Planejamento & Contabilidade Estratégica no Setor Público

Raimundo Nonato de Oliveira

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Raimundo Nonato de Oliveira
ISBN: 978853624510-2
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 246
Publicado em: 06/01/2014
Área(s): Contabilidade Geral Aplicada
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Esta obra contempla estudo teórico-prático acerca da presença da Contabilidade Estratégica na Gestão Pública sob a perspectiva da utilização de artefatos técnicos na gestão pública estadual brasileira, a partir da elaboração e execução do planejamento estratégico dessa gestão.

No mundo hodierno, as exigências sociais e políticas são cada vez mais presentes no dia a dia dos gestores públicos brasileiros. A sociedade se manifesta cada vez mais exigindo transparência, eficiência, probidade e competência gerencial dos atos dos mandatários do país. Nesse sentido, as organizações públicas necessitam de visão estratégica para atender as necessidades coletivas emanadas do meio social e serem mais eficientes e produtivas.

AUTOR(ES)

Raimundo Nonato de Oliveira

Mestre em Contabilidade e Controladoria pela UFAM - Universidade Federal do Amazonas (2011). Especialista em Direito Tributário pela UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina (2004). Especialista em Auditoria Contábil pela UFAM (1997). Graduado em Ciências Contábeis pelo CIESA - Centro Integrado de Ensino Superior do Amazonas (1992) e em Ciências Econômicas pela UFAM (1993). Professor de graduação e pós-graduação do curso de Ciências Contábeis.

SUMÁRIO

Introdução

Capítulo 1 - A Origem do Estado

1.1 A Evolução do Estado

Capítulo 2 - A Administração Pública no Brasil: Estrutura e Evolução

2.1 A Gestão Pública Estratégica nos Estados Brasileiros

Capítulo 3 - Planejamento Estratégico: Fundamentos

3.1 Formulação da Estratégia

Capítulo 4 - Planejamento Estratégico: Artefatos

4.1 Tableau de Bord (TB)

4.2 Balanced Scorecard (BSC)

4.3 Mapas Estratégicos (Strategic Maps)

4.4 Análise SWOT

4.5 SIG - Sistema de Informações Gerenciais

4.6 Benchmarking

4.7 Outros Artefatos do Planejamento Estratégico

Capítulo 5 - Contabilidade Estratégica: Fundamentos

Capítulo 6 - Contabilidade Estratégica: Artefatos

6.1 Sistema de Informações Contábil - SIC

6.2 Plano de Contas Estratégico

6.3 Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing) - ABC

6.4 Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added) - EVA

6.5 Custos Estratégicos (Strategic Costs)

6.5.1 Custos no Setor Público

Capítulo 7 - Confluência do Planejamento Estratégico e da Contabilidade Estratégica

7.1 Inserção dos Artefatos Contábeis Estratégicos na Gestão Governamental

7.2 O Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP)

Capítulo 8 - Caso Estudado: Minas Gerais (Caso Piloto)

8.1 Resultado da Pesquisa: O Caso Piloto - Minas Gerais

Capítulo 9 - Caso Estudado: Pernambuco

9.1 Resultado da Pesquisa: Pernambuco

Capítulo 10 - Casos Estudados: Ceará

10.1 Resultado da Pesquisa: Ceará

Capítulo 11 - Caso Estudado: Amazonas

11.1 Resultado da Pesquisa: Amazonas

Capítulo 12 - Visão Geral dos Resultados da Pesquisa

12.1 Cruzamento dos Casos (Estados) Estudados

12.2 Análise e Interpretação da Pesquisa

Conclusões

1 Da Pesquisa

2 Contribuições da Pesquisa

3 Limitações da Pesquisa

4 Estudos Futuros

Referências

Apêndices

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Ações estratégicas cíclicas nas organizações x Perspectivas do BSC (grifos nossos). Quadro 11
  • Activity-Based Costing. Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing). ABC
  • Administração Pública no Brasil: estrutura e evolução
  • Análise e interpretação da pesquisa
  • Análise SWOT
  • Apêndices
  • Artefatos contábeis estratégicos. Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental
  • Artefatos. Contabilidade estratégica: artefatos
  • Artefatos. Outros artefatos do planejamento estratégico
  • Artefatos. Planejamento estratégico: artefatos

B

  • Balanced Scorecard (BSC)
  • Benchmarking
  • Breves distinções entre TB (Cuadro de Mando) e BSC (Cuadro de Mando Integral). Quadro 7

C

  • Cálculos da taxa de custo da capacidade alocado com alteração de demanda. Quadro 27
  • Cálculos da taxa de custo da capacidade com base no quadro 23. Quadro 26
  • Cálculos do ABC com base no quadro 23. Quadro 24
  • Cálculos do TDABC com base no quadro 23. Quadro 25
  • Características do BSCe do TB. Quadro 9
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: Amazonas
  • Caso estudado. Resultadoda pesquisa: Ceará
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: o caso piloto. Minas Gerais
  • Caso estudado. Resultado da pesquisa: Pernambuco
  • Caso estudado: Amazonas
  • Caso estudado: Minas Gerais (Caso Piloto)
  • Caso estudado: Pernambuco
  • Casos estudados: Ceará
  • Casos estudados X Questionários X Documentos X Literatura X Conclusões. Quadro 49
  • Comparação dos indicadores de geração de riqueza. Quadro 28
  • Comparação entre as abordagens tradicional e estratégica de custos. Quadro 29
  • Comparação entre paradigmas tradicional e estratégico da gestão de custos. Quadro 30
  • Comparativo de procedimentos do ABC e TDABC. Quadro 23
  • Conceitos de contabilidade estratégica na literatura. Quadro 13
  • Conclusões
  • Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica
  • Contabilidade estratégica. Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica
  • Contabilidade estratégica: artefatos
  • Contabilidade estratégica: fundamentos
  • Contabilidade gerencial X Contabilidade estratégica. Quadro 15
  • Contabilidade tradicional X Contabilidade estratégica. Quadro 14
  • Cruzamento dos casos (Estados) estudados
  • Custeio Baseado em Atividades (Activity-Based Costing). ABC
  • Custos Estratégicos (Strategic Costs)
  • Custos no setor público

E

  • Economic Value Added. Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added). EVA
  • Estado. Evolução
  • Estado. Gestão pública estratégica nos Estados brasileiros
  • Estado. Origem
  • Estratégia. Contabilidade estratégica: artefatos
  • Estratégia. Contabilidade estratégica: fundamentos
  • Estratégia. Formulação da estratégia
  • Estratégia. Gestão pública estratégica nos Estados brasileiros
  • Estratégia. Planejamentoestratégico: artefatos
  • Estratégia. Planejamentoestratégico: fundamentos
  • Estratégia. Plano de contas estratégico
  • Estrutura. Administração Públicano Brasil: estrutura e evolução
  • Estudos futuros
  • Evolução do Estado
  • Evolução do pensamento estratégico. Quadro 4
  • Evolução. Administração Pública no Brasil: estrutura e evolução

F

  • Formulação daestratégia
  • Fundamento. Planejamento estratégico: fundamentos

G

  • Gestão governamental. Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental
  • Gestão pública estratégicanos Estados brasileiros

I

  • Implicações da nova administração pública na gestão financeira. Quadro 31
  • Inserção dos artefatos contábeis estratégicos na gestão governamental
  • Instrumentos pesquisados X Casos estudados X Questionário X Documentos. Quadro 48
  • Instrumentos pesquisados X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 47
  • Integração do PMDI/PPAG/LOA. Quadro 35
  • Introdução

M

  • Mapas estratégicos (Strategic Maps)
  • Matriz SWOT X Perspectivas do BSC. Quadro 12

N

  • NICSP. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP)
  • Níveis e tipos de planejamento. Quadro 2
  • Normas internacionais de contabilidade. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP)
  • Nova estrutura do plano de contas público. Quadro 21

O

  • Origem do Estado

P

  • Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP)
  • Pesquisa
  • Pesquisa. Análise e interpretação da pesquisa
  • Pesquisa. Contribuições da pesquisa
  • Pesquisa. Limitações da pesquisa
  • Planejamento estratégico. Confluência do planejamento estratégico e da contabilidade estratégica
  • Planejamento estratégico. Outros artefatos do planejamento estratégico
  • Planejamento estratégico: artefatos
  • Planejamento estratégico: fundamentos
  • Plano de contas estratégico
  • Programas e Ações governamentais do PPAG 2008-2011. MG. Quadro 36
  • Proposições X Objetivos específicos X Resultados da pesquisa. Casos estudados. Quadro 50
  • Proposições X Questionário X Documentos. Amazonas. Quadro 45
  • Proposições X Questionário X Documentos. Caso piloto MG. Quadro 34
  • Proposições X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 46
  • Proposições X Questionário X Documentos. Casos estudados. Quadro 51
  • Proposições X Questionário X Documentos. Ceará. Quadro 42
  • Proposições X Questionário X Documentos. Pernambuco. Quadro 39

Q

  • Quadro 1. Tipos de Estadosprimitivos e suas fases
  • Quadro 2. Níveis e tipos de planejamento
  • Quadro 3. Visão das escolas sobre formulação da estratégia
  • Quadro 4. Evolução do pensamento estratégico
  • Quadro 5. Sistema de integração do planejamento e sua execução
  • Quadro 6. Visões de autores sobre oTableau de Bord
  • Quadro 7. Breves distinções entre TB (Cuadro de Mando) e BSC (Cuadro de Mando Integral)
  • Quadro 8. Síntese histórica econceitual do TB e BSC
  • Quadro 9. Características do BSC e do TB
  • Quadro 10. Visão múltipla das perspectivas do BSC
  • Quadro 11. Ações estratégicas cíclicas nas organizações x Perspectivas do BSC (grifos nossos)
  • Quadro 12. Matriz SWOT X Perspectivas do BSC
  • Quadro 13. Conceitos de contabilidade estratégica na literatura
  • Quadro 14. Contabilidade tradicional X Contabilidade estratégica
  • Quadro 15. Contabilidade gerencial X Contabilidade estratégica
  • Quadro 16. Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting)
  • Quadro 17. Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting)
  • Quadro 18. Visão atual da informação contábil
  • Quadro 19. Visão de um SIC
  • Quadro 20. Visão do sistema e subsistemas da contabilidade pública
  • Quadro 21. Nova estrutura do plano de contas público
  • Quadro 22. Relação dos processos de gestão com objetivos e indicadores de custos
  • Quadro 23. Comparativo de procedimentos do ABC e TDABC
  • Quadro 24. Cálculos do ABCcom base no quadro 23
  • Quadro 25. Cálculos do TDABC com base no quadro 23
  • Quadro 26. Cálculos da taxa de custo da capacidade com base no quadro 23
  • Quadro 27. Cálculos da taxa de custo da capacidade alocado com alteração de demanda
  • Quadro 28. Comparação dos indicadores de geração de riqueza
  • Quadro 29. Comparação entre as abordagens tradicional e estratégica de custos
  • Quadro 30. Comparação entre paradigmas tradicional e estratégico da gestão de custos
  • Quadro 31. Implicações da nova administração pública na gestão financeira
  • Quadro 32. Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. 1ª versão do questionário
  • Quadro 33. Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. Proposições X Questionário
  • Quadro 34. Proposições X Questionário X Documentos. Caso piloto MG
  • Quadro 35. Integração do PMDI/PPAG/LOA
  • Quadro 36. Programas e Ações governamentais do PPAG 2008-2011. MG
  • Quadro 37. Resultados da pesquisa. Pernambuco. Com questionário definitivo
  • Quadro 38. Resultados da pesquisa. Pernambuco. Proposições X Questionário definitivo
  • Quadro 39. Proposições X Questionário X Documentos. Pernambuco
  • Quadro 40. Resultados da pesquisa. Ceará. Com questionário definitivo
  • Quadro 41. Resultados da pesquisa. Ceará. Proposições X Questionário definitivo
  • Quadro 42. Proposições X Questionário X Documentos. Ceará
  • Quadro 43. Resultados da pesquisa. Amazonas. Com questionário definitivo
  • Quadro 44. Resultados da pesquisa. Amazonas. Proposições X Questionário definitivo
  • Quadro 45. Proposições X Questionário X Documentos. Amazonas
  • Quadro 46. Proposições X QuestionárioX Documentos. Casos estudados
  • Quadro 47. Instrumentos pesquisados X Questionário X Documentos. Casos estudados
  • Quadro 48. Instrumentos pesquisados X Casos estudados X Questionário X Documentos
  • Quadro 49. Casos estudados X Questionários X Documentos X Literatura X Conclusões
  • Quadro 50. Proposições X Objetivos específicos X Resultados da pesquisa. Casos estudados
  • Quadro 51. Proposições X QuestionárioX Documentos. Casos estudados

R

  • Referências
  • Relação dos processos de gestão comobjetivos e indicadores de custos. Quadro 22
  • Resultados da pesquisa. Amazonas. Comquestionário definitivo. Quadro 43
  • Resultados da pesquisa. Amazonas. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 44
  • Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. 1ª versão do questionário. Quadro 32
  • Resultados da pesquisa. Caso piloto MG. Proposições X Questionário. Quadro 33
  • Resultados da pesquisa. Ceará. Com questionário definitivo. Quadro 40
  • Resultados da pesquisa. Ceará. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 41
  • Resultados da pesquisa. Pernambuco. Com questionário definitivo. Quadro 37
  • Resultados da pesquisa. Pernambuco. Proposições X Questionário definitivo. Quadro 38

S

  • Setor público. Custosno setor público
  • Setor público. Papel das Normas Internacionais de Contabilidade para o Setor Público (NICSP)
  • SIG. Sistema de Informações Gerenciais
  • Síntese histórica e conceitual do TB e BSC. Quadro 8
  • Sistema de Informações Contábil. SIC
  • Sistema de integração do planejamento e sua execução. Quadro 5
  • Strategic Costs. Custos Estratégicos (Strategic Costs)
  • SWOT. Análise SWOT

T

  • Tableau de Bord (TB)
  • Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting). Quadro 16
  • Técnicas de SMA (Strategic Management Accounting). Quadro 17
  • Tipos de Estados primitivos e suas fases. Quadro 1

V

  • Valor Econômico Adicionado (Economic Value Added). EVA
  • Visão atual da informaçãocontábil. Quadro 18
  • Visão das escolas sobre formulação da estratégia. Quadro 3
  • Visão de um SIC. Quadro 19
  • Visão do sistema e subsistemas dacontabilidade pública. Quadro 20
  • Visão geral dos resultados da pesquisa
  • Visão múltipla das perspectivas do BSC. Quadro 10
  • Visões de autores sobre oTableau de Bord. Quadro 6
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: