão Geral dos Resultados da Pesquisa, p. 199

12.1 Cruzamento dos Casos (Estados) Estudados, p. 199

12.2 Análise e Interpretação da Pesquisa, p. 202

Conclusões, p. 207

1 Da Pesquisa, p. 207

2 Contribuições da Pesquisa, p. 211

3 Limitações da Pesquisa, p. 212

4 Estudos Futuros, p. 213

Referências, p. 215

Apêndices, p. 223

Índice alfabético

A

  • Ações estratégicas cíclicas nas organizações x Perspectivas do BSC (grifos nossos). Quadro 11, p. 76
  • Activity-Based Costing. Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing). ABC, p. 124
  • Administração Pública no Brasil: estrutura e evolução, p. 37
  • Análise e interpretação da pesquisa, p. 202
  • Análise SWOT, p. 81
  • Apêndices, p. 223
  • Artefatos contábeis estratégicos. Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental, p. 155
  • Artefatos. Contabilidade estratégica: artefatos, p. 113
  • Artefatos. Outros artefatos do planejamento estratégico, p. 89
  • Artefatos. Planejamento estratégico: artefatos, p. 67

B

  • Balanced Scorecard (BSC), p. 74
  • Benchmarking, p. 86
  • Breves distinções entre TB (Cuadro de Mando) e BSC (Cuadro de Mando Integral). Quadro 7, p. 69

C

  • Cálculos da taxa de custo da capacidade alocado com alteração de demanda. Quadro 27, p. 132
  • Cálculos da taxa de custo da capacidade com base no quadro 23. Quadro 26, p. 132
  • Cálculos do ABC com base no quadro 23. Quadro 24, p. 131
  • Cálculos do TDABC com base no quadro 23. Quadro 25, p. 131
  • Características do BSCe do TB. Quadro 9, p. 71
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: Amazonas, p. 193
  • Caso estudado. Resultadoda pesquisa: Ceará, p. 184
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: o caso piloto. Minas Gerais, p. 167
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: Pernambuco, p. 176
  • Caso estudado: Amazonas, p. 191
  • Caso estudado: Minas Gerais (Caso Piloto), p. 165
  • Caso estudado: Pernambuco, p. 175
  • Casos estudados: Ceará, p. 183
  • Casos estudados X Questionários X Documentos X Literatura X Conclusões. Quadro 49, p. 205
  • Comparação dos indicadores de geração de riqueza. Quadro 28, p. 135
  • Comparação entre as abordagens tradicional e estratégica de custos. Quadro 29, p. 137
  • Comparação entre paradigmas tradicional e estratégico da gestão de custos. Quadro 30, p. 138
  • Comparativo de procedimentos do ABC e TDABC. Quadro 23, p. 129
  • Conceitos de contabilidade estratégica na literatura. Quadro 13, p. 100
  • Conclusões, p. 207
  • Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica, p. 147
  • Contabilidade estratégica. Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica, p. 147
  • Contabilidade estratégica: artefatos, p. 113
  • Contabilidade estratégica: fundamentos, p. 97
  • Contabilidade gerencial X Contabilidade estratégica. Quadro 15, p. 105
  • Contabilidade tradicional X Contabilidade estratégica. Quadro 14, p. 102
  • Cruzamento dos casos (Estados) estudados, p. 199
  • Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing). ABC, p. 124
  • Custos Estratégicos (Strategic Costs), p. 136
  • Custos no setor público, p. 142

E

  • Economic Value Added. Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added). EVA, p. 133
  • Estado. Evolução, p. 33
  • Estado. Gestão pública estratégica nos Estados brasileiros, p. 41
  • Estado. Origem, p. 29
  • Estratégia. Contabilidade estratégica: artefatos, p. 113
  • Estratégia. Contabilidade estratégica: fundamentos, p. 97
  • Estratégia. Formulação da estratégia, p. 58
  • Estratégia. Gestão pública estratégica nos Estados brasileiros, p. 41
  • Estratégia. Planejamentoestratégico: artefatos, p. 67
  • Estratégia. Planejamentoestratégico: fundamentos, p. 45
  • Estratégia. Plano de contas estratégico, p. 119
  • Estrutura. Administração Públicano Brasil: estrutura e evolução, p. 37
  • Estudos futuros, p. 213
  • Evolução do Estado, p. 33
  • Evolução do pensamento estratégico. Quadro 4, p. 61
  • Evolução. Administração Pública no Brasil: estrutura e evolução, p. 37

F

  • Formulação daestratégia, p. 58
  • Fundamento. Planejamento estratégico: fundamentos, p. 45

G

  • Gestão governamental. Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental, p. 155
  • Gestão pública estratégicanos Estados brasileiros, p. 41

I

  • Implicações da nova administração pública na gestão financeira. Quadro 31, p. 146
  • Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental, p. 155
  • Instrumentos pesquisados X Casos estudados X Questionário X Documentos. Quadro 48, p. 205
  • Instrumentos pesquisados X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 47, p. 201
  • Integração do PMDI/PPAG/LOA. Quadro 35, p. 172
  • Introdução, p. 25

M

  • Mapas estratégicos (Strategic Maps), p. 79
  • Matriz SWOT X Perspectivas do BSC. Quadro 12, p. 82

N

  • NICSP. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP), p. 158
  • Níveis e tipos de planejamento. Quadro 2, p. 55
  • Normas internacionais de contabilidade. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP), p. 158
  • Nova estrutura do plano de contas público. Quadro 21, p. 124

O

  • Origem do Estado, p. 29

P

  • Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP), p. 158
  • Pesquisa, p. 207
  • Pesquisa. Análise e interpretação da pesquisa, p. 202
  • Pesquisa. Contribuições da pesquisa, p. 211
  • Pesquisa. Limitações da pesquisa, p. 212
  • Planejamento estratégico. Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica, p. 147
  • Planejamento estratégico. Outros artefatos do planejamento estratégico, p. 89
  • Planejamento estratégico: artefatos, p. 67
  • Planejamento estratégico: fundamentos, p. 45
  • Plano de contas estratégico, p. 119
  • Programas e Ações governamentais do PPAG 2008-2011. MG. Quadro 36, p. 174
  • Proposições X Objetivos específicos X Resultados da pesquisa. Casos estudados. Quadro 50, p. 208
  • Proposições X Questionário X Documentos. Amazonas. Quadro 45, p. 196
  • Proposições X Questionário X Documentos. Caso piloto MG. Quadro 34, p. 171
  • Proposições X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 46, p. 199
  • Proposições X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 51, p. 210
  • Proposições X Questionário X Documentos. Ceará. Quadro 42, p. 187
  • Proposições X Questionário X Documentos. Pernambuco. Quadro 39, p. 179

Q

  • Quadro 1. Tipos de Estadosprimitivos e suas fases, p. 29
  • Quadro 2. Níveis e tipos de planejamento, p. 55
  • Quadro 3. Visão das escolas sobre formulação da estratégia, p. 60
  • Quadro 4. Evolução do pensamento estratégico, p. 61
  • Quadro 5. Sistema de integração do planejamento e sua execução, p. 64
  • Quadro 6. Visões de autores sobre oTableau de Bord, p. 68
  • Quadro 7. Breves distinções entre TB (Cuadro de Mando) e BSC (Cuadro de Mando Integral), p. 69
  • Quadro 8. Síntese histórica econceitual do TB e BSC, p. 70
  • Quadro 9. Características do BSC e do TB, p. 71
  • Quadro 10. Visão múltipla das perspectivas do BSC, p. 75
  • Quadro 11. Ações estratégicas cíclicas nas organizações x Perspectivas do BSC (grifos nossos), p. 76
  • Quadro 12. Matriz SWOT X Perspectivas do BSC, p. 82
  • Quadro 13. Conceitos de contabilidade estratégica na literatura, p. 100
  • Quadro 14. Contabilidade tradicional X Contabilidade estratégica, p. 102
  • Quadro 15. Contabilidade gerencial X Contabilidade estratégica, p. 105
  • Quadro 16. Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting), p. 107
  • Quadro 17. Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting), p. 109
  • Quadro 18. Visão atual da informação contábil, p. 115
  • Quadro 19. Visão de um SIC, p. 116
  • Quadro 20. Visão do sistema e subsistemas da contabilidade pública, p. 119
  • Quadro 21. Nova estrutura do plano de contas público, p. 124
  • Quadro 22. Relação dos processos de gestão com objetivos e indicadores de custos, p. 125
  • Quadro 23. Comparativo de procedimentos do ABC e TDABC, p. 129
  • Quadro 24. Cálculos do ABCcom base no quadro 23, p. 131
  • Quadro 25. Cálculos do TDABC com base no quadro 23, p. 131
  • Quadro 26. Cálculos da taxa de custo da capacidade com base no quadro 23, p. 132
  • Quadro 27. Cálculos da taxa de custo da capacidade alocado com alteração de demanda, p. 132
  • Quadro 28. Comparação dos indicadores de geração de riqueza, p. 135
  • Quadro 29. Comparação entre as abordagens tradicional e estratégica de custos, p. 137
  • Quadro 30. Comparação entre paradigmas tradicional e estratégico da gestão de custos, p. 138
  • Quadro 31. Implicações da nova administração pública na gestão financeira, p. 146
  • Quadro 32. Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. 1ª versão do questionário, p. 168
  • Quadro 33. Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. Proposições X Questionário, p. 169
  • Quadro 34. Proposições X Questionário X Documentos. Caso piloto MG, p. 171
  • Quadro 35. Integração do PMDI/PPAG/LOA, p. 172
  • Quadro 36. Programas e Ações governamentais do PPAG 2008-2011. MG, p. 174
  • Quadro 37. Resultados da pesquisa. Pernambuco. Com questionário definitivo, p. 176
  • Quadro 38. Resultados da pesquisa. Pernambuco. Proposições X Questionário definitivo, p. 177
  • Quadro 39. Proposições X Questionário X Documentos. Pernambuco, p. 179
  • Quadro 40. Resultados da pesquisa. Ceará. Com questionário definitivo, p. 185
  • Quadro 41. Resultados da pesquisa. Ceará. Proposições X Questionário definitivo, p. 186
  • Quadro 42. Proposições X Questionário X Documentos. Ceará, p. 187
  • Quadro 43. Resultados da pesquisa. Amazonas. Com questionário definitivo, p. 194
  • Quadro 44. Resultados da pesquisa. Amazonas. Proposições X Questionário definitivo, p. 195
  • Quadro 45. Proposições X Questionário X Documentos. Amazonas, p. 196
  • Quadro 46. Proposições X QuestionárioX Documentos. Casos estudados, p. 199
  • Quadro 47. Instrumentos pesquisados X Questionário X Documentos. Casos estudados, p. 201
  • Quadro 48. Instrumentos pesquisados X Casos estudados X Questionário X Documentos, p. 205
  • Quadro 49. Casos estudados X Questionários X Documentos X Literatura X Conclusões, p. 205
  • Quadro 50. Proposições X Objetivos específicos X Resultados da pesquisa. Casos estudados, p. 208
  • Quadro 51. Proposições X QuestionárioX Documentos. Casos estudados, p. 210

R

  • Referências, p. 215
  • Relação dos processos de gestão comobjetivos e indicadores de custos. Quadro 22, p. 125
  • Resultados da pesquisa. Amazonas. Comquestionário definitivo. Quadro 43, p. 194
  • Resultados da pesquisa. Amazonas. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 44, p. 195
  • Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. 1ª versão do questionário. Quadro 32, p. 168
  • Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. Proposições X Questionário. Quadro 33, p. 169
  • Resultados da pesquisa. Ceará. Com questionário definitivo. Quadro 40, p. 185
  • Resultados da pesquisa. Ceará. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 41, p. 186
  • Resultados da pesquisa. Pernambuco. Com questionário definitivo. Quadro 37, p. 176
  • Resultados da pesquisa. Pernambuco. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 38, p. 177

S

  • Setor público. Custosno setor público, p. 142
  • Setor público. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP), p. 158
  • SIG. Sistema de Informações Gerenciais, p. 83
  • Síntese histórica e conceitual do TB e BSC. Quadro 8, p. 70
  • Sistema de Informações Contábil. SIC, p. 114
  • Sistema de integração do planejamento e sua execução. Quadro 5, p. 64
  • Strategic Costs. Custos Estratégicos (Strategic Costs), p. 136
  • SWOT. Análise SWOT, p. 81

T

  • Tableau de Bord (TB), p. 67
  • Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting). Quadro 16, p. 107
  • Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting). Quadro 17, p. 109
  • Tipos de Estados primitivos e suas fases. Quadro 1, p. 29

V

  • Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added). EVA, p. 133
  • Visão atual da informaçãocontábil. Quadro 18, p. 115
  • Visão das escolas sobre formulação da estratégia. Quadro 3, p. 60
  • Visão de um SIC. Quadro 19, p. 116
  • Visão do sistema e subsistemas dacontabilidade pública. Quadro 20, p. 119
  • Visão geral dos resultados da pesquisa, p. 199
  • Visão múltipla das perspectivas do BSC. Quadro 10, p. 75
  • Visões de autores sobre oTableau de Bord. Quadro 6, p. 68

Recomendações

Capa do livro: Contabilidade Gerencial, Anélio Berti

Contabilidade Gerencial

2ª Edição – Revista e AtualizadaAnélio BertiISBN: 978853624131-9Páginas: 300Publicado em: 14/03/2013

Versão impressa

R$ 89,90em 3x de R$ 29,97Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Teoria da Contabilidade, Valério Nepomuceno

Teoria da Contabilidade

2ª Edição – Revista e AtualizadaValério NepomucenoISBN: 978853624198-2Páginas: 398Publicado em: 16/04/2013

Versão impressa

R$ 99,70em 3x de R$ 33,23Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Contabilidade - Um Instrumento de Gestão, Wilson Alberto Zappa Hoog

Contabilidade - Um Instrumento de Gestão

2ª Edição - Revista e Atualizada - 2011Wilson Alberto Zappa HoogISBN: 978853623262-1Páginas: 210Publicado em: 28/01/2011

Versão impressa

R$ 59,90em 2x de R$ 29,95Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Fluxo de Caixa, Alexandre Costa Quintana

Fluxo de Caixa

2ª Edição - Revista e AtualizadaAlexandre Costa QuintanaISBN: 978853623759-6Páginas: 130Publicado em: 02/05/2012

Versão impressa

R$ 39,90 Adicionar ao
carrinho