Experiências (Nada Convencionais) de um Promotor de Justiça - 2ª Edição

José Ferreira de Souza Filho

Leia na Biblioteca Virtual
FICHA TÉCNICA
Autor(es): José Ferreira de Souza Filho
ISBN: 978853623652-0
Edição/Tiragem: 2ª Edição
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 116
Publicado em: 17/02/2012
Área(s): Literatura e Cultura - Diversos
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Vez por outra me dá uma saudade danada do tempo em que atuava como representante do Ministério Pblico no interior do Estado. Nestes momentos, lembro de casos marcantes vividos no dia a dia. Os colegas com mais quilometragem na carreira certamente vivenciaram situações semelhantes, pois, na sala da promotoria aparecem as questões mais imprevisíveis. A ideia inicial era juntar, em um mesmo bloco, os casos afins, a exemplo das picantes questões familiares, independentemente da época ou comarca onde foram suscitadas; entretanto, para facilitar o acompanhamento da exposição e para que as histórias possam ser situadas no tempo e no espaço, optei por uma narrativa cronológica. Assim, inicio falando de Ibitiara, minha primeira comarca, de onde guardo as melhores recordações e ainda pretendo voltar para investir num criatório de bode. Visitaremos Macaúbas, terra e povo dos melhores que encontrei. Fecharei com Ipirá, onde o sujeito pode encontrar de tudo, do bom e do ruim, convivendo lado a lado, o que facilita a aprendizagem e, por consequência, nos leva mais rápido ao amadurecimento profissional.

AUTOR(ES)

José Ferreira de Souza Filho é Pós-graduado em Direito Civil, em Direito Registral Imobiliário e em Direito Eleitoral; graduado pela Faculdade de Direito da UCSAL. Professor universitário e Palestrante. Promotor de Justiça do Estado da Bahia. No Ministério Público exerceu as seguintes funções: no interior - Titular nas Promotorias de Justiça de Ibitiara, Macaúbas e Ipirá. Substituto em Boquira, Brotas de Macaúbas e Baixa Grande. Na capital – Promotoria de Justiça de Execuções Criminais. Promotoria de Justiça de Habitação e Urbanismo. Promotoria de Justiça Cível e de Registros Públicos. Promotoria de Justiça de Fundações. Promotor de Justiça Agrário. Cargos de confiança exercidos: Promotor de Justiça Corregedor convocado para auxiliar a 2ª Instância. Membro do Conselho Penitenciário do Estado da Bahia. Coordenador do Centro de Apoio às PJ Cíveis, Fundações e Eleitorais – CAOCIFE. Coordenador do Núcleo de Apoio às PJ Eleitorais - NUEL.

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

1 - UMA HISTÓRIA PREAMBULAR

2 - CHEGANDO A IBITIARA

3 - UM INTERROGATÓRIO APIMENTADO

4 - O CASO DO HOMEM DESMARCADO

5 - MACAÚBAS: ESCOLA DE SÃO JOÃO

6 - A MENINA DEVORADA POR URUBUS

7 - UM PREFEITO TRAPALHÃO

8 - NOSSO PEQUENO PARAGUAI

9 - APOSENTADORIAS RURAIS, A FESTA DAS INTERDIÇÕES E FRENTES PRODUTIVAS DE TRABALHO

10 - O HOMEM QUE DEDUROU LAMARCA

11 - MORANDO NUM PÉ DE SERRA

12 - UMA HISTÓRIA DE CONCURSO E ALGO MAIS

13 - MAIS ALGUMAS PALAVRAS SOBRE MACAÚBAS

14 - IPIRÁ: UM VULCÃO EM ERUPÇÃO

15 - MEU PRIMEIRO DIA COMO PROMOTOR DE IPIRÁ

16 - CHACINA E LINCHAMENTO CINEMATOGRÁFICOS E ATUAÇÃO NOS PRESÍDIOS, EM SALVADOR

17 - UM DIA AGITADO NA FEIRA

18 - MEDIDAS EM DEFESA DA MATA DA CABORONGA

19 - A ENROLA DOS BINGOS VEDADOS EM IPIRÁ

20 - ATENDIMENTO AO PÚBLICO: O MELHOR MOMENTO DA PROMOTORIA

21 - A MULHER QUE QUERIA SALVAR O CASAMENTO

22 - ATENDIMENTOS EXTRAS: À NOITE

23 - O LADO BOM DE IPIRÁ

24 - CONSIDERAÇÕES DERRADEIRAS

INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: