Meio Ambiente e Conceito Jurídico de Futuras Gerações

Dempsey Pereira Ramos Jr.

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Dempsey Pereira Ramos Jr.
ISBN: 978853623782-4
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 414
Publicado em: 22/05/2012
Área(s): Direito Ambiental
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Este livro apresenta o conceito jurídico de futuras gerações, inexistente no artigo 225 da Constituição Federal brasileira. O autor constrói referido conceito a partir do Direito Constitucional, fazendo uma ampla análise das decisões do Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça, das declarações internacionais e das legislações brasileira e europeia sobre o tema. Descobre novos princípios jurídicos que permitem resolver um peculiar tipo de colisão de Direitos Fundamentais, que se verifica no âmbito das relações intergeracionais. Tendo em vista que distintas gerações podem estar situadas a milhares de anos de distância umas das outras, ponderar seus interesses em conflito exige uma especial técnica de decisão denominada sentença transgeracional. Decidir uma causa em favor das futuras gerações é tarefa paradoxal, pois o juiz utiliza-se de direito passado para salvaguardar interesses futuros. Nesse sentido, o livro faz uma inédita abordagem intra, inter e transdisciplinar, culminando com a proposta de incorporar o conceito astrofísico de espaço-tempo à teoria do direito. Na atual época, onde o direito se mostra imprevisível, instável e indeterminado, o trabalho reconstrói a noção de segurança jurídica, mediante análise histórica, sociológica, econômica e antropológica da relação entre direito, tempo e energia; faz uma releitura do princípio da tripartição dos poderes; reconhece o futuro como novo e revolucionário fundamento gnoseológico de validade do direito. A presente obra inaugura uma nova teoria das fontes, da hermenêutica e da norma jurídicas, com o objetivo de conciliar o passado, o presente e o futuro.

AUTOR(ES)

Dempsey Pereira Ramos Jr. é Mestre em Direito Ambiental pela Universidade do Estado do Amazonas - UEA, onde também exerce as funções de Coordenador do Programa de Apoio à Iniciação Científica, além de Membro do Comitê de Ética em Pesquisa. Advogado. Professor de Direito Civil na Universidade do Estado do Amazonas - UEA. Ministrou aulas de Direito Ambiental na Universidade Federal do Amazonas - UFAM. Pesquisador Associado ao CONPEDI e à SBPC, foi bolsista CAPES durante seu mestrado. Membro do Grupo de Pesquisa em Biodireito: Biossegurança e Bioética, junto ao CNPQ. Conselheiro Consultivo do Centro de Estudos em Direito Ambiental da Amazônia. Especialista em Direito Civil e Processo Civil. Especialista em Direito Público. Classificado em 1º lugar, ganhou em 2010 o "I Prêmio José Bonifácio de Andrada e Silva", concurso nacional de teses jurídicas promovido pelo Instituto O Direito por Um Planeta Verde. Autor de artigos científicos publicados em anais de congressos e revistas de circulação nacional.

SUMÁRIO

1 - INTRODUÇÃO

2 - QUAL O SIGNIFICADO DE GERAÇÕES?

2.1 Surgimento dessa Expressão no Direito: Visão Geral

2.1.1 Futuras gerações nos tratados e declarações internacionais

2.1.2 Declaração sobre responsabilidades das gerações presentes para as futuras gerações (UNESCO, 1997)

2.1.3 Futuras gerações no Supremo Tribunal Federal

2.1.4 Futuras gerações no Superior Tribunal de Justiça

2.1.5 Justiça intergeracional na filosofia e na técnica do direito: distinção de termos

2.2 Conceito Jurídico de Futuras Gerações

3 - FUTURAS GERAÇÕES NO DIREITO COMPARADO

3.1 Comissário Parlamentar para Futuras Gerações da Hungria (2008)

4 - TEMPO E SUAS CONCEPÇÕES

4.1 Espaço-Tempo

5 - COMO O DIREITO INCORPORA O TEMPO

5.1 Tempo e Evolução do Conceito de Segurança Jurídica

5.2 Epistemologia Circular e Recursiva de Luhmann e Teubner

5.3 Compasso Ritmado do Tempo do Direito em OST

5.4 Paradoxo Temporal do Direito Ambiental

5.5 Por uma Epistemologia Espacial do Tempo

6 - TENSÃO INTERGERACIONAL DE DIREITOS

6.1 Capitais Geracionais

6.2 Bem-Estar Geracional

6.2.1 Indicadores de bem-estar geracional

6.3 Núcleo Essencial do Direito Ambiental Intergeracional

6.4 Técnicas e Critérios de Decisão

6.4.1 Decisão judicial transgeracional

6.4.2 Princípio da dignidade das futuras gerações

6.4.3 Princípio da primazia dos interesses futuros

6.4.4 Princípio da proporcionalidade espaçotemporal

CONCLUSÕES

REFERÊNCIAS

Tabela 1 - Comparação entre diferentes instituições de defesa das futuras gerações

Tabela 2 - Variação do produto interno bruto per capita de regiões específicas e de todo o planeta desde o nascimento de Cristo até o ano de 2003

ÍNDICE ALFABÉTICO

B

  • Bem-estar geracional
  • Bem-estar geracional. Indicadores

C

  • Capitais geracionais
  • Comissário Parlamentar para Futuras Gerações da Hungria (2008)
  • Como o Direito incorpora o tempo
  • Comparação entre diferentes instituições de defesa das futuras gerações. Tabela 1
  • Compasso ritmado do tempodo Direito em OST
  • Conceito jurídico defuturas gerações
  • Conceito. Tempo e evolução do conceito de segurança jurídica
  • Conclusões
  • Critérios e técnicas de decisão

D

  • Decisão judicial transgeracional
  • Decisão. Técnicas e critérios de decisão
  • Declaração internacional. Futuras gerações nos tratados e declarações internacionais
  • Declaração sobre responsabilidades das gerações presentes para as futuras gerações (UNESCO, 1997)
  • Dignidade. Princípio da dignidade das futuras gerações
  • Direito Ambiental Intergeracional. Núcleo essencial
  • Direito Ambiental. Paradoxo temporal do Direito Ambiental
  • Direito comparado. Futuras gerações no Direito comparado
  • Direito. Como o Direitoincorpora o tempo
  • Direito. Justiça intergeracional na filosofia e na técnica do Direito: distinção de termos
  • Direito. Surgimento dessa expressão no Direito: visão geral

E

  • Epistemologia Circular e Recursiva de Luhmann e Teubner
  • Epistemologia. Por uma epistemologia espacial do tempo
  • Espaço-tempo

F

  • Filosofia. Justiça intergeracional na filosofia e na técnica do Direito: distinção de termos
  • Futuras gerações noDireito comparado
  • Futuras gerações no Superior Tribunal de Justiça
  • Futuras gerações no Supremo Tribunal Federal
  • Futuras gerações nos tratados e declarações internacionais
  • Futuras gerações. Comissário Parlamentar para Futuras Gerações da Hungria (2008)
  • Futuras gerações. Conceito jurídico de futuras gerações
  • Futuras gerações. Princípio da dignidade das futuras gerações

G

  • Gerações. Declaração sobre responsabilidades das gerações presentes para as futuras gerações (UNESCO, 1997)
  • Geracionalidade. Bem-estar geracional
  • Geracionalidade. Capitais geracionais
  • Gerações. Futuras gerações no Superior Tribunal de Justiça
  • Gerações. Futuras gerações no Supremo Tribunal Federal
  • Gerações. Futuras gerações nos tratados e declarações internacionais
  • Gerações. Qual o significado de gerações?
  • Gerações. Surgimento dessa expressão no Direito: visão geral

I

  • Indicadores de bem-estar geracional
  • Intergeracionalidade. Justiça intergeracional na filosofia e na técnica do Direito: distinção de termos
  • Intergeracionalidade. Tensão intergeracional de direitos
  • Introdução

J

  • Justiça intergeracional na filosofia e na técnica do Direito: distinção de termos

L

  • Luhmann. Epistemologia Circular e Recursiva de Luhmann e Teubner

N

  • Núcleo essencial do DireitoAmbiental Intergeracional

O

  • OST. Compasso ritmado do tempo do Direito em OST

P

  • Paradoxo temporal doDireito Ambiental
  • Por uma epistemologia espacial do tempo
  • Primazia dos interesses futuros. Princípio
  • Princípio da dignidadedas futuras gerações
  • Princípio da primazia dos interesses futuros
  • Princípio da proporcionalidade espaçotemporal
  • Proporcionalidade espaçotemporal. Princípio

Q

  • Qual o significadode gerações?

R

  • Referências
  • Responsabilidade. Declaração sobre responsabilidades das gerações presentes para as futuras gerações (UNESCO, 1997)

S

  • Segurança jurídica. Tempo e evolução do conceito de segurança jurídica
  • STF. Futuras gerações no Supremo Tribunal Federal
  • STJ. Futuras gerações no Superior Tribunal de Justiça
  • Surgimento dessa expressãono Direito: visão geral

T

  • Tabela 1. Comparação entre diferentes instituições de defesa das futuras gerações
  • Tabela 2. Variação do produto interno brutoper capita de regiões específicas e de todo o planeta desde o nascimento de Cristo até o ano de 2003
  • Técnicas e critérios de decisão
  • Tempo do Direito. Compasso ritmado do tempo do Direito em OST
  • Tempo e evolução do conceito de segurança jurídica
  • Tempo e suas concepções
  • Tempo. Como o Direitoincorpora o tempo
  • Tempo. Espaço-tempo
  • Tempo. Por uma epistemologia espacial do tempo
  • Temporalidade. Paradoxo temporal do Direito Ambiental
  • Tensão intergeracional de direitos
  • Teubner. Epistemologia Circular eRecursiva de Luhmann e Teubner
  • Tratado internacional. Futuras gerações nos tratados e declarações internacionais

U

  • Unesco. Declaração sobre responsabilidades das gerações presentes para as futuras gerações (UNESCO, 1997)

V

  • Variação do produto interno brutoper capita de regiões específicas e de todo o planeta desde o nascimento de Cristo até o ano de 2003. Tabela 2
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: