Planejamento Familiar - O Estado na Construção de uma Sociedade Inclusiva e a Participação Social para o Bem Comum

Maria Amélia Belomo Castanho

Versão impressa

por R$ 77,90em 3x de R$ 25,97Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
por R$ 54,70em 2x de R$ 27,35Adicionar ao carrinho

Ficha técnica

Autor(es): Maria Amélia Belomo Castanho

ISBN v. impressa: 978853624853-0

ISBN v. digital: 978853625431-9

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 238grs.

Número de páginas: 192

Publicado em: 08/10/2014

Área(s): Direito - Civil - Direito de Família

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 4 ou posterior
  • iOSiOS 7 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

O objetivo da presente obra é analisar o direito ao planejamento familiar, a atuação do Estado na construção de uma sociedade inclusiva e a participação social na promoção do bem comum. O estudo se inicia a partir de uma perspectiva histórica com vistas a apresentar a evolução da instituição familiar, sua função social e sua relação com o Estado, possibilitando discussão acerca das teorias que influenciaram a política populacional brasileira, voltada às questões da natalidade e os mecanismos de vigilância utilizados para o fim de controle social.

Na sequência, passa-se à análise do tema a partir da Constituição Federal de 1988, que recepcionou o planejamento familiar como um direito fundamental à livre decisão de gerar, estabelecendo como fundamentos oprincípio da dignidade da pessoa humana e paternidade responsável, ampliando seu significado ao possibilitar a concepção e a contracepção, afastando expressamente a possibilidade de controle de natalidade por instâncias públicas ou privadas e atribuindo ao Estado a tarefa de proporcionar recursos educacionais e científicos para garantir seu exercício.

A parte final do trabalho aponta os obstáculos que impedem a concretização desse direito e o alcance das políticas públicas ofertadas pelo Estado, visando avaliar se estas têm sido utilizadas como instrumento de inclusão social, bem como demonstrar que, quando o Poder Público deixa de cumprir seu papel, a tutela jurisdicional se apresenta como uma alternativa voltada à implementação dos direitos fundamentais sociais.

Por fim, o texto se encerra com discussão acerca da importância da participação da sociedade no processo de inclusão social a partir da invocação constitucional do princípio da solidariedade, o qual possibilita a todos atuarem na busca pela justiça e fortalecimento do Estado Democrático de Direito.

Autor(es)

Maria Amélia Belomo Castanho

Mestre em Ciências Jurídicas e graduada em Direito pela Universidade Estadual do Norte do Paraná - UENP. Advogada. Possui artigos e capítulos de livros publicados na área jurídica.

Sumário

INTRODUÇÃO, p. 15

1 - FAMÍLIA, ESTADO E POLÍTICA POPULACIONAL - A FUNÇÃO SOCIAL DA FAMÍLIA E A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA, p. 19

1.1 Família: Entidade Privada e Meio de Controle Público - Vigilância e Normalização, p. 22

1.2 A Teoria Populacional Malthusiana x Teoria Marxista: Breves Apontamentos, p. 32

1.3 Política Populacional Brasileira - o Tratamento Político da Natalidade, p. 42

1.4 Dignidade da Pessoa Humana: o Planejamento Familiar Sob Nova Perspectiva, p. 55

2 - O PLANEJAMENTO FAMILIAR NA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988, p. 63

2.1 Planejamento Familiar ou Controle de Natalidade? O Sentido Constitucional da Expressão, p. 65

2.2 O Planejamento Familiar Brasileiro: Um Direito Fundamental, p. 69

2.3 Fundamentos Constitucionais do Planejamento Familiar: Limites e Possibilidades, p. 78

2.3.1 O princípio da dignidade humana, p. 78

2.3.2 O princípio da paternidade responsável e a doutrina da proteção integral da criança, p. 84

2.3.3 Harmonização do conflito entre dignidades, p. 92

3 - O ESTADO, A SOCIEDADE E A INCLUSÃO SOCIAL, p. 103

3.1 O Planejamento Familiar e a Exclusão Social, p. 105

3.1.1 A exclusão social como causa e consequência da ausência de planejamento familiar, p. 109

3.1.2 O filho e seus direitos: a outra face do planejamento familiar, p. 117

3.2 O Papel do Estado na Promoção da Inclusão Social, p. 126

3.2.1 A tutela jurisdicional como mecanismo de inclusão social, p. 135

3.2.2 Educação em planejamento familiar, p. 142

3.2.3 As políticas de promoção à saúde, p. 149

3.3 O Papel da Sociedade na Promoção do Bem Comum, p. 159

CONSIDERAÇÕES FINAIS, p. 167

REFERÊNCIAS, p. 171

Índice alfabético

B

  • Bem comum. Papel da sociedade na promoção do bem comum, p. 159

C

  • Conflito de dignidades. Harmonização do conflito entre dignidades, p. 92
  • Considerações finais, p. 167
  • Constitucional. Fundamentos constitucionais do planejamento familiar: limites e possibilidades, p. 78
  • Constitucional. Planejamento familiar ou controle de natalidade? O sentido constitucional da expressão, p. 65
  • Constituição Federal. Planejamento familiar na Constituição Federal de 1988, p. 63
  • Controle de natalidade. Planejamento familiar ou controle de natalidade? O sentido constitucional da expressão, p. 65
  • Controle público. Família: entidade privada e meio de controle público. Vigilância e normalização, p. 22

D

  • Dignidade da pessoa humana. Família, Estado e política populacional. A função social da família e a dignidade da pessoa humana, p. 19
  • Dignidade da pessoa humana: o planejamento familiar sob nova perspectiva, p. 55
  • Dignidade humana. Princípio da dignidade humana, p. 78
  • Dignidade. Harmonização do conflito entre dignidades, p. 92
  • Direito fundamental. Planejamento familiar brasileiro: um direito fundamental, p. 69

E

  • Educação em planejamento familiar, p. 142
  • Entidade privada. Família: entidade privada e meio de controle público. Vigilância e normalização, p. 22
  • Estado, a sociedade e a inclusão social, p. 103
  • Estado. Família, Estado e política populacional. A função social da família e a dignidade da pessoa humana, p. 19
  • Estado. Papel do Estado na promoção da inclusão social, p. 126
  • Exclusão social como causa e consequência da ausência de planejamento familiar, p. 109
  • Exclusão social. Planejamento familiar e a exclusão social, p. 105

F

  • Família, Estado e política populacional. A função social da família e a dignidade da pessoa humana, p. 19
  • Família. Planejamento familiar brasileiro: um direito fundamental, p. 69
  • Família. Planejamento familiar na Constituição Federal de 1988, p. 63
  • Família. Planejamento familiar ou controle de natalidade? O sentido constitucional da expressão, p. 65
  • Família: entidade privada e meio de controle público. Vigilância e normalização, p. 22
  • Filho e seus direitos: a outra face do planejamento familiar, p. 117
  • Função social. Família, Estado e política populacional. A função social da família e a dignidade da pessoa humana, p. 19
  • Fundamentos constitucionais do planejamento familiar: limites e possibilidades, p. 78

H

  • Harmonização do conflito entre dignidades, p. 92

I

  • Inclusão social. Estado, a sociedade e a inclusão social, p. 103
  • Inclusão social. Papel do Estado na promoção da inclusão social, p. 126
  • Inclusão social. Tutela jurisdicional como mecanismo de inclusão social, p. 135
  • Introdução, p. 15

M

  • Marx. Teoria Populacional Malthusiana x Teoria Marxista: breves apontamentos, p. 32

N

  • Natalidade. Planejamento familiar ou controle de natalidade? O sentido constitucional da expressão, p. 65
  • Natalidade. Política populacional brasileira. O tratamento político da natalidade, p. 42
  • Normalização. Família: entidade privada e meio de controle público. Vigilância e normalização, p. 22

P

  • Papel da sociedade na promoção do bem comum, p. 159
  • Papel do Estado na promoção da inclusão social, p. 126
  • Paternidade responsável. Princípio da paternidade responsável e a doutrina da proteção integral da criança, p. 84
  • Planejamento familiar brasileiro: um direito fundamental, p. 69
  • Planejamento familiar e a exclusão social, p. 105
  • Planejamento familiar na Constituição Federal de 1988, p. 63
  • Planejamento familiar ou controle de natalidade? O sentido constitucional da expressão, p. 65
  • Planejamento familiar. Dignidade da pessoa humana: o planejamento familiar sob nova perspectiva, p. 55
  • Planejamento familiar. Educação em planejamento familiar, p. 142
  • Planejamento familiar. Exclusão social como causa e consequência da ausência de planejamento familiar, p. 109
  • Planejamento familiar. Filho e seus direitos: a outra face do planejamento familiar, p. 117
  • Planejamento familiar. Fundamentos constitucionais do planejamento familiar: limites e possibilidades, p. 78
  • Política populacional brasileira. O tratamento político da natalidade, p. 42
  • Política populacional. Família, Estado e política populacional. A função social da família e a dignidade da pessoa humana, p. 19
  • Políticas de promoção à saúde, p. 149
  • Princípio da dignidade humana, p. 78
  • Princípio da paternidade responsável e a doutrina da proteção integral da criança, p. 84
  • Promoção à saúde. Políticas de promoção à saúde, p. 149
  • Proteção integral da criança. Princípio da paternidade responsável e a doutrina da proteção integral da criança, p. 84

R

  • Referências, p. 171

S

  • Saúde. Políticas de promoção à saúde, p. 149
  • Sociedade. Estado, a sociedade e a inclusão social, p. 103
  • Sociedade. Papel da sociedade na promoção do bem comum, p. 159

T

  • Teoria Populacional Malthusiana x Teoria Marxista: breves apontamentos, p. 32
  • Thomas Robert Malthus. Teoria Populacional Malthusiana x Teoria Marxista: breves apontamentos, p. 32
  • Tutela jurisdicional como mecanismo de inclusão social, p. 135

V

  • Vigilância. Família: entidade privada e meio de controle público. Vigilância e normalização, p. 22

Recomendações

Capa do livro: Mediação nos Conflitos e Direito de Família, Rozane da Rosa Cachapuz

Mediação nos Conflitos e Direito de Família

 Rozane da Rosa CachapuzISBN: 853620499-0Páginas: 172Publicado em: 13/10/2003

Versão impressa

R$ 59,90em 2x de R$ 29,95Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Prisão Civil do Devedor de Alimentos, Juliano Cardoso Bolzan

Prisão Civil do Devedor de Alimentos

 Juliano Cardoso BolzanISBN: 978853624992-6Páginas: 196Publicado em: 22/01/2015

Versão impressa

R$ 74,90em 2x de R$ 37,45Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 54,70em 2x de R$ 27,35Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Violência Doméstica, Discriminação de Gênero e Medidas Protetivas de Urgência, Adriana Vidal de Oliveira, Márcia Nina Bernardes e Rodrigo de Souza Costa

Violência Doméstica, Discriminação de Gênero e Medidas Protetivas de Urgência

 Adriana Vidal de Oliveira, Márcia Nina Bernardes e Rodrigo de Souza CostaISBN: 978853626563-6Páginas: 150Publicado em: 21/02/2017

Versão impressa

R$ 64,70em 2x de R$ 32,35Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 47,70 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Contemporary Legal Theory In Brazilian Civil Law, Lucas Abreu Barroso - Translation Kennedy Matos

Contemporary Legal Theory In Brazilian Civil Law

 Lucas Abreu Barroso - Translation Kennedy MatosISBN: 978853624692-5Páginas: 150Publicado em: 13/06/2014

Versão impressa

R$ 49,90 Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 34,70 Adicionar eBook
ao carrinho