Função Pública da Transmissão da Psicanálise, A

Isabela Xavier Ferreira de Sá

Versão impressa

de R$ 49,90*

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
de R$ 34,70*

* Desconto não cumulativo com outras promoções, incluindo P.A.P. e Cliente Fiel

Ficha técnica

Autor(es): Isabela Xavier Ferreira de Sá

ISBN v. impressa: 978853622951-5

ISBN v. digital: 978853627611-3

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 235grs.

Número de páginas: 174

Publicado em: 28/04/2010

Área(s): Psicologia - Psicanálise

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

Em A Função Pública da Transmissão da Psicanálise, Isabela Xavier Ferreira de Sá trabalha a partir de uma determinada visada da incidência da psicanálise, decorrente de sua experiência de formação. Trata do fato de que a psicanálise não se limita ao tratamento de sua prática “privada” uma vez que nela as dimensões pública e privada não se opõem. A psicanálise durante muitos anos foi reconhecida apenas como uma clínica privada, reservada aos consultórios, restrita a relação particular do eu com seu mundo. Pensada como uma prática conciliatória, sua função era amplamente reconhecida como aquela de explicar o sujeito através do saber produzido em seu campo. Lacan ao escutar na fala do sujeito em análise a dimensão significante que a articula, subverte essa concepção psicologizante que a psicanálise passara a ter depois de Freud. A práxis psicanalítica é resgatada em seu poder de fazer surgir o ato, corte com a direção de comando de nosso narcisismo. Logo, a incidência da psicanálise no social não deve ser confundida com a difusão da psicanálise na cultura, implicação que retira dela toda sua eficácia discursiva. Portanto, Isabela de Sá faz reconhecer no discurso psicanalítico o que é função pública em estrutura.
Veremos que a transmissão em psicanálise relança o sujeito em sua dívida com a própria transmissão, fazendo-o retomar para si a responsabilidade da dimensão pública. Entretanto, somos advertidos de que não se trata de esperar do discurso analítico nenhuma intervenção de restituição ao social, a psicanálise não tem nada a restituir ao social, sua incidência limita-se a dar ao sujeito um lugar no qual ele possa fazer o que lhe cabe, para além da esfera de um narcisismo aterrador, no qual só lhe resta encontrar o caminho mais rápido ao gozo no qual ele mesmo se consome.

Autor(es)

Isabela Xavier Ferreira de Sá é Doutora em Teoria Psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ; Mestra em Teoria Psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro; graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro; Psicanalista; membro analista do Tempo Freudiano Associação Psicanalítica.
 

Sumário

INTRODUÇÃO, p. 15

CAPÍTULO 1 - DE QUE É FEITO O LAÇO SOCIAL?, p. 27

1.1 Indivíduo e sociedade, p. 34

1.2 O mito da constituição do laço social em Freud, p. 47

1.3 A constituição do laço social em Lacan, p. 53

CAPÍTULO 2 - A PSICANÁLISE AVANÇA ONDE A PARANOIA FRACASSA, p. 57

2.1 Laço social e narcisismo, p. 62

2.2 A constituição do eu e a ficção do dentro e do fora, p. 65

2.3 A fantasia: do mundo ao sujeito, p. 69

2.4 O sujeito e o social, p. 85

2.5 Sujeito e autonomia, p. 88

CAPÍTULO 3 - O GOZO E O DESEJO, p. 93

3.1 O sexual na psicanálise, p. 93

3.2 Gozo e discurso, p. 97

3.3 A verdade do gozo, p. 100

3.4 Tirar da castração um gozo?, p. 103

3.5 O limite do gozo, p. 106

3.6 O desejo e a ética, p. 112

CAPÍTULO 4 - TRANSMISSÃO DA PSICANÁLISE E FUNÇÃO PÚBLICA, p. 121

4.1 Psicanálise e Weltanschauung, p. 122

4.2 A psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127

4.3 A psicanálise, o público e o privado, p. 134

4.4 A psicanálise e sua transmissão, p. 138

4.5 Intensão e extensão, p. 153

4.6 O ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156

CONCLUSÃO, p. 159

REFERÊNCIAS, p. 165

Índice alfabético

A

  • Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • Autonomia. Psicanálise, o público e o privado, p. 134
  • Autonomia. Sujeito e autonomia, p. 88

C

  • Castração. Tirar da castração um gozo?, p. 103
  • Ciência. Psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127
  • Conceito. De que é feito o laço social?, p. 27
  • Conclusão, p. 159
  • Constituição do eu e a ficção do dentro e do fora, p. 65
  • Constituição do laço social em Lacan, p. 53

D

  • Desejo. Gozo e desejo, p. 93
  • Desejo e ética, p. 112
  • Discurso. Gozo e discurso, p. 97

E

  • Espaço público. De que é feito o laço social?, p. 27
  • Ética. Desejo e ética, p. 112
  • Ética da psicanálise. Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • «Eu». Constituição do eu e a ficção do dentro e do fora, p. 65
  • «Eu». Psicanálise, o público e o privado, p. 134
  • Extensão e intensão, p. 153

F

  • Fantasia: do mundo ao sujeito, p. 69
  • Ficção do dentro e do fora. Constituição do eu, p. 65
  • Fracasso. Psicanálise avança onde a paranoia fracassa, p. 57
  • Freud. Fantasia: do mundo ao sujeito, p. 69
  • Freud. Mito da constituição do laço social em Freud, p. 47
  • Função pública. Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • Função pública. Transmissão da psicanálise e função pública, p. 121

G

  • Gozo. Limite do gozo, p. 106
  • Gozo. Tirar da castração um gozo?, p. 103
  • Gozo. Verdade do gozo, p. 100
  • Gozo e desejo, p. 93
  • Gozo e discurso, p. 97

I

  • Indivíduo e sociedade, p. 34
  • Intensão e extensão, p. 153
  • Introdução, p. 15

L

  • Lacan. Constituição do laço social em Lacan, p. 53
  • Lacan. De que é feito o laço social?, p. 27
  • Laço social. Constituição do laço social em Lacan, p. 53
  • Laço social. De que é feito o laço social?, p. 27
  • Laço social. Mito da constituição do laço social em Freud, p. 47
  • Laço social. Sujeito e o social, p. 85
  • Laço social e narcisismo, p. 62
  • Limite do gozo, p. 106

M

  • Mito da constituição do laço social em Freud, p. 47
  • Mundo. Fantasia: do mundo ao sujeito, p. 69
  • Mundo externo. Constituição do eu e a ficção do dentro e do fora, p. 65

N

  • Narcisismo. Laço social e narcisismo, p. 62

O

  • O sexual na psicanálise, p. 93

P

  • Paranoia. Psicanálise avança onde a paranoia fracassa, p. 57
  • Privado. Psicanálise, o público e o privado, p. 134
  • Psicanálise. Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • Psicanálise. Constituição do laço social em Lacan, p. 53
  • Psicanálise. De que é feito o laço social?, p. 27
  • Psicanálise. Ética. Desejo e ética, p. 112
  • Psicanálise. Intensão e extensão, p. 153
  • Psicanálise. Mito da constituição do laço social em Freud, p. 47
  • Psicanálise. O sexual na psicanálise, p. 93
  • Psicanálise. Transmissão da psicanálise e função pública, p. 121
  • Psicanálise. Verdade do gozo, p. 100
  • Psicanálise avança onde a paranoia fracassa, p. 57
  • Psicanálise e Weltanschauung, p. 122
  • Psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127
  • Psicanálise e sua transmissão, p. 138
  • Psicanálise, o público e o privado, p. 134
  • Público. Psicanálise, o público e o privado, p. 134

R

  • Referências, p. 165

S

  • Saber. Psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127
  • Sexualidade. O sexual na psicanálise, p. 93
  • Sociedade. Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • Sociedade. Sujeito e o social, p. 85
  • Sociedade de iguais. Psicanálise avança onde a paranoia fracassa, p. 57
  • Sociedade e indivíduo, p. 34
  • Sujeito. Fantasia: do mundo ao sujeito, p. 69
  • Sujeito. Psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127
  • Sujeito e autonomia, p. 88
  • Sujeito e o social, p. 85

T

  • Tirar da castração um gozo?, p. 103
  • Transmissão. Ato analítico e a ética da psicanálise: função pública?, p. 156
  • Transmissão. Psicanálise e sua transmissão, p. 138
  • Transmissão da psicanálise e função pública, p. 121

V

  • Verdade. Psicanálise e a ciência: sujeito, saber e verdade, p. 127
  • Verdade do gozo, p. 100

W

  • Weltanschauung. Psicanálise e Weltanschauung, p. 122

Recomendações

Capa do livro: Inimputabilidade Penal e Psicanálise, Greta Fernandes Moreira

Inimputabilidade Penal e Psicanálise

 Greta Fernandes MoreiraISBN: 978853627536-9Páginas: 154Publicado em: 09/07/2018

Versão impressa

de R$ 59,90* porR$ 50,92em 2x de R$ 25,46Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 40,90* porR$ 34,77 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Freud em Diálogos, Marcio Martins

Freud em Diálogos

 Marcio MartinsISBN: 978853624343-6Páginas: 91Publicado em: 12/08/2013

Versão impressa

de R$ 29,90* porR$ 25,42 Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 19,90* porR$ 16,92 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Psicanálise e Fenomenologia, Organizadores: Mauricio José d’Escragnolle Cardoso e Adriano Furtado Holanda

Psicanálise e Fenomenologia

 Organizadores: Mauricio José d’Escragnolle Cardoso e Adriano Furtado HolandaISBN: 978853626495-0Páginas: 164Publicado em: 16/03/2017

Versão impressa

de R$ 59,90* porR$ 50,92em 2x de R$ 25,46Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 40,90* porR$ 34,77 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Origens de Winnicott, Roberto B. Graña

Origens de Winnicott

2ª Edição - Revista e AtualizadaRoberto B. GrañaISBN: 978853626072-3Páginas: 206Publicado em: 10/08/2016

Versão impressa

de R$ 69,90* porR$ 59,42em 2x de R$ 29,71Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 49,90* porR$ 42,42 Adicionar eBook
ao carrinho