Plantão Psicológico - História de um Serviço na Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Maria Clara Rabelo Ferreira Silva e Paulo Eduardo Rodrigues Alves Evangelista

Versão impressa

por R$ 79,90em 3x de R$ 26,63Adicionar ao carrinho

Versão digital

Disponível para:AndroidiOS
por R$ 57,70em 2x de R$ 28,85Adicionar ao carrinho

Ficha técnica

Autor(es): Maria Clara Rabelo Ferreira Silva e Paulo Eduardo Rodrigues Alves Evangelista

ISBN v. impressa: 978652630356-6

ISBN v. digital: 978652630506-5

Acabamento: Brochura

Formato: 15,0x21,0 cm

Peso: 139grs.

Número de páginas: 112

Publicado em: 09/03/2023

Área(s): Psicologia - Saúde; Psicologia - Diversos

Versão Digital (eBook)

Para leitura em aplicativo exclusivo da Juruá Editora - Juruá eBooks - para Smartphones e Tablets rodando iOS e Android. Não compatível KINDLE, LEV, KOBO e outros e-Readers.

Disponível para as plataformas:

  • AndroidAndroid 5 ou posterior
  • iOSiOS 8 ou posterior

Em computadores a leitura é apenas online e sem recursos de favoritos e anotações;
Não permite download do livro em formato PDF;
Não permite a impressão e cópia do conteúdo.

Compra apenas via site da Juruá Editora.

Sinopse

Como psicólogos plantonistas, aprendemos, na prática, a escutar atentamente uma diversidade imensa de pessoas com histórias completamente diferentes entre si; a ignorar o medo de fazer ou falar alguma coisa errada e focar na pessoa diante de nós; a confiar na nossa intuição e na nossa capacidade de estarmos presentes; a ser nós mesmos e saber o que estamos fazendo. Amadurecemos nosso olhar clínico e ganhamos confiança para fazer as intervenções. O plantão psicológico também nos prepara para lidarmos com a surpresa e o inesperado, já que não é possível saber quem vai aparecer nem por qual razão o fará. A experiência de conseguir encarar e manejar situações difíceis e inusitadas, especialmente para graduandos em Psicologia, contribui para sentirem que são capazes de executar a tarefa de serem psicólogos. Fazer parte de uma equipe de plantonistas psicólogos é participar da tecitura de uma rede de confiança e cumplicidade ao longo do tempo e da convivência, de modo a estar sempre em uma construção conjunta, tanto em aspectos profissionais quanto pessoais. É sobre essa construção coletiva, no contexto do serviço de Plantão Psicológico na UFMG, que versa este livro.

Autor(es)

MARIA CLARA RABELO FERREIRA SILVA

Psicóloga graduada na UFMG (2019) e mestre em Psicologia Social pela UFMG (2022). Em formação em Daseinsanalyse pela Associação Brasileira de Daseinsanalyse (ABD). Tem experiência na área de Psicologia Clínica com ênfase em psicologia fenomenológico-existencial e Daseinsanalyse. Atua como psicoterapeuta em consultório particular desde 2020, atendendo crianças e adultos. Participou do projeto de extensão do Plantão Psicológico na UFMG por dois anos e meio (2019 - 2022), tendo participado do projeto de Aconselhamento Psicológico Online durante a pandemia, em 2019.Foi membro voluntário do Laboratório de Análise de Processos em Subjetividade (LAPS) por três anos (2019 - 2022). Pesquisa principalmente os seguintes temas: Deseinsanalyse Práticas Psicológicas; Psicoterapia e Plantão Psicológico.

PAULO EDUARDO RODRIGUES ALVES EVANGELISTA

Professor do Departamento de Psicologia da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FAFICH) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Doutor em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela USP, Mestre em Filosofia e graduado em Psicologia pela PUC-SP. Coordenador do Curso de Especialização em Psicologia Clínica: Gestalt-Terapia e Análise Existencial – UFMG, do Grupo de Pesquisa CNPq “Psicologia, Fenomenologia Existencial e Contemporaneidade”, do Laboratório de Análise de Processos em Subjetividade (LAPS) da UFMG, e do GT Psicologia fenomenológico-hermenêutica e questões contemporâneas, da ANPEPP. Tem experiência na área de Psicologia Clínica e Desensanalyse.

Sumário

1 INTRODUÇÃO, p. 19

1.1 A ESCRITA COMO MEIO DE SALVAR E PRESERVAR DO ESQUECIMENTO, p. 23

1.2 O QUE MINHA ESCRITA PRETENDE SALVAR E PRESERVAR DO ESQUECIMENTO, p. 27

1.3 RESGATAR ESSA HISTÓRIA POR MEIO DA PESQUISA JUSTIFICA-SE, p. 29

1.4 O QUE É PLANTÃO PSICOLÓGICO?, p. 30

1.5 OBJETIVOS, p. 36

2 NOS PERCALÇOS DA MEMÓRIA, p. 37

2.1 A MEMÓRIA, p. 37

2.2 A HERMENÊUTICA, p. 38

2.3 A ANALÍTICA DO SENTIDO, p. 41

2.4 OS NARRADORES DESTA HISTÓRIA, p. 44

2.5 COLHEITA DOS DADOS, p. 46

2.6 ORGANIZAÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS, p. 49

2.7 APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS - NARRATIVAS, p. 49

3 A HISTÓRIA DO PLANTÃO PSICOLÓGICO NA UFMG, p. 51

3.1 A HISTORIOGRAFIA, p. 52

3.2 A HISTÓRIA, p. 83

4 CONSIDERAÇÕES FINAIS, p. 101

REFERÊNCIAS, p. 105

Índice alfabético

A

  • Analítica do sentido, p. 41
  • Apresentação dos resultados. Narrativas, p. 49

C

  • Colheita dos dados, p. 46
  • Considerações finais, p. 101

D

  • Dados. Colheita dos dados, p. 46
  • Dados. Organização e análise dos dados, p. 49

E

  • Escrita como meio de salvar e preservar do esquecimento, p. 23
  • Escrita. O que minha escrita pretende salvar e preservar do esquecimento, p. 27
  • Esquecimento. Escrita como meio de salvar e preservar do esquecimento, p. 23
  • Esquecimento. O que minha escrita pretende salvar e preservar do esquecimento, p. 27

H

  • Hermenêutica, p. 38
  • História, p. 83
  • História do plantão psicológico na UFMG, p. 51
  • História. Narradores desta história, p. 44
  • História. Resgatar essa história por meio da pesquisa justifica-se, p. 29
  • Historiografia, p. 52

I

  • Introdução, p. 19

M

  • Memória, p. 37
  • Memória. Nos percalços da memória, p. 37

N

  • Narradores desta história, p. 44
  • Narrativa. Apresentação dos resultados. Narrativas, p. 49
  • Nos percalços da memória, p. 37

O

  • O que é plantão psicológico?, p. 30
  • O que minha escrita pretende salvar e preservar do esquecimento, p. 27
  • Organização e análise dos dados, p. 49

P

  • Pesquisa. Resgatar essa história por meio da pesquisa justifica-se, p. 29
  • Plantão psicológico. História do plantão psicológico na UFMG, p. 51
  • Plantão psicológico. O que é plantão psicológico?, p. 30
  • Plantão psicológico. Objetivos, p. 36
  • Preservação. O que minha escrita pretende salvar e preservar do esquecimento, p. 27

R

  • Referências, p. 105
  • Resgatar essa história por meio da pesquisa justifica-se, p. 29
  • Resultados. Apresentação dos resultados. Narrativas, p. 49

S

  • Sentido. Analítica do sentido, p. 41

Recomendações

Capa do livro: Supervisão e Formação em Psicologia, Organizadoras: Edwiges Ferreira de Mattos Silvares, Márcia Helena da Silva Melo e Suzane Schmidlin Löhr

Supervisão e Formação em Psicologia

 Organizadoras: Edwiges Ferreira de Mattos Silvares, Márcia Helena da Silva Melo e Suzane Schmidlin LöhrISBN: 978853626022-8Páginas: 246Publicado em: 01/08/2016

Versão impressa

R$ 99,90em 3x de R$ 33,30Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 69,90em 2x de R$ 34,95Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Desenvolvendo a Empatia Masculina, Paula Saffaro Bueno e Giovana Veloso Munhoz da Rocha

Desenvolvendo a Empatia Masculina

 Paula Saffaro Bueno e Giovana Veloso Munhoz da RochaISBN: 978853629796-5Páginas: 82Publicado em: 27/04/2022

Versão impressa

R$ 59,90em 2x de R$ 29,95Adicionar ao
carrinho

Versão digital

R$ 40,90 Adicionar eBook
ao carrinho
Capa do livro: Dicionário de Psicologia, Lannoy Dorin

Dicionário de Psicologia

 Lannoy DorinISBN: 978853624645-1Páginas: 720Publicado em: 08/05/2014

Versão impressa

R$ 259,90em 6x de R$ 43,32Adicionar ao
carrinho
Capa do livro: Vida Revirada, Angela Maria Teixeira

Vida Revirada

 Angela Maria TeixeiraISBN: 978853622842-6Páginas: 98Publicado em: 17/03/2010

Versão impressa

de R$ 59,90* porR$ 44,93 Adicionar ao
carrinho

Versão digital

de R$ 40,90* porR$ 30,68 Adicionar eBook
ao carrinho