Mulher na Sociedade da Comunicação Ciberdigital, A - O Cinema, a Propaganda e a Internet na Trajetória Feminina Contemporânea

Maria Goretti Pedroso Soares

Leia na Biblioteca Virtual
Versão Impressa:
Versão Digital (e-Book):
Disponível para:  Android  iOS  Windows Phone
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Maria Goretti Pedroso Soares
ISBN v. Impressa: 978853625022-9
ISBN v. Digital: 978853625135-6
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 252
Publicado em: 20/02/2015
Área(s): Literatura e Cultura - Diversos; Sociologia
VERSÃO DIGITAL (E-BOOK)
  • Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora para Smartphones e Tablets rodando iOS, Android ou Windows Phone;
  • Disponível para as plataformas:
    Android Android 4 ou posterior
    iOS iOS 7 ou posterior
    Windows Phone Windows Phone 8 ou posterior
  • Não compatível para leitura em computadores;
  • Compra apenas via site da Juruá Editora.
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

O principal objetivo desta pesquisa é traçar um panorama sobre a trajetória da mulher no contexto da sociedade contemporânea a partir da Revolução Pós-Industrial, utilizando-se para isso: o cinema, a propaganda e a internet.

O ponto de partida é a revolução tecnológica a partir dos anos 70, seguindo com a revolução robótica, ciborgue e virtual. O intuito é mostrar como a representação da imagem da mulher vem se moldando às novas tecnologias e como ela, neste processo, se adapta aos novos paradigmas sociais apresentados, nos quais as metáforas do robofem e da mulher-máquina, que proliferaram na sociedade industrial, estão hoje em decadência.

Numa metamorfose balizada pela teleinformática e pelas biotecnologias, tais imagens estão sendo substituídas por outras: aquelas que começam a esboçar a mulher-informação, a mulher-comunicação, a mulher-ciborgue, a mulher virtual. Emerge, assim, uma nova imagem do feminino condenada a um upgrade constante, tanto do seu hardware (corpo/organismo) como de seu software (mente/código), que visa a ultrapassagem dos limites espaciais e temporais que constringem a condição humana. Essa passagem do ser orgânico-inorgânico está em constante mutação. Basta que haja um esforço de adaptação às novas mudanças.

E a mulher é peça fundamental neste novo contexto histórico. Por isso é importante esta análise da representação de sua imagem em vários momentos sociais, que retomam alguns conceitos históricos através da Sociologia, da Antropologia e das Teorias da Comunicação.

AUTOR(ES)

MARIA GORETTI PEDROSO SOARES

Doutora em Ciências da Comunicação com interface em Multimídia pela Universidade de São Paulo - USP. Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo - USP. Especialização em Cinema e Cinema Publicitário pelo Museu da Imagem e Movimento, UK. Graduada em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP. Atua na área pedagógica como docente do programa de lato sensu em "Jornalismo Contemporâneo" e "Comunicação Visual e Imagem de Moda", na Universidade Presbiteriana Mackenzie. No exterior, ministra cursos de verão em Buenos Aires. Pesquisadora dos Centros de Pesquisas: Colabor (Colaboratório de Linguagens Multimídias) e do Centro de Estudos Cibernética Pedagógica - Laboratório de Linguagens Digitais - Universidade de São Paulo/Escola de Comunicações e Artes - São Paulo/Brasil. No mercado, atua como diretora da GEA Comunicação, assessoria voltada aos audiovisuais: comerciais, institucionais, educativos, artísticos, videoarte, entre outros. É autora dos livros Mulher Virtual, Esetec, 2005; Admirável Mundo MTV Brasil, Saraiva, 2005; Direitos Humanos, Segurança Pública & Comunicação, Acadepol, 2007; Zip, Blact, Zoom - Um Mergulho na Criatividade, Angelus, 2009 e Espaço Público, Direitos Humanos & Multimedia - Novos Desafios, Multifoco, 2011.

 

SUMÁRIO

Introdução

Capítulo 1 - A Sociedade Pós-Industrial

1.1 O Mundo na Sociedade Pós-Industrial

1.2 O Capital Humano

1.3 A Representação da Mulher

Capítulo 2 - A Revolução Tecnológica Caminhando para a Digital

2.1 A Mulher na Sociedade Tecnológica

2.2 O Cinema na Revolução Tecnológica

2.3 A Propaganda na Revolução Tecnológica

Capítulo 3 - A Revolução Robótica

3.1 Um Pouco Sobre os Robôs

3.2 O Gabinete do Dr. Caligari e seu Autômato Cesare

3.3 O Homem Bicentenário: o Filme

3.3.1 Leis da robótica

3.3.2 Os robôs

3.3.3 Os robôs são uma realidade nas indústrias brasileiras

3.3.4 As pesquisas

3.3.5 Robôs X homens

3.3.6 Onde atuam os robôs

3.3.7 O balanço

3.4 A Representação da Imagem da Mulher na Revolução Robótica

3.4.1 Já na revolução tecnológica

3.4.2 Os Jetsons

3.4.3 Um pouco mais sobre Rosie

3.4.4 A Rosie da última geração

3.4.5 Uma robô com a sua cara

3.4.6 A robô professora

3.5 As Profissionais do Amor e do Sexo: as Ginoides

3.5.1 Apresentando alguns protótipos da representação feminina

3.5.2 As ginoides: Actroid DER2 e HPR-4C

3.5.3 Aiko

3.5.4 A Love Robot

3.5.5 As controvérsias

Capítulo 4 - Inteligência Artificial

4.1 O Nascimento da Inteligência Artificial

4.1.1 Vantagens e desvantagens na utilização da inteligência artificial

4.2 A Representação do Feminino na Inteligência Artificial

4.2.1 A cibernética

4.2.2 Os chats

4.2.3 Chatterbots e a representação do feminino

4.2.4 Eliza

4.2.5 Alice

4.2.6 Professora Elektra

4.2.7 Cybelle

4.2.8 Sete Zoom

4.3 A Representação da Imagem da Mulher nos Chatterbots

4.4 A Inteligência Artificial Interagindo com o Filme Inteligência Artificial

4.4.1 Da sociedade disciplinar à sociedade de controle

4.4.2 O panóptico

4.5 A Relação entre o Cinema e a Inteligência Artificial

4.6 Inteligência Artificial: o Filme

Capítulo 5 - Do Ciborgue ao Virtual

5.1 A Transformação do Ciborgue para Virtual

Capítulo 6 - A Sociedade Ciberdigital

6.1 A Sociedade Virtual

6.2 Uma Palavra Sobre o Virtual

6.3 O Ciberespaço

6.4 A Cibercultura

6.4.1 Interconexão

6.5 Comunidades Virtuais

6.6 As Tribos da Cibercultura que Transitam no Ciberespaço

6.7 Inteligência Coletiva

6.8 A Representação da Imagem da Mulher no Ciberespaço

6.9 Alguns Protótipos das Musas em Pixels

6.9.1 As Musas em Pixels no Cinema

6.10 S1m0ne - O Filme

Considerações Finais

Referências

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Autômato. Gabinete do Dr. Caligari e seu autômato Cesare

B

  • Balanço

C

  • Capital humano
  • Chatterbots. Representação da imagem da mulher nos chatterbots
  • Cibercultura
  • Cibercultura. Tribos da cibercultura que transitam no ciberespaço
  • Ciberespaço
  • Ciberespaço. Representação da imagem da mulher no ciberespaço
  • Ciberespaço. Tribos da cibercultura que transitam no ciberespaço
  • Cibernética
  • Ciborgue ao virtual
  • Ciborgue. Transformação do ciborgue para virtual
  • Cinema na revolução tecnológica
  • Cinema. Relação entre o cinema e a inteligência artificial
  • Comunidades virtuais
  • Considerações finais

D

  • Dr. Calogari. Gabinete do Dr. Caligari e seu autômato Cesare

E

  • Era digital. Revolução tecnológica caminhando para a digital

F

  • Ficção. Inteligência artificial interagindo com o filme Inteligência Artificial
  • Ficção. Inteligência Artificial: o filme
  • Ficção. Jetsons
  • Ficção. Jetsons. Robô professora
  • Ficção. Jetsons. Rosie da última geração
  • Ficção. Jetsons. Um pouco mais sobre Rosie
  • Ficção. Jetsons. Uma robô com a sua cara
  • Filme. Homem Bicentenário: o filme

G

  • Gabinete do Dr. Caligari e seu autômato Cesare
  • Ginoides. Aiko
  • Ginoides. Controvérsias
  • Ginoides. Love Robot
  • Ginoides. Profissionais do amor e do sexo: as ginoides
  • Ginoides: Actroid DER2 e HPR-4C

H

  • Homem Bicentenário: o filme

I

  • Imagem. Representação da imagem da mulher no ciberespaço
  • Indústria. Robôs são uma realidade nas indústrias brasileiras
  • Inteligência artificial interagindo com o filme Inteligência Artificial
  • Inteligência artificial
  • Inteligência artificial. Alice
  • Inteligência artificial. Chats
  • Inteligência artificial. Chatterbots e a Representação do Feminino
  • Inteligência artificial. Cybelle
  • Inteligência artificial. Eliza
  • Inteligência artificial. Nascimento da inteligência artificial
  • Inteligência artificial. Professora Elektra
  • Inteligência artificial. Relação entre o cinema e a inteligência artificial
  • Inteligência artificial. Representação do feminino na inteligência artificial
  • Inteligência artificial. Sete Zoom
  • Inteligência artificial. Vantagens e desvantagens na utilização da inteligência artificial
  • Inteligência artificial: o filme
  • Inteligência coletiva
  • Interconexão
  • Introdução

L

  • Leis da robótica

M

  • Mulher na sociedade tecnológica
  • Mulher. Representação da imagem da mulher na revolução robótica
  • Mulher. Representação da imagem da mulher no ciberespaço
  • Mulher. Representação da mulher
  • Mundo na sociedade pós-industrial

P

  • Panóptico
  • Pesquisas
  • Profissionais do amor e do sexo: as ginoides
  • Propaganda na revolução tecnológica
  • Protótipo. Alguns protótipos das musas em pixels
  • Protótipo. Musas em pixels no cinema
  • Protótipos da representação feminina. Apresentando alguns protótipos da representação feminina

R

  • Referências
  • Relação entre o cinema e a inteligência artificial
  • Representação da imagem da mulher na revolução robótica
  • Representação da imagem da mulher no ciberespaço
  • Representação da imagem da mulher nos chatterbots
  • Representação da mulher
  • Revolução robótica
  • Revolução tecnológica caminhando para a digital
  • Revolução tecnológica. Cinema na revolução tecnológica
  • Revolução tecnológica. Já na revolução tecnológica
  • Revolução tecnológica. Propaganda na revolução tecnológica
  • Robôs são uma realidade nas indústrias brasileiras
  • Robôs x homens
  • Robôs
  • Robôs. Gabinete do Dr. Caligari e seu autômato Cesare
  • Robôs. Onde atuam os robôs
  • Robôs. Um pouco sobre os robôs
  • Robótica. Leis da robótica
  • Robótica. Representação da imagem da mulher na revolução robótica
  • Robótica. Revolução robótica

S

  • S1m0ne - O Filme
  • Sociedade ciberdigital
  • Sociedade disciplinar à sociedade de controle
  • Sociedade pós-industrial
  • Sociedade pós-industrial. Mundo na sociedade pós-industrial
  • Sociedade tecnológica. Mulher na sociedade tecnológica
  • Sociedade virtual

T

  • Tecnologia. Revolução tecnológica caminhando para a digital
  • Transformação do ciborgue para virtual
  • Tribos da cibercultura que transitam no ciberespaço

V

  • Virtual. Ciborgue ao virtual
  • Virtual. Transformação do ciborgue para virtual
  • Virtual. Uma palavra sobre o virtual
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: