Proteção dos Refugiados Ambientais pelo Direito Internacional, A - Uma Leitura a Partir da Teoria da Sociedade de Risco

Diogo Andreola Serraglio

Versão impressa

de R$ 49,90*

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
de R$ 34,70*

* Desconto não cumulativo com outras promoções, incluindo P.A.P. e Cliente Fiel

Ficha técnica

Autor(es): Diogo Andreola Serraglio

ISBN v. impressa: 978853624833-2

ISBN v. digital: 978853628316-6

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 223grs.

Número de páginas: 180

Publicado em: 25/09/2014

Área(s): Direito - Ambiental; Direito - Internacional

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

Tendo em vista que as questões ambientais vêm suscitando a emergência de novos problemas para o Direito, dentre os quais se destacam as vítimas de catástrofes, sejam elas naturais ou provocadas, oportuno se torna averiguar em que as migrações ambientais se distinguem daquelas já regulamentadas pela sociedade contemporânea.

Por tais razões, a adoção da presente obra mostra-se imprescindível para a compreensão, de forma didática, da teoria da Sociedade de Risco, estruturada por Ulrich Beck, ainda pouco analisada pela doutrina pátria, assim como um melhor entendimento a respeito das mudanças climáticas que decorrem do aquecimento global.

Em outras palavras, enfatiza-se a relevância da pesquisa por examinar a teoria da Sociedade de Risco como parâmetro investigativo para o desencadeamento das adversidades ambientais no globo, as quais resultam do desenfreado processo de industrialização dos últimos dois séculos. Assim sendo, pontuam-se as principais transformações ocorridas ao longo desse período para a apuração dos acontecimentos que ensejaram as mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global e, por sua vez, a mobilidade humana forçada.

 

Recomenda-se a leitura desta obra por examinar a existência de mecanismos que oportunizam a proteção dos refugiados ambientais climáticos e observar como a questão tem afetado a sociedade contemporânea através de uma avaliação jurisdicional do tema, por intermédio de acordos e embates regionais. Trata-se, portanto, de um livro enriquecedor àqueles que estudam os impactos produzidos sobre as vidas humanas, em decorrência das mudanças climáticas, ocasionadas pelos avanços técnico-científicos, como fator de reconhecimento da condição de refugiado.

Autor(es)

Diogo Andreola Serraglio

Mestre em Direito Econômico e Socioambiental pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR. Pós-graduado em Direito Ambiental pela Universidade Federal do Paraná - UFPR. Especialista em Direito Internacional do Meio Ambiente pela United Nations Institute for Training and Research - UNITAR. Graduado em Direito pelo Centro Universitário Curitiba - Unicuritiba. Membro da Comissão Mundial de Direito Ambiental da International Union for Conservation of Nature - IUCN. Membro da Rede Latino-Americana de Antropologia Jurídica - RELAJU. Participante do Grupo de Pesquisa Meio Ambiente: Sociedades Tradicionais e Sociedade Hegemônica da Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR. Advogado.

Sumário

LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS, p. 17

INTRODUÇÃO, p. 19

1 A SOCIEDADE DE RISCO E AS MUDANÇAS CLIMÁTICAS NO SÉCULO XXI, p. 25

1 . 1 As Fases da Modernidade, p. 25

1 . 1 . 1 A primeira modernidade, p. 25

1 . 1 . 2 A modernidade avançada, p. 31

1 . 1 . 3 Os riscos e suas características, p. 37

1 . 2 As Mudanças Climáticas Decorrentes do Aquecimento Global, p. 47

1 . 2 . 1 As causas das mudanças climáticas, p. 47

1 . 2 . 2 As projeções do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 53

1 . 2 . 3 Os céticos das mudanças climáticas e a credibilidade do Pai - nel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 60

2 OS REFUGIADOS AMBIENTAIS CLIMÁTICOS, p. 65

2 . 1 O Direito dos Refugiados, p. 66

2 . 1 . 1 Instituto do asilo, p. 66

2 . 1 . 2 Os fundamentos e a proteção internacional aos refugiados, p. 72

2 . 1 . 3 A Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78

2 . 2 A Definição Normativa dos Refugiados Ambientais, p. 88

2 . 2 . 1 A construção de uma nova categoria de refugiados, p. 88

2 . 2 . 2 A definição doutrináriados refugiados ambientais, p. 95

2 . 2 . 3 Refugiados ambientais climáticos, p. 106

3 O DESAFIO DE UMA NOVA ORDEM INTERNACIONAL, p. 113

3 . 1 A Proteção Jurídica dos Refugiados Ambientais Climáticos na Atualidade, p. 113

3 . 2 A Questão dos Refugiados Ambientais à Luz das Convenções Regionais, p. 120

3 . 2 . 1 A Corte Europeia de Direitos Humanos, p. 120

3 . 2 . 2 A Organização da Unidade Africana, p. 124

3 . 2 . 3 A Corte Interamericana de Direitos Humanos, p. 127

3 . 2 . 4 O tratamento da questão na Oceania, p. 129

3 . 2 . 5 A análise de casos concretos, p. 131

3 . 2 . 5 . 1 Tuvalu, p. 131

3 . 2 . 5 . 2 Maldivas, p. 135

3 . 2 . 5 . 3 Shishmaref, p. 136

3 . 2 . 5 . 4 O primeiro caso judicial envolvendo os refugiados ambientais climáticos, p. 138

3 . 3 Desafios e Desdobramentos, p. 142

CONCLUSÕES, p. 153

REFERÊNCIAS, p. 161

Índice alfabético

A

  • África . Organização da Unidade Africana, p. 124
  • Aquecimento global . Mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global, p. 47
  • Asilo político . Instituto do asilo, p. 66

C

  • Céticos das mudanças climáticas e a credibilidade do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 60
  • Clima . Céticos das mudanças climáticas e a credibilidade do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 60
  • Clima . Mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global, p. 47
  • Clima . Mudanças climáticas . Causas, p. 47
  • Clima . Projeções do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 53
  • Clima . Proteção jurídica dos refugiados ambientais climáticos na atualidade, p. 113
  • Clima . Refugiados ambientais climáticos, p. 65
  • Clima . Refugiados ambientais climáticos, p. 106
  • Clima . Sociedade de risco e as mudanças climáticas no século XXI, p. 25
  • Conclusões, p. 153
  • Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78
  • Convenções regionais . Questão dos refugiados ambientais à luz das convenções regionais, p. 120
  • Corte Europeia deDireitos Humanos, p. 120
  • Corte Interamericana de Direitos Humanos, p. 127

D

  • Desafio de uma nova ordem internacional, p. 113
  • Direito dos refugiados, p. 66
  • Direitos Humanos . Corte Europeia de Direitos Humanos, p. 120
  • Direitos Humanos . Corte Interamericana de Direitos Humanos, p. 127

E

  • Estatuto dos Refugiados . Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78

F

  • Fundamentos e a proteção internacional aos refugiados, p. 72

G

  • Garantias fundamentais . Tratamento da questão na Oceania, p. 129

I

  • Instituto do asilo, p. 66
  • Introdução, p. 19

M

  • Meio ambiente . Refugiadosambientais climáticos, p. 65
  • Mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global, p. 47
  • Mudanças climáticas . Causas, p. 47
  • Mudanças climáticas . Céticos das mudanças climáticas e a credibilidade do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 60
  • Mudanças climáticas . Fases da modernidade, p. 25
  • Mudanças climáticas . Modernidade avançada, p. 31
  • Mudanças climáticas . Primeira modernidade, p. 25
  • Mudanças climáticas . Projeções do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 53
  • Mudanças climáticas . Riscos e suas características, p. 37
  • Mudanças climáticas . Sociedade de risco e as mudanças climáticas no século XXI, p. 25

N

  • Nações Unidas . Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78

O

  • ONU . Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78
  • Ordem internacional . Desafio deuma nova ordem internacional, p. 113
  • Organização da Unidade Africana, p. 124

P

  • Painel intergovernamental . Céticos das mudanças climáticas e a credibilidade do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 60
  • Painel intergovernamental . Projeções do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 53
  • Primeiro caso judicial envolvendo os refugiados ambientais climáticos, p. 138
  • Projeções do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, p. 53
  • Proteção internacional . Fundamentos e aproteção internacional aos refugiados, p. 72
  • Proteção jurídica dos refugiados ambientais climáticos na atualidade, p. 113

R

  • Referências, p. 161
  • Refugiados ambientais climáticos, p. 65
  • Refugiados ambientais climáticos, p. 106
  • Refugiados ambientais climáticos . Desafios e desdobramentos, p. 142
  • Refugiados ambientais climáticos . Primeiro caso judicial envolvendo os refugiados ambientais climáticos, p. 138
  • Refugiados ambientais . Análise de casos concretos, p. 131
  • Refugiados ambientais . Análise de casos concretos . Maldivas, p. 135
  • Refugiados ambientais . Análise decasos concretos . Shishmaref, p. 136
  • Refugiados ambientais . Análise de casos concretos . Tuvalu, p. 131
  • Refugiados ambientais . Definição doutrinária dos refugiados ambientais, p. 95
  • Refugiados ambientais . Definição normativa dos refugiados ambientais, p. 88
  • Refugiados ambientais . Proteção jurídica dos refugiados ambientais climáticos na atualidade, p. 113
  • Refugiados ambientais . Questão dos refugiados ambientais à luz das convenções regionais, p. 120
  • Refugiados . Construção de uma nova categoria de refugiados, p. 88
  • Refugiados . Convenção das Nações Unidas Relativa ao Estatuto dos Refugiados (1951) e seus desdobramentos, p. 78
  • Refugiados . Direito dos refugiados, p. 66
  • Refugiados . Fundamentos e a proteção internacional aos refugiados, p. 72
  • Risco . Sociedade de risco e as mudanças climáticas no século XXI, p. 25

S

  • Sociedade de risco e as mudanças climáticas no século XXI, p. 25

Recomendações

Capa do livro: Direito do Comércio Internacional - Pragmática, Diversidade e Inovação, Coordenadores: Maristela Basso, Maurício Almeida Prado e Daniela Zaitz

Direito do Comércio Internacional - Pragmática, Diversidade e Inovação

 Coordenadores: Maristela Basso, Maurício Almeida Prado e Daniela ZaitzISBN: 853621085-0Páginas: 576Publicado em: 27/09/2005

Versão impressa

de R$ 174,70* porR$ 157,23em 6x de R$ 26,21Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Dano Transnacional e Internet, Wilson Furtado Roberto
Doutrina Estrangeira

Dano Transnacional e Internet

 Wilson Furtado RobertoISBN: 978853623068-9Páginas: 284Publicado em: 06/08/2010

Versão impressa

de R$ 87,70* porR$ 78,93em 3x de R$ 26,31Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Meio Ambiente, Direito e Biotecnologia, Coordenadores: Maria Auxiliador Minahim, Tiago Batista Freitas e Thiago Pires Oliveira

Meio Ambiente, Direito e Biotecnologia

 Coordenadores: Maria Auxiliador Minahim, Tiago Batista Freitas e Thiago Pires OliveiraISBN: 978853622916-4Páginas: 624Publicado em: 05/04/2010

Versão impressa

de R$ 189,90* porR$ 170,91em 6x de R$ 28,49Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Direito Penal do Inimigo, Francisco Muñoz Conde

Direito Penal do Inimigo

 Francisco Muñoz CondeISBN: 978853624005-3Páginas: 86Publicado em: 22/11/2012

Versão impressa

de R$ 27,70* porR$ 24,93 Adicionar ao
carrinho