O Pragmatismo do Petróleo - As Relações entre o Brasil e o Iraque - Coleção Relações Internacionais

Seme Taleb Fares

Leia na Biblioteca Virtual
Preço:
Parcele em até 6x sem juros no cartão. Parcela mínima de R$ 20,00
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Seme Taleb Fares
ISBN: 978853622547-0
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 284
Publicado em: 20/07/2009
Área(s): Direito Internacional; Direito - Outros
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Neste Volume:

Capítulo I
Noções Preliminares para uma Análise das Relações entre Brasil e Iraque
• Características Gerais da Política Externa Brasileira
• Breve Histórico das Relações do Brasil com o Oriente Médio
• Breve Histórico e Aspectos Gerais do Iraque
• Alguns Aspectos da Política Externa Iraquiana
• Relações Brasil-Iraque até 1973
• A Crise do Petróleo de 1973 e suas Consequências

Capítulo II
Relações Brasil-Iraque: o Petróleo, os Interesses Comerciais e suas Implicações Políticas, de 1973 até os Primeiros Anos da Década de 1980
• Política Brasileira de Exportação de Bens e Serviços para o Iraque
• Relacionamento Político, Cultural e em outras Áreas que não Comercial
• O Peso do Petróleo Iraquiano para a Economia Brasileira
• A Exploração do Petróleo Iraquiano pelo Brasil: o Caso do Campo de Majnoon

Capítulo III
Aprofundamento Estratégico e Declínio do Relacionamento Brasil-Iraque
• Exportação de Bens e Serviços para o Iraque, de Meados da Década de 1980 até 1991
• Exportação de Materiais Bélicos
• A Cooperação na Área Nuclear
• A Queda da Dependência na Importação do Petróleo pelo Brasil
• Constrangimentos da Estrutura e Tensões Internacionais nas Relações Bilaterais Brasil-Iraque: a Invasão do Kuwait
• O Problema dos Brasileiros Detidos no Iraque em 1990
• Relações Brasil-Iraque de 1992 a 2008
 

Coleção Relações Internacionais

A expansão do ensino de relações internacionais, nos níveis de graduação e pós-graduação, tem sido exponencial nos últimos anos.
A Coleção Relações Internacionais, lançamento da Juruá Editora, tem o propósito de prover estudantes, professores e profissionais da área com o conhecimento que resulta da expansão das pesquisas nas Universidades brasileiras.
O apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico-CNPq, por meio do projeto integrado de pesquisa
“Parcerias Estratégicas do Brasil: a construção do conceito e as experiências em curso”, financiado com recursos do Edital Renato Archer de fomento do estudo das relações internacionais e sediado na Universidade de Brasília, encontra-se na origem dessa iniciativa.
A Coleção Relações Internacionais reúne estudos originais resultantes de dissertações e teses selecionadas, em razão de sua originalidade e relevância, nas Universidades que mantêm programas de pós-graduação, bem como obras coletivas ou individuais especialmente focadas nas parcerias operadas pelo Brasil junto a países europeus e emergentes, objetos a que se volta o Renato Archer da UnB.
Em razão do elevado número de lançamentos que a Coleção programou, pretende ser ela instrumento indispensável a todos os que manuseiam o conhecimento atualizado das relações internacionais, seja com o propósito acadêmico, seja com o fim de tomar decisões nas esferas política e social, pública e privada, que engendram o modelo brasileiro de inserção internacional e sua dinâmica operacional.
O espírito que norteia as publicações da Coleção coincide com o espírito de isenção, objetividade, clareza e funcionalidade que preside os estudos nas Universidades. Desse modo, põe-se o conhecimento a serviço dos atores que dele fazem uso para equipar-se de expertise com que possam alcançar interesses externos da nação ou de seus segmentos sociais, bem como reagir e equilibrar-se diante de interesses que outros países buscam realizar no Brasil.
 

AUTOR(ES)

Seme Taleb Fares é Mestre e Bacharel em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília – UnB; Colaborador do Boletim Meridiano 47 e de Mundorama – Iniciativa de Divulgação Científica em Relações Internacionais da Universidade de Brasília; membro do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre as Relações Internacionais do Brasil Contemporâneo do Instituto de Relações Internacionais da UnB.

SUMÁRIO

LISTA DE TABELAS E GRÁFICOS

LISTA DE SIGLAS E ABREVIATURAS

INTRODUÇÃO

Capítulo I - NOÇÕES PRELIMINARES PARA UMA ANÁLISE DAS RELAÇÕES ENTRE BRASIL E IRAQUE

1.1 Algumas Considerações Teóricas.

1.1.1 Níveis de Análise em Política Externa

1.1.2 Idealismo na Análise da Política Externa Brasileira

1.1.3 A Tradicional Historiografia e suas Contribuições

1.1.4 A Geografia das Relações Internacionais

1.2 Características Gerais da Política Externa Brasileira

1.3 Breve Histórico das Relações do Brasil com o Oriente Médio

1.4 Breve Histórico e Aspectos Gerais do Iraque

1.5 Alguns Aspectos da Política Externa Iraquiana

1.5.1 O Papel do Pan-Arabismo na Política Externa Iraquiana

1.6 Relações Brasil-Iraque até 1973

1.7 A Crise do Petróleo de 1973 e suas Consequências

1.8 Conclusão

Capítulo II - RELAÇÕES BRASIL-IRAQUE: O PETRÓLEO, OS INTERESSES COMERCIAIS E SUAS IMPLICAÇÕE S POLÍTICAS, DE 1973 ATÉ OS PRIMEIROS ANOS DA DÉCADA DE 1980

2.1 Política Brasileira de Exportação de Bens e Serviços para o Iraque

2.1.1 Os Primeiros Contatos Comerciais: o Caso Ciferal

2.1.2 Expansão das Exportações de Serviços do Brasil: as Construções Civis no Iraque

2.1.3 Mecanismos de Incentivo ao Comércio e ao Investimento: o Sistema Barter-Trade e a Criação do Banco Binacional

2.1.4 Venda de Bens Brasileiros ao Iraque até Meados da Década de 1980

2.1.5 A Crise Brasileira do Início dos Anos 80 e suas Repercussões no Relacionamento Brasil-Iraque

2.1.6 A "Opção Irã"

2.1.7 O Impacto dos Primeiros Anos da Guerra Irã-Iraque nas Trocas Comerciais Brasileiro-Iraquianas

2.1.8 Críticas às Relações Especiais até Meados dos Anos 80

2.2 Relacionamento Político, Cultural e em Outras Áreas que não Comercial

2.2.1 Maior Grau de Comprometimento Político do Brasil com os Árabes e, em Especial, com o Iraque.

2.2.2 O Discurso Terceiromundista na Agenda de Discussões Brasil-Iraque

2.2.3 Guerra Irã-Iraque: Questões Políticas

2.2.4 Troca de Visitas de Alto Nível: a Possível Ida de Figueiredo ao Iraque

2.2.5 Outras Áreas de Cooperação entre Brasil e Iraque

2.3 O Peso do Petróleo Iraquiano para a Economia Brasileira

2.3.1 Revolução Iraniana e Guerra Irã-Iraque: os Riscos de Desabastecimento de Petróleo ao Brasil

2.4 A Exploração do Petróleo Iraquiano pelo Brasil: o Caso do Campo de Majnoon

2.5 Conclusão

Capítulo III - APROFUNDAMENTO ESTRATÉGICO E DECLÍNIO DO RELACIONAMENTO BRASIL-IRAQUE

3.1 Exportação de Bens e Serviços para o Iraque, de Meados da Década de 1980 até 1991

3.1.1 Contenciosos Comerciais entre os Dois Países

3.2 Exportação de Materiais Bélicos

3.3 A Cooperação na Área Nuclear

3.4 A Queda da Dependência na Importação do Petróleo pelo Brasil

3.5 Constrangimentos da Estrutura e Tensões Internacionais nas Relações Bilaterais Brasil-Iraque: a Invasão do Kuwait

3.6 O Problema dos Brasileiros Detidos no Iraque em 1990

3.7 Relações Brasil-Iraque de 1992 a 2008

3.8 Conclusão

CONCLUSÃO

REFERÊNCIAS

ÍNDICE ALFABÉTICO

A

  • Abreviatura. Lista de siglas e abreviaturas.
  • Alguns aspectos da política externa iraquiana.
  • Aprofundamento estratégico e declíniodo relacionamento Brasil-Iraque
  • Área nuclear. Cooperação na Área nuclear

B

  • Banco binacional. Mecanismos de incentivo ao comércio e ao investimento: o sistema Barter-Trade e a criação do banco binacional.
  • Barter-Trade. Mecanismos de incentivo ao comércio e ao investimento: o sistema Barter-Trade e a criação do banco binacional.
  • Bem. Exportação de bens e serviços para o Iraque, de meados da década de 1980 até 1991
  • Bem. Política brasileira de exportação de bens e serviços para o Iraque
  • Brasil. Breve histórico das relações do Brasil com o Oriente Médio
  • Brasil. Crise brasileira do início dos anos 80 e suas repercussões no relacionamento Brasil-Iraque
  • Brasil. Discurso terceiromundista na agenda de discussões Brasil-Iraque
  • Brasil. Exportação. Bens eserviços. "Opção Irã"
  • Brasil. Impacto dos primeiros anos da guerra Irã-Iraque nas trocas comerciais brasileiro-iraquianas.
  • Brasil. Noções preliminares para uma análise das relações entre Brasil e Iraque.
  • Brasil. Outras Áreas de cooperação entre Brasil e Iraque
  • Brasil. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980.
  • Brasil. Relações Brasil-Iraque até 1973.
  • Brasil. Relações Brasil-Iraque de 1992 a 2008.
  • Brasileiros. Problema dos brasileiros detidos no Iraque em 1990
  • Breve histórico das relações do Brasil com o Oriente Médio.
  • Breve histórico e aspectos gerais do Iraque.

C

  • Campo de Majnoon. Exploração do petróleo iraquiano pelo Brasil: o caso do campo de Majnoon
  • Características gerais dapolítica externabrasileira.
  • Caso Ciferal. Primeiros contatos comerciais: o Caso Ciferal
  • Comércio exterior. Mecanismos de incentivo ao comércio e ao investimento: o sistema Barter-Trade e a criação do banco binacional.
  • Comércio internacional. Contenciosos comerciais entre os dois países
  • Comércio internacional. Impacto dos primeiros anos da guerra Irã-Iraque nas trocas comerciais brasileiro-iraquianas
  • Comércio internacional. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980
  • Comprometimento político. Maior grau de comprometimento político do Brasil com os Árabes e, em especial, com o Iraque
  • Conclusão
  • Constrangimentos da estrutura e tensões internacionais nas relações bilaterais Brasil-Iraque: a invasão do Kuwait.
  • Construção civil. Expansão das exportações de serviços do Brasil: as construções civis no Iraque
  • Contato comercial. Primeiros contatos comerciais: o Caso Ciferal.
  • Contenciosos comerciais entre os dois países
  • Cooperação. Outras Áreas de cooperação entre Brasil e Iraque.
  • Cooperação na Área nuclear.
  • Crise brasileira do início dos anos 80 e suas repercussões no relacionamento Brasil-Iraque.
  • Crise do petróleo de 1973 e suas consequências
  • Críticas às relações especiaisaté meados dos anos 80

D

  • Declínio do relacionamento Brasil-Iraque. Aprofundamento estratégico. Conclusão.
  • Desabastecimento. Revolução iraniana e guerra Irã-Iraque: os riscos de desabastecimento de petróleo ao Brasil.
  • Detenção. Problema dos brasileirosdetidos no Iraque em 1990
  • Discurso terceiromundista na agenda de discussões Brasil-Iraque

E

  • Economia. Peso do petróleo iraquiano para a economia brasileira
  • Estratégia. Aprofundamento estratégico e declínio do relacionamento Brasil-Iraque.
  • Expansão das exportações de serviços do Brasil: as construções civis no Iraque
  • Exploração do petróleo iraquiano pelo Brasil: o caso do campo de Majnoon.
  • Exportação. Bens e serviços. "Opção Irã".
  • Exportação. Expansão das exportações de serviços do Brasil: as construções civis no Iraque
  • Exportação. Política brasileira de exportação de bens e serviços para o Iraque
  • Exportação de bens e serviços parao Iraque, de meados da década de 1980 até 1991
  • Exportação de materiais bélicos

G

  • Geografia das relações internacionais
  • Gráfico. Lista de tabelas e gráficos
  • Guerra Irã-Iraque: questões políticas.

H

  • Historiografia. Breve histórico das relações do Brasil com o Oriente Médio
  • Historiografia. Breve histórico easpectos gerais do Iraque
  • Historiografia. RelaçõesBrasil-Iraque até 1973.
  • Historiografia. Tradicional historiografia e suas contribuições.
  • Historiografia. Tradicional historiografia e suas contribuições.
  • Historiografia. Venda de bens brasileiros ao Iraque até meados da década de 1980

I

  • Idealismo na análise dapolítica externabrasileira
  • Impacto dos primeiros anos da guerra Irã-Iraque nas trocas comerciais brasileiro-iraquianas
  • Importação. Queda da dependência na importação do petróleo pelo Brasil.
  • Interesse comercial. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980.
  • Internacionalidade. Geografiadas relações internacionais.
  • Introdução.
  • Invasão do Kwait. Constrangimentos da estrutura e tensões internacionais nas relações bilaterais Brasil-Iraque: a invasão do Kuwait
  • Investimento. Mecanismos de incentivo ao comércio e ao investimento: o sistema Barter-Trade e a criação do banco binacional.
  • Irã. Exportação. Bens e serviços. "Opção Irã"
  • Irã. Guerra Irã-Iraque:questões políticas
  • Irã. Impacto dos primeiros anos da guerra Irã-Iraque nas trocas comerciais brasileiro-iraquianas
  • Irã. Revolução iraniana e guerra Irã-Iraque: os riscos de desabastecimento de petróleo ao Brasil.
  • Iraque. Breve histórico e aspectos gerais do Iraque
  • Iraque. Crise brasileira do início dos anos 80 e suas repercussões no relacionamento Brasil-Iraque
  • Iraque. Discurso terceiromundista na agenda de discussões Brasil-Iraque
  • Iraque. Expansão das exportações de serviços do Brasil: as construções civis no Iraque.
  • Iraque. Exploração do petróleo iraquiano pelo Brasil: o caso do campo de Majnoon
  • Iraque. Guerra Irã-Iraque: questões políticas
  • Iraque. Impacto dos primeiros anos da guerra Irã-Iraque nas trocas comerciais brasileiro-iraquianas.
  • Iraque. Maior grau de comprometimento político do Brasil com os Árabes e, em especial, com o Iraque
  • Iraque. Noções preliminares para uma análise das relações entre Brasil e Iraque
  • Iraque. Noções preliminares para uma análise das relações entre Brasil e Iraque
  • Iraque. Outras Áreas de cooperação entre Brasil e Iraque.
  • Iraque. Papel do pan-arabismona política externa iraquiana
  • Iraque. Política brasileira de exportação de bens e serviços para o Iraque.
  • Iraque. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980.
  • Iraque. Relações Brasil-Iraque até 1973.
  • Iraque. Relações Brasil-Iraque de 1992 a 2008.
  • Iraque. Revolução iraniana e guerra Irã-Iraque: os riscos de desabastecimento de petróleo ao Brasil.
  • Iraque. Troca de visitas de alto nível: a possível ida de Figueiredo ao Iraque
  • Iraque. Venda de bens brasileiros ao Iraque até meados da década de 1980

L

  • Lista de siglase abreviaturas.
  • Lista de tabelas e gráficos.

M

  • Maior grau de comprometimento político do Brasil com os Árabes e, em especial, com o Iraque
  • Material bélico. Exportaçãode materiais bélicos
  • Mecanismos de incentivo ao comércio e ao investimento: o sistema Barter-Trade e a criação do banco binacional.

N

  • Níveis de análise em política externa
  • Noções preliminares para uma análise das relações entre Brasil e Iraque.

O

  • Oriente Médio. Breve histórico das relações do Brasil com o Oriente Médio
  • Outras Áreas de cooperação entre Brasil e Iraque.

P

  • Pan-arabismo. Papel do pan-arabismo na política externa iraquiana.
  • Papel do pan-arabismo napolítica externairaquiana
  • Peso do petróleo iraquiano para a economia brasileira.
  • Petróleo. Crise do petróleo de 1973 e suas consequências.
  • Petróleo. Peso do petróleo iraquiano para a economia brasileira
  • Petróleo. Queda da dependência na importação do petróleo pelo Brasil.
  • Petróleo. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980.
  • Petróleo iraquiano. Exploração do petróleo iraquiano pelo Brasil: o caso do campo de Majnoon
  • Política. Guerra Irã-Iraque: questões políticas
  • Política. Maior grau de comprometimento político do Brasil com os Árabes e, em especial, com o Iraque
  • Política. Relacionamento político, cultural e em outras Áreas que não comercial.
  • Política. Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980.
  • Política. Troca de visitas de alto nível: a possível ida de Figueiredo ao Iraque
  • Política brasileira de exportação de bens e serviços para o Iraque.
  • Política externa. Idealismo na análise da política externa brasileira
  • Política externa. Níveis deanálise em política externa
  • Política externa. Tradicional historiografia e suas contribuições
  • Política externa. Tradicional historiografia e suas contribuições
  • Política externa brasileira.Características gerais
  • Política externa brasileira. Idealismo na análise da política externa brasileira.
  • Política externa iraquiana. Alguns aspectos
  • Política externa iraquiana. Papel do pan-arabismo na política externa iraquiana
  • Primeiros contatos comerciais: o Caso Ciferal.
  • Problema dos brasileiros detidos no Iraque em 1990

Q

  • Queda da dependência na importação do petróleo pelo Brasil.

R

  • Referências
  • Relação Brasil-Iraque. Interesses comerciais. Conclusão
  • Relação bilateral. Constrangimentosda estrutura e tensões internacionais nas relações bilaterais Brasil-Iraque: a invasão do Kuwait
  • Relacionamento Brasil-Iraque. Aprofundamento estratégico e declínio do relacionamento Brasil-Iraque
  • Relacionamento político, cultural e emoutras Áreas que não comercial
  • Relações Brasil-Iraque: O petróleo, os interesses comerciais e suas implicações políticas, de 1973 até os primeiros anos da década de 1980
  • Relações Brasil-Iraque até 1973.
  • Relações Brasil-Iraquede 1992 a 2008
  • Relações especiais. Críticas às relaçõesespeciais até meados dos anos 80.
  • Relações internacionais. Algumas considerações teóricas
  • Relações internacionais. Brasil e Iraque. Noções preliminares. Conclusão
  • Relações internacionais. Breve histórico das relações do Brasil com o Oriente Médio.
  • Relações internacionais. Crise brasileira do início dos anos 80 e suas repercussões no relacionamento Brasil-Iraque
  • Relações internacionais. Geografia das relações internacionais.
  • Relações internacionais. Níveisde análise em política externa.
  • Relações internacionais. Noções preliminares para uma análise das relações entre Brasil e Iraque
  • Relações internacionais. Relacionamento político, cultural e em outras Áreas que não comercial
  • Revolução iraniana e guerra Irã-Iraque: os riscos de desabastecimento de petróleo ao Brasil.

S

  • Serviço. Exportação de bens e serviços para o Iraque, de meados da década de 1980 até 1991
  • Serviço. Política brasileira de exportação de bens e serviços para o Iraque.
  • Sigla. Lista de siglas e abreviaturas.

T

  • Tabela. Lista de tabelas e gráficos.
  • Tensão internacional. Constrangimentos da estrutura e tensões internacionais nas relações bilaterais Brasil-Iraque: a invasão do Kuwait.
  • Terceiro mundo. Discurso terceiromundista na agenda de discussões Brasil-Iraque.
  • Tradicional historiografia e suas contribuições
  • Troca de visitas de alto nível: a possível ida de Figueiredo ao Iraque

V

  • Venda de bens brasileiros ao Iraqueaté meados da década de 1980.
INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: