Controle Gerencial dos Custos

Rodrigo Antonio Chaves da Silva

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Rodrigo Antonio Chaves da Silva
ISBN: 978853624521-8
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 166
Publicado em: 13/01/2014
Área(s): Contabilidade Geral Aplicada; Contabilidade - Controladoria
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

O custo foi e continua sendo o foco de vários estudos doutrinários, teóricos e práticos da Contabilidade. Visando técnicas cada vez mais eficientes para seu controle e gestão eficaz, uma literatura mais vasta, com maior amplitude e bases mais profundas foi exigida.

Este livro sintetiza os principais elementos de análise desse fenômeno fundamental do capital das organizações, sem pecar pela superficialidade, dando ao tema a complexidade que lhe é devida e também a linguagem simples.

Na obra são tratados com toda a clareza e recursos didáticos necessários temas essenciais como formas de controle, estrutura, rateio, análise, equilíbrio lucrativo, orçamentos e regulação para a eficácia patrimonial.

Pensar nos custos é pensar no sucesso da organização, e é este o objetivo principal desta obra.

AUTOR(ES)

Rodrigo Antonio Chaves da Silva

Contador, professor universitário, especialista em gestão econômica, consultor e analista de empresas, perito judicial, Membro do primeiro SIFICON (Simpósio Internacional das Fronteiras do Conhecimento Contábil) em Huancayo, Peru, ganhador do Prêmio Internacional de História da Contabilidade Prof. Martim Noel Monteiro (2007/2008), Prêmio Internacional de Contabilidade Financeira Luiz Chaves de Almeida (2008/2009) e Prêmio Internacional Rogério Fernandes Ferreira (2011); membro da ACIN (Associação Científica Internacional Neopatrimonialista), Membro do clube de Balanced Scorecard da Argentina; acadêmico efetivo imortalizado pela ACLA (Academia de ciências Letras e Artes de Manhuaçu). Autor de mais de cem artigos e escritor de cinco livros: "Evolução Doutrinária da Contabilidade", "Contabilidade Estratégica", "Introdução à Moderna Contabilidade Geral", "Exame de balanços" e "Análise do Capital de Giro e liquidez total das empresas", todos pela Juruá.

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

As primeiras observações científicas do custo

A custologia como estudo dos custos

A reditologia e a resultabilidade

O controle gerencial dos custos

Capítulo 1 - OS PRINCIPAIS CONCEITOS DE CUSTOS

1.1 A palavra custo

1.2 O que é um custo?

1.3 O custo é perda?

1.4 O custo e o investimento

1.5 O custo e a receita

Capítulo 2 - O CUSTO COMO FENÔMENO DAS EMPRESAS

2.1 O que é um custo no âmbito de contabilidade?

2.2 O custo e o sistema de resultado

2.3 O custo e as finanças

2.4 Os custos e a capitalização

Capítulo 3 - COMO SURGEM OS CUSTOS

3.1 Os fenômenos patrimoniais e a dinâmica

3.2 Os custos e a dinâmica

3.3 Donde sai o custo?

3.4 O custo e as empresas

Capítulo 4 - A FORMA DE CLASSIFICAÇÃO DOS CUSTOS

4.1 Os custos devem ser classificados

4.2 Os custos de acordo com a formação do produto

4.3 Os custos de acordo com o processo de produção

4.4 Os custos diretos e indiretos e sua relação com os fixos e variáveis

4.5 Outras classificações dos custos

Capítulo 5 - O CUSTO DOS MATERIAIS

5.1 Os materiais

5.2 O processo de formação do produto

5.3 Os materiais são elementos fundamentais para as empresas

5.4 A matéria-prima

5.5 O material secundário

5.6 Material de embalagem

5.7 Um exemplo prático de determinação de custo do produto

5.8 Outros materiais

5.9 Os materiais em comércio

Capítulo 6 - INFORMAÇÃO E LEVANTAMENTO DOS MATERIAIS

6.1 Formas de levantamento dos custos dos materiais

6.2 As principais fichas de controle de estoques

6.3 O (PEPS) - Primeiro que Entra e Primeiro que Sai

6.4 O (UEPS) Último que Entra é o Primeiro a Sair

6.5 O custo médio ponderado

6.6 Uso gerencial dos métodos e legislação

6.7 Alocação dos materiais em setores

Capítulo 7 - O CUSTO DE PESSOAL

7.1 A produção e o trabalho

7.2 O trabalho é um custo fixo ou variável?

7.3 O trabalho e a forma de levantamento pela folha de pagamento

7.4 Controles de pessoal com base nas horas

7.5 Os diversos custos de pessoal

7.6 As horas extras

7.7 As comissões

7.8 Os adicionais

Capítulo 8 - CUSTOS INDIRETOS DE FABRICAÇÃO

8.1 O que são custos indiretos ou CIF ou GIF

8.2 Exemplos de custos indiretos

8.3 Os diversos exemplos de custos indiretos

8.4 Análises dos custos indiretos ou fixos

8.5 Comportamento adequado dos custos fixos e dos variáveis

8.6 Análise percentual dos custos fixos e variáveis

8.7 Os custos eventuais ou artificiais

Capítulo 9 - RATEIO DOS CUSTOS FIXOS PELO CRITÉRIO PROPORCIONAL E SUA DILUIÇÃO

9.1 Os custos fixos e sua mensuração

9.2 As principais medidas de rateio dos custos fixos

9.3 Por que ratear?

9.4 Exemplo de alocação de custos diretos: método geral de gastos diretos e de produção disposta à venda

9.5 O método geral de alocação por custos indiretos

9.6 Método de rateio dos custos indiretos pela proporção dos materiais aplicados na produção

9.7 Custos fixos e comportamentos ideais para a sua diluição

Capítulo 10 - O CUSTO UNITÁRIO E A FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA

10.1 O custo e o preço

10.2 O custo unitário

10.3 O preço

10.4 Preços e estratégias

Capítulo 11 - MENSURAÇÃO E REGISTRO DOS CUSTOS GERAIS E A VISÃO DO CUSTO DIRETO VARIÁVEL E O INÍCIO DA TÉCNICA DE ORÇAMENTOS

11.1 Os custos gerais e sua relevação

11.2 O custo por absorção

11.3 Conceitos básicos para a demonstração do custo-direto ou overhead

11.4 A demonstração do custo direto variável ou overhead

11.5 Outras formas de mensuração do overhead

Capítulo 12 - O PONTO DE EQUILÍBRIO DAS EMPRESAS E ORÇAMENTOS DOS CUSTOS

12.1 O ponto de equilíbrio

12.2 Os conceitos básicos para se entender o ponto de equilíbrio (PE)

12.3 O ponto de equilíbrio em unidades

12.4 O ponto de equilíbrio em unidades

12.5 Orçamento dos custos pelas unidades

12.6 O ponto de equilíbrio em valores

12.7 Orçamento do ponto de equilíbrio em valores

12.8 Diversos pontos de equilíbrios

12.9 O ponto de equilíbrio financeiro

12.10 O ponto de equilíbrio reditual

Capítulo 13 - OS CUSTOS, O LUCRO, O VOLUME E AS DECISÕES EMPRESARIAIS

13.1 As relações entre as três principais grandezas

13.2 O custo e a produção

13.3 As escolhas de maior margem de contribuição

13.4 O giro dos volumes e o lucro da empresa

13.5 O lucro e o volume produzido da empresa

Capítulo 14 - ESTIMATIVA DE VENDAS E PREVISÃO DE ESTOQUES

14.1 Para que estimar as vendas?

14.2 Método da tendência acumulada e sua aplicação

14.3 Traçando metas gerais de vendas

14.4 Os planos analíticos de metas (específicas)

14.5 Vendas previstas, ponto de equilíbrio e previsão para as compras

Capítulo 15 - ESTIMATIVA DE CUSTOS, ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE ORÇAMENTOS

15.1 A técnica de estimativa

15.2 Os orçamentos

15.3 O orçamento da demonstração de resultado, previsão de vendas e de despesas

15.4 Orçamento de custos

15.5 Análise orçamentária

15.6 Análise dos orçamentos dos custos

REFERÊNCIAS

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Adicionais
  • Alocação dos materiais em setores
  • Análise dos orçamentos dos custos
  • Análise orçamentária
  • Análise percentual dos custos fixos e variáveis
  • Análises dos custos indiretos ou fixos

C

  • Capitalização. Custos e a capitalização
  • Classificação. Custos devem ser classificados
  • Comércio. Materiais em comércio
  • Comissões
  • Como surgem os custos
  • Comportamento adequado dos custos fixos e dos variáveis
  • Compras. Vendas previstas, ponto de equilíbrio e previsão para as compras
  • Conceitos básicos para a demonstração do custo-direto ou overhead
  • Conceitos básicos para se entender o ponto de equilíbrio (PE)
  • Contabilidade. O que é um custo no âmbito de contabilidade?
  • Contribuição. Escolhas de maior margem de contribuição
  • Controle gerencial dos custos
  • Controles de pessoal com base nas horas
  • Custo de pessoal
  • Custo direto variável. Demonstração do custo direto variável ou overhead
  • Custo direto variável. Mensuração e registro dos custos gerais e a visão do custo direto variável e o início da técnica de orçamentos
  • Custo dos materiais
  • Custo e a produção
  • Custo e o preço
  • Custo fixo. Trabalho é um custo fixo ou variável?
  • Custo médio ponderado
  • Custo por absorção
  • Custo unitário e a formação do preço de venda
  • Custo unitário
  • Custo variável. Trabalho é um custo fixo ou variável?
  • Custo-direto. Conceitos básicos para a demonstração do custo-direto ou overhead
  • Custologia como estudo dos custos
  • Custos como fenômeno das empresas
  • Custos de acordo com a formação do produto
  • Custos de acordo com o processo de produção
  • Custos de materiais. Formas de levantamento dos c ustos dos materiais
  • Custos devem ser classificados
  • Custos diretos e indiretos e sua relação com os fixos e variáveis
  • Custos diretos. Exemplo de alocação de custos diretos: método geral de gastos diretos e de produção disposta à venda
  • Custos do produto. Um exemplo prático de determinação de custo do produto
  • Custos e a capitalização
  • Custos e a dinâmica
  • Custos e as empresas
  • Custos e as finanças
  • Custos e o investimento
  • Custos e o sistema de resultado
  • Custos e receita
  • Custos eventuais ou artificiais
  • Custos fixos e comportamentos ideais para a sua diluição
  • Custos fixos e sua mensuração
  • Custos fixos. Análise percentual dos custos fixos e variáveis
  • Custos fixos. Análises dos custos indiretos ou fixos
  • Custos fixos. As principais medidas de rateio dos custos fixos
  • Custos fixos. Comportamento adequado dos custos fixos e dos variáveis
  • Custos fixos. Rateio dos custos fixos pelo critério proporcional e sua diluição
  • Custos gerais e sua relevação
  • Custos gerais. Mensuração e registro dos custos g erais e a visão do custo direto variável e o início da técnica de orçamentos
  • Custos indiretos de fabricação
  • Custos indiretos. Análises dos custos indiretos ou fixos
  • Custos indiretos. Diversos exemplos de custos indiretos
  • Custos indiretos. Exemplos de custos indiretos
  • Custos indiretos. Método geral de alocação por custos indiretos
  • Custos indiretos. O que são custos indiretos ou CIF ou GIF
  • Custos variáveis. Análise percentual dos custos fixos e variáveis
  • Custos variáveis. Comportamento adequado dos custos fixos e dos variáveis
  • Custos, o lucro, o volume e as decisões empresariais
  • Custos. A palavra custo
  • Custos. Análise dos orçamentos dos custos
  • Custos. Custologia como estudo dos custos
  • Custos. Diversos custos de pessoal
  • Custos. Donde sai o custo?
  • Custos. Estimativa de custos, elaboração e análise de orçamentos
  • Custos. Forma de classificação dos custos
  • Custos. O custo é perda?
  • Custos. O que é um custo no âmbito de contabilidade?
  • Custos. O que é um custo?
  • Custos. Orçamento de custos
  • Custos. Orçamento dos custos pelas unidades
  • Custos. Outras classificações dos custos
  • Custos. Primeiras observações científicas do custo
  • Custos. Principais conceitos de custos
  • Custos. Surgimento. Como surgem os custos

D

  • Decisões empresariais. Custos, o lucro, o volume e as decisões empresariais
  • Despesas. Orçamento da demonstração de resultado, previsão de vendas e de despesas
  • Diluição. Custos fixos e comportamentos ideais para a sua diluição
  • Dinâmica. Custos e a dinâmica
  • Dinâmica. Fenômenos patrimoniais e a dinâmica
  • Diversos custos de pessoal
  • Diversos exemplos de custos indiretos
  • Diversos pontos de equilíbrios

E

  • Empresa. Custo como fenômeno das empresas
  • Empresa. Custo e as empresas
  • Empresa. Giro dos volumes e o lucro da empresa
  • Empresas. Materiais são elementos fundamentais para as empresas
  • Escolhas de maior margem de contribuição
  • Estimativa de custos, elaboração e análise de orçamentos
  • Estimativa de vendas e previsão de estoques
  • Estoque. Estimativa de vendas e previsão de estoques
  • Estoque. O (PEPS) - Primeiro que Entra e Primeiro que Sai
  • Estoque. O (UEPS) Último que Entra é o Primeiro a Sair
  • Estoque. Principais fichas de controle de estoques
  • Estratégia. Preços e estratégias
  • Exemplo de alocação de custos diretos: método geral de gastos diretos e de produção disposta à venda
  • Exemplos de custos indiretos

F

  • Fabricação. Custos indiretos de fabricação
  • Fenômenos patrimoniais e a dinâmica
  • Finanças. Custo e as finanças
  • Fixo. Custos diretos e indiretos e sua relação co m os fixos e variáveis
  • Folha de pagamento. Trabalho e a forma de levanta mento pela folha de pagamento
  • Forma de classificação dos custos
  • Formação do produto. Custos de acordo com a formação do produto

G

  • Gastos diretos. Exemplo de alocação de custos diretos: método geral de gastos diretos e de produção disposta à venda
  • Giro dos volumes e o lucro da empresa

H

  • Horas extras
  • Horas. Controles de pessoal com base nas horas

I

  • Introdução
  • Investimento. Custo e o investimento

L

  • Legislação. Uso gerencial dos métodos e legislação
  • Lucro e o volume produzido da empresa
  • Lucro. Custos, o lucro, o volume e as decisões empresariais

M

  • Matéria-prima
  • Materiais em comércio
  • Materiais são elementos fundamentais para as empresas
  • Materiais
  • Materiais. Alocação dos materiais em setores
  • Materiais. Custo dos materiais
  • Materiais. Formação e levantamento dos materiais
  • Materiais. Outros materiais
  • Material de embalagem
  • Material secundário
  • Mensuração e registro dos custos gerais e a visão do custo direto variável e o início da técnica de orçamentos
  • Metas. Planos analíticos de metas (específicas)
  • Metas. Traçando metas gerais de vendas
  • Método da tendência acumulada e sua aplicação
  • Método de rateio dos custos indiretos pela proporção dos materiais aplicados na produção
  • Método geral de alocação por custos indiretos
  • Método. Uso gerencial dos métodos e legislação

O

  • Orçamento da demonstração de resultado, previsão de vendas e de despesas
  • Orçamento de custos
  • Orçamento do ponto de equilíbrio em valores
  • Orçamento dos custos pelas unidades
  • Orçamento dos custos. Ponto de equilíbrio das empesas e orçamentos dos custos
  • Orçamento. Análise orçamentária
  • Orçamento. Mensuração e registro dos custos gerai s e a visão do custo direto variável e o início da técnica de orçamentos
  • Orçamentos
  • Orçamentos. Análise dos orçamentos dos custos
  • Orçamentos. Estimativa de custos, elaboração e análise de orçamentos
  • Overhead. Conceitos básicos para a demonstração do custo-direto ou overhead
  • Overhead. Demonstração do custo direto variável ou overhead
  • Overhead. Outras formas de mensuração do overhead

P

  • Patrimônio. Fenômenos patrimoniais e a dinâmica
  • Perda. O custo é perda?
  • Pessoal. Custo de pessoal
  • Planos analíticos de metas (específicas)
  • Ponto de equilíbrio das empresas e orçamentos dos custos
  • Ponto de equilíbrio em unidades
  • Ponto de equilíbrio em valores
  • Ponto de equilíbrio financeiro
  • Ponto de equilíbrio reditual
  • Ponto de equilíbrio
  • Ponto de equilíbrio. Diversos pontos de equilíbrios
  • Ponto de equilíbrio. Orçamento do ponto de equilíbrio em valores
  • Ponto de equilíbrio. Vendas previstas, ponto de equilíbrio e previsão para as compras
  • Preço de venda. Custo unitário e a formação do preço de venda
  • Preço
  • Preço. O custo e o preço
  • Preços e estratégias
  • Principais conceitos de custos
  • Principais fichas de controle de estoques
  • Processo de formação do produto
  • Processo de produção. Custos de acordo com o processo de produção
  • Produção e trabalho
  • Produção. Custo e a produção
  • Produção. Exemplo de alocação de custos diretos: método geral de gastos diretos e de produção disposta à venda
  • Produção. Método de rateio dos custos indiretos p ela proporção dos materiais aplicados na produção
  • Produto. Processo de formação do produto

R

  • Rateio de custos. Método de rateio dos custos indiretos pela proporção dos materiais aplicados na produção
  • Rateio dos custos fixos pelo critério proporcional e sua diluição
  • Rateio. Por que ratear?
  • Receita. Custo e receita
  • Reditologia e a resultabilidade
  • Referências
  • Relações entre as três principais grandezas
  • Resultabilidade. Reditologia e a resultabilidade
  • Resultado. Custo e o sistema de resultado
  • Resultado. Orçamento da demonstração de resultado, previsão de vendas e de despesas

T

  • Técnica de estimativa
  • Tendência acumulada. Método da tendência acumulada e sua aplicação
  • Trabalho e a forma de levantamento pela folha de pagamento
  • Trabalho é um custo fixo ou variável?
  • Trabalho. Produção e trabalho
  • Traçando metas gerais de vendas

U

  • Unidades. Orçamento dos custos pelas unidades
  • Unidades. Ponto de equilíbrio em unidades
  • Uso gerencial dos métodos e legislação

V

  • Valores. Orçamento do ponto de equilíbrio em valores
  • Valores. Ponto de equilíbrio em valores
  • Variável. Custos diretos e indiretos e sua relação com os fixos e variáveis
  • Vendas previstas, ponto de equilíbrio e previsão para as compras
  • Vendas. Orçamento da demonstração de resultado, p revisão de vendas e de despesas
  • Vendas. Para que estimar as vendas?
  • Vendas. Traçando metas gerais de vendas
  • Volume. Custos, o lucro, o volume e as decisões empresariais
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: