Grafoscopia a Serviço da Perícia Judicial, A - A Importância do Perito em Assinaturas no Combate às Fraudes

André Luís Pinheiro Monteiro

Parcele em até 6x sem juros no cartão.
Parcela mínima de R$ 20,00

Versão impressa

Ficha técnica

Autor(es): André Luís Pinheiro Monteiro

ISBN: 978853621805-2

Acabamento: Brochura

Número de páginas: 146

Publicado em: 30/11/2007

Área(s): Direito Processual Civil

Sinopse

A importância do perito em assinaturas no combate as fraudes

O correto emprego das técnicas de análise de assinaturas pelo perito no combate as falsificações gráficas, produzidas por indivíduos inescrupulosos, auxilia o Poder Judiciário a desvendar a verdade sempre de maneira imparcial, não importando a quem o laudo beneficiará no processo: autor ou réu.
Cada perito estabelece sua metodologia de trabalho, optando livremente por qual ferramenta técnico-científica (gênese gráfica, dinâmica, espontaneidade e aspectos secundários) primeiramente irá empregar vez que o produto final deverá estar traduzido tecnicamente de forma clara, concisa e objetiva – o laudo grafotécnico.

Autor(es)

André Luís Pinheiro Monteiro é Bacharel em Administração – Faculdades Integradas Bennett; pós-graduando em Perícia Criminal – Universidade Castelo Branco; graduando em Ciências Contábeis – Universidade Estácio de Sá. Curso de Especialização em Gestão de Recursos de Defesa – Escola Superior de Guerra – ESG. Curso de Perícia Grafotécnica – Gilson Tavares – Auditoria e Assessoria S/C. Curso de Perito Judicial – Conselho Nacional dos Peritos Judiciais da República Federativa do Brasil – Conpej. Curso de Grafoscopia – Banco do Brasil. Curso on-line de Grafoscopia – Associação de Bancos no Estado do Rio de Janeiro (RJ)

Sumário

INTRODUÇÃO

1 - LEIS DO GRAFISMO

1ª LEI

2ª LEI

3ª LEI

4ª LEI

2 - PEÇAS PADRÃO E QUESTIONADA

3 - A IMPORTÂNCIA DA GÊNESE GRÁFICA

3.1 CONCEITO DA GÊNESE

3.2 DEFINIÇÃO DO GRAMA

3.3 COMPARANDO A FORMA COM A GÊNESE

3.4 ASPECTOS CONSTITUTIVOS DA GÊNESE

3.4.1 Planejamento

3.4.1.a Momento negativo espontâneo

3.4.1.b Momento negativo acidental

3.4.1.c Momento negativo fraudulento

3.4.2 Sentido genético

3.4.3 Tendência

3.4.4 Ideação

4 - IDADE E CULTURA GRÁFICAS

4.1 ESCRITA NORMAL

4.1.1 Escrita primária

4.1.1.a Do tipo canhestra

4.1.1.b Do tipo escolar

4.1.2 Escrita secundária

4.1.3 Escrita do tipo senil ou decadente

4.2 ESCRITA ANORMAL

4.2.1 Do tipo patológica

4.2.2 Escrita imitada

5 - AMOSTRAS DE FALSIFICAÇÕES

5.1 FALSIFICAÇÃO SEM IMITAÇÃO

5.2 FALSIFICAÇÃO POR IMITAÇÃO DE MEMÓRIA

5.3 FALSIFICAÇÃO POR IMITAÇÃO SERVIL

5.4 FALSIFICAÇÃO POR IMITAÇÃO EXERCITADA

5.5 AUTOFALSIFICAÇÃO

5.6 SIMULAÇÃO DE FALSO

5.7 FALSIFICAÇÃO POR INTERMÉDIO DE DECALQUE

5.7.1 Modalidade direta

5.7.2 Modalidade indireta

06 - DINÂMICA

07 - ESPONTANEIDADE

08 - CRUZAMENTO DE TRAÇOS

09 - ASPECTOS SECUNDÁRIOS

9.1 ALINHAMENTO GRÁFICO

9.1.a Acima da linha basal

9.1.b Sobre a linha de pauta

9.1.c Do tipo ascendente

9.1.d Do tipo descendente

9.1.e Apoiado na linha de pauta

9.1.f Irregular do tipo sinuoso

9.1.g Irregular do tipo arqueado

9.2 ESPAÇAMENTOS

9.2.1 Interliterais

9.2.2 Intergramaticais

9.2.3 Intervocabulares

9.2.4 Grande

9.2.5 Regular ou normal

9.2.6 Estreitado ou comprimido

9.3 TIPOS DE ATAQUES

9.3.1 Não apoiado ou sem apoio

9.3.2 Com apoio

9.3.3 Em arpão

9.3.4 Vindo do infinito

10 - TIPOS DE REMATES

10.1 APOIADO

10.2 SEM APOIO

10.3 EM FUGA

10.4 EM ARPÃO

11 - MÍNIMOS GRÁFICOS

12 - CALIBRE

12.1 CALIBRES PEQUENOS

12.2 CALIBRES MÉDIOS

12.3 CALIBRES GRANDES

13 - ESCRITOS ANGULARES E CURVILÍNEOS

14 - INCLINAÇÃO AXIAL

14.1 ESCRITA DO TIPO VERTICAL

14.2 ESCRITA DO TIPO DEXTRÓGIRA

14.3 ESCRITA DO TIPO SINISTRÓGIRA

14.4 INCLINAÇÃO AXIAL - QUADRO ILUSTRATIVO

15 - CONFERÊNCIA DE ASSINATURAS

16 - EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO

16.1 EXERCÍCIO N. 01

16.2 EXERCÍCIO N. 02

16.3 EXERCÍCIO N. 03

16.4 EXERCÍCIO N. 04

16.5 EXERCÍCIO N. 05

16.6 EXERCÍCIO N. 06

16.7 EXERCÍCIO N. 07

16.8 EXERCÍCIO N. 08

16.9 EXERCÍCIO N. 09

17 - GABARITO

17.1 EXERCÍCIO N. 01 - P. 87

17.2 EXERCÍCIO N. 02 - P. 89

17.3 EXERCÍCIO N. 03 - P. 90

17.4 EXERCÍCIO N. 04 - P. 92

17.5 EXERCÍCIO N. 05 - P. 95

17.6 EXERCÍCIO N.06 - P. 101

17.7 EXERCÍCIO N.07 - P. 108

17.8 EXERCÍCIO N.08 - P. 112

17.9 EXERCÍCIO N. 09 - P. 118

18 - MODELOS DE PETIÇÕES

18.1 ESTIMATIVA DE HONORÁRI OS

18.2 HONORÁRIOS NA SUCUMBÊNCIA

18.3 HONORÁRIOS NA SUCUMBÊNCIA COM REQUISIÇÃO DE ORIGINAIS

18.4 APRESENTAÇÃO DE ORIGINAIS

18.5 COLETA DE GRAFISMO

18.6 HONORÁRIOS PARA ASSISTÊNCIA TÉCNICA

18.7 ENTREGA DE LAUDO E LIBERAÇÃO DE HONORÁRIOS

19 - CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES

20 - MODELO DE LAUDO

21 - QUESITAÇÃO

21.1 QUESITOS PERTINENTES QUANTO À GRAFOTECNIA

21.2 QUESITOS IMPERTINENTES QUANTO À GRAFOTECNIA

REFERÊNCIAS

Recomendações

Capa do livro: Teoria Geral dos Recursos e o Novo Código de Processo Civil, Luís Henrique Barbante Franzé

Teoria Geral dos Recursos e o Novo Código de Processo Civil

3ª Edição - Revista e Atualizada de Acordo com a Lei 13.256/2016Luís Henrique Barbante FranzéISBN: 978853625856-0Páginas: 244Publicado em: 01/06/2016

Versão impressa

R$ 84,70Adicionar ao
carrinho
Versão impressa
+ eBook grátis

Na compra da versão impressa, a versão digital é brinde!


Versão digital

R$ 59,90Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Jurisdição - Crise, Efetividade e Plenitude Institucional - VOLUME I, Coordenador: Luiz Eduardo Gunther

Jurisdição - Crise, Efetividade e Plenitude Institucional - VOLUME I

 Coordenador: Luiz Eduardo GuntherISBN: 978853622244-8Páginas: 712Publicado em: 03/12/2008

Versão impressa

R$ 199,90Adicionar ao
carrinho