Nação Enraizada - Estado, Identidade e Preservação

Fabiana Santos Dantas

Versão impressa

por R$ 99,90em 3x de R$ 33,30Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
de R$ 69,90*
por R$ 59,42em 2x de R$ 29,71Adicionar ao carrinho

* Desconto não cumulativo com outras promoções, incluindo P.A.P. e Cliente Fiel

Ficha técnica

Autor(es): Fabiana Santos Dantas

ISBN v. impressa: 978652631095-3

ISBN v. digital: 978652631047-2

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 238grs.

Número de páginas: 192

Publicado em: 25/01/2024

Área(s): Direito - Ambiental; Direito - Consumidor; Direito - Trabalho

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora - Juruá eBooks - para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 5 ou posterior
  • iOSiOS 8 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite download do livro em formato PDF;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

“A política pública de preservação existe porque o patrimônio cultural exerce funções importantes para a consolidação e para o fortalecimento institucional do Estado. Entre outras, permite a construção de objetivos comuns, provê fontes de identificação que contribuirão para a aceitação das instituições estatais, reforça os valores organizacionais para o público interno e externo e garante a persistência e consistência desses valores.  O Estado apresenta características que são essenciais para garantir a sua estabilidade, e o objetivo deste livro é identificá-las enraizadas nos seus elementos constitutivos – povo, território, governo e soberania –, compreendendo que cada escolha de bens culturais pelo Estado para fins de preservação responde a uma necessidade de autopreservação. O objetivo último de uma política oficial é preservar o próprio Estado, tomando os bens culturais materiais e imateriais como pontos de ancoragem e de retorno que permitam a mudança e a adaptação sem rupturas, fundamentais à sua identidade, sobrevivência e prosperidade”.

Autor(es)

FABIANA SANTOS DANTAS

Mestra e Doutora em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Procuradora Federal com atuação junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Professora Adjunta da UFPE. Publicou pela Juruá Editora o livro Direito Fundamental à Memória.

Sumário

1 INTRODUÇÃO, p. 15

2 O ESTADO, A NAÇÃO E O ESTADO-NAÇÃO, p. 19

2.1 O CONCEITO COMO PROBLEMA, p. 19

2.2 A QUESTÃO DE IMAGINAR E A REALIZAR A NAÇÃO, p. 24

2.2.1 Imaginar Criando Singularidade, p. 26

2.2.2 Imaginar-se Sendo um Todo, p. 29

2.2.3 Imaginar-se Fazendo Parte, p. 36

2.3 QUEM CONTA UM CONTO AUMENTA UM PONTO (NO MAPA), p. 38

3 O ESTADO E SUA MITOLOGIA, p. 43

3.1 MITOS FUNDACIONAIS, p. 45

3.1.1 Origem ou Fundação, p. 46

3.1.2 Independência, p. 50

3.1.3 Destino, p. 52

3.2 OS ELEMENTOS IDENTITÁRIOS DO ESTADO, p. 54

3.3 EFEMÉRIDES E COMEMORAÇÕES: A NAÇÃO NO CALENDÁRIO OFICIAL, p. 60

3.3.1 Origem ou Fundação, p. 62

3.3.2 Independência, p. 64

3.3.3 Outras Datas, p. 65

3.4 TÍTULOS HONORÍFICOS, CONDECORAÇÕES E PRÊMIOS, p. 66

3.5 HERÓIS NACIONAIS, p. 66

3.6 MONUMENTOS NACIONAIS, p. 68

4 ENRAIZAMENTOS NO TERRITÓRIO, p. 75

4.1 CONSTRUÇÃO CULTURAL DO TERRITÓRIO E DO ESPAÇO PÚBLICO, p. 80

4.2 TERRITÓRIO E IDENTIFICAÇÃO, p. 84

4.3 DESTERRITORIALIZAÇÃO, p. 86

5 ENRAIZAMENTOS DO POVO, p. 89

5.1 O POVO, POR ELE MESMO, p. 91

5.2 TORNAR-SE POVO: ENRAIZAMENTOS CULTURAIS, p. 94

5.3 O POVO EM SEU LAR: RELAÇÕES COM O TERRITÓRIO, p. 103

5.4 O VALOR DO POVO E A EXALTAÇÃO DOS CAÍDOS, p. 106

6 ENRAIZAMENTOS NO GOVERNO: QUESTÕES DE CULTURA E CULTURA POLÍTICA, p. 109

6.1 DESENHO INSTITUCIONAL: UMA QUESTÃO DE CULTURA E POLÍTICA, p. 111

6.2 RITUAIS DE APROXIMAÇÃO DO GOVERNO: A QUESTÃO DO PROTOCOLO OFICIAL, p. 122

6.3 MONUMENTALIZAÇÃO DE IDEOLOGIAS, VERSÕES E AVERSÕES, p. 124

6.3.1 O Significado Político dos Bens Culturais, p. 126

6.3.2 A Questão do Decorum e da Distinção, p. 128

6.3.3 Estética dos Órgãos Estatais e Políticas Públicas: a Imagem do Estado, p. 130

6.3.4 A Imagem dos Governantes, p. 133

6.4 A MEMÓRIA ORGANIZACIONAL DO ESTADO, p. 138

7 GESTÃO DA IDENTIDADE CULTURAL NO (DO) ESTADO: SER E CONTINUAR SENDO, EIS A QUESTÃO, p. 141

7.1 GERINDO IDENTIDADES, p. 142

7.2 NARRATIVAS E DISCURSOS SOBRE IDENTIDADE, NACIONALIDADE E PATRIOTISMO, p. 146

7.3 ESTRATÉGIAS DE TRANSMISSÃO DOS ELEMENTOS IDENTITÁRIOS, p. 150

7.3.1 Estratégias de Transmissão, p. 152

7.3.2 Desafios da (à) Transmissão, p. 155

7.4 POLÍTICA DE PRESERVAÇÃO E AUTOPRESERVAÇÃO, p. 157

7.4.1 Política de Preservação, p. 160

7.4.2 Preservação como Autopreservação, p. 163

8 CONCLUSÃO, p. 171

REFERÊNCIAS, p. 175

Índice alfabético

A

  • Autopreservação. Política de preservação e autopreservação, p. 157
  • Autopreservação. Preservação como autopreservação, p. 163

B

  • Bem cultural. Significado político dos bens culturais, p. 126

C

  • Calendário oficial. Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial, p. 60
  • Comemoração. Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial, p. 60
  • Conclusão, p. 171
  • Condecoração. Títulos honoríficos, condecorações e prêmios, p. 66
  • Construção cultural do território e do espaço público, p. 80
  • Cultura política. Enraizamentos no governo: questões de cultura e cultura política, p. 109
  • Cultura. Desenho institucional: uma questão de cultura e política, p. 111

D

  • Decorum. Questão do decorum e da distinção, p. 128
  • Desafios da (à) transmissão, p. 155
  • Desenho institucional: uma questão de cultura e política, p. 111
  • Desterritorialização, p. 86
  • Distinção. Questão do decorum e da distinção, p. 128

E

  • Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial, p. 60
  • Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial. Independência, p. 64
  • Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial. Origem ou fundação, p. 62
  • Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial. Outras datas, p. 65
  • Elementos identitários do Estado, p. 54
  • Enraizamento cultural. Tornar-se povo, p. 94
  • Enraizamentos do povo, p. 89
  • Enraizamentos no governo: questões de cultura e cultura política, p. 109
  • Enraizamentos no território, p. 75
  • Espaço público. Construção cultural do território e do espaço público, p. 80
  • Estado e sua mitologia, p. 43
  • Estado, a nação e o Estado-nação, p. 19
  • Estado, a nação e o Estado-nação. Conceito como problema, p. 19
  • Estado-nação. Estado, a nação e o Estado-nação, p. 19
  • Estado. Elementos identitários do Estado, p. 54
  • Estado. Estética dos órgãos estatais e políticas públicas: a imagem do Estado, p. 130
  • Estado. Gestão da identidade cultural no (do) Estado: ser e continuar sendo, eis a questão, p. 141
  • Estado. Memória organizacional do Estado, p. 138
  • Estética dos órgãos estatais e políticas públicas: a imagem do Estado, p. 130
  • Estratégias de transmissão, p. 152
  • Estratégias de transmissão dos elementos identitários, p. 150

G

  • Gerindo identidades, p. 142
  • Gestão da identidade cultural no (do) Estado: ser e continuar sendo, eis a questão, p. 141
  • Governante. Imagem dos governantes, p. 133
  • Governo. Enraizamentos no governo: questões de cultura e cultura política, p. 109
  • Governo. Rituais de aproximação do governo: a questão do protocolo oficial, p. 122

H

  • Heróis nacionais, p. 66

I

  • Identidade cultural. Gestão da identidade cultural no (do) Estado: ser e continuar sendo, eis a questão, p. 141
  • Identidade. Elementos identitários do Estado, p. 54
  • Identidade. Estratégias de transmissão dos elementos identitários, p. 150
  • Identidade. Gerindo identidades, p. 142
  • Identidade. Narrativas e discursos sobre identidade, nacionalidade e patriotismo, p. 146
  • Identificação e território, p. 84
  • Ideologia. Monumentalização de ideologias, versões e aversões, p. 124
  • Imagem dos governantes, p. 133
  • Imaginar criando singularidade, p. 26
  • Imaginar-se fazendo parte, p. 36
  • Imaginar-se sendo um todo, p. 29
  • Introdução, p. 15

M

  • Memória organizacional do Estado, p. 138
  • Mitologia. Estado e sua mitologia, p. 43
  • Mitos fundacionais, p. 45
  • Mitos fundacionais. Destino, p. 52
  • Mitos fundacionais. Independência, p. 50
  • Mitos fundacionais. Origem ou fundação, p. 46
  • Monumentalização de ideologias, versões e aversões, p. 124
  • Monumentos nacionais, p. 68

N

  • Nação. Efemérides e comemorações: a nação no calendário oficial, p. 60
  • Nação. Estado, a nação e o Estado-nação, p. 19
  • Nação. Quem conta um conto aumenta um ponto (no mapa), p. 38
  • Nação. Questão de imaginar e a realizar a nação, p. 24
  • Nacionalidade. Narrativas e discursos sobre identidade, nacionalidade e patriotismo, p. 146
  • Narrativas e discursos sobre identidade, nacionalidade e patriotismo, p. 146

O

  • Organização. Memória organizacional do Estado, p. 138
  • Órgão estatal. Estética dos órgãos estatais e políticas públicas: a imagem do Estado, p. 130

P

  • Patriotismo. Narrativas e discursos sobre identidade, nacionalidade e patriotismo, p. 146
  • Política de preservação, p. 160
  • Política de preservação e autopreservação, p. 157
  • Política pública. Estética dos órgãos estatais e políticas públicas: a imagem do Estado, p. 130
  • Política. Desenho institucional: uma questão de cultura e política, p. 111
  • Povo em seu lar: relações com o território, p. 103
  • Povo, por ele mesmo, p. 91
  • Povo. Enraizamentos do povo, p. 89
  • Povo. Tornar-se povo: enraizamentos culturais, p. 94
  • Povo. Valor do povo e a exaltação dos caídos, p. 106
  • Prêmio. Títulos honoríficos, condecorações e prêmios, p. 66
  • Preservação como autopreservação, p. 163
  • Preservação. Política de preservação, p. 160
  • Preservação. Política de preservação e autopreservação, p. 157
  • Protocolo oficial. Rituais de aproximação do governo: a questão do protocolo oficial, p. 122

Q

  • Questão do decorum e da distinção, p. 128

R

  • Referências, p. 175
  • Rituais de aproximação do governo: a questão do protocolo oficial, p. 122

S

  • Significado político dos bens culturais, p. 126
  • Singularidade. Imaginar criando singularidade, p. 26

T

  • Território e identificação, p. 84
  • Território. Construção cultural do território e do espaço público, p. 80
  • Território. Povo em seu lar: relações com o território, p. 103
  • Títulos honoríficos, condecorações e prêmios, p. 66
  • Tornar-se povo: enraizamentos culturais, p. 94
  • Transmissão. Desafios da (à) transmissão, p. 155
  • Transmissão. Estratégias de transmissão, p. 152

V

  • Valor do povo e a exaltação dos caídos, p. 106

Recomendações

Capa do livro: Reforma Trabalhista, Coordenadora: Patrícia Medeiros

Reforma Trabalhista

 Coordenadora: Patrícia MedeirosISBN: 978853628296-1Páginas: 148Publicado em: 25/09/2018

Versão impressa

de R$ 69,90* porR$ 59,42em 2x de R$ 29,71Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 49,90* porR$ 42,42 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Mudanças Climáticas e Valoração Econômica da Preservação Ambiental, Melissa Furlan

Mudanças Climáticas e Valoração Econômica da Preservação Ambiental

 Melissa FurlanISBN: 978853623160-0Páginas: 276Publicado em: 29/10/2010

Versão impressa

R$ 129,90em 5x de R$ 25,98Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Áreas de Preservação Permanente Urbana dos Cursos D´Água, Zedequias de Oliveira Júnior

Áreas de Preservação Permanente Urbana dos Cursos D´Água

 Zedequias de Oliveira JúniorISBN: 978853624828-8Páginas: 224Publicado em: 22/09/2014

Versão impressa

R$ 109,90em 4x de R$ 27,48Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 77,70* porR$ 66,05em 2x de R$ 33,02Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Proteção do Consumidor no Comércio Eletrônico, A, Diovana Barbieri
Doutrina Estrangeira

Proteção do Consumidor no Comércio Eletrônico, A

 Diovana BarbieriISBN: 978853624253-8Páginas: 264Publicado em: 24/06/2013

Versão impressa

R$ 119,90em 4x de R$ 29,98Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 84,70* porR$ 72,00em 2x de R$ 36,00Adicionar eBook
ao carrinho