Júri da Corte, O - 1866 - O Crime do Doutor José Mariano da Silva - 3ª Edição

Organizador: Eulálio de Oliveira Leandro

Leia na Biblioteca Virtual
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Organizador: Eulálio de Oliveira Leandro
ISBN: 978853623413-7
Edição/Tiragem: 3ª Edição
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 82
Publicado em: 11/11/2011
Área(s): Direito - Outros; Literatura e Cultura - Diversos
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

“O bisturi corta furiosamente o ar e penetra o pescoço de Helena Augusta da Silva. A mulher cai ao chão e sangra aos borbotões. Numa fração de minuto, seu corpo é envolto numa densa camada vermelha de líquido quente e viscoso. O mar de sangue se espalha pelo quarto do casal. O marido e assassino, então, tranquilamente, vai ao Corpo de Polícia da Corte e se entrega. O ano era 1866, terça-feira do dia 6 de novembro.
Passado à história como ‘O crime do Dr. José Mariano da Silva’, o episódio causa polêmica até hoje no meio forense. Para a conservadora e escravista sociedade da época, a violenta e covarde morte de Helena serviu para restaurar a dignidade da honra do criminoso, que alegou estar fora da razão por ter sabido que sua esposa o traía com o vizinho. Os 12 jurados que encarnavam o domínio patriarcal no século XIX acataram integralmente a defesa do réu, cujo julgamento inaugura a chamada criminologia positivista... Uma obra instigante.”

Jotônio Vianna
Jornalista/Coluna Caxias em Off/Jornal Pequeno

AUTOR(ES)

Organizador:

Eulálio de Oliveira Leandro - Historiador e professor, nasceu no final dos anos 50, em Brejo (MA). Foi aluno da Escola de Aprendizes de Marinheiro do Ceará e teve sua formação militar concluída a bordo dos navios de guerra da Marinha do Brasil. Possui algumas obras publicadas: “Coelho Neto e a Ecologia”, “A Cidadania na Visão Humanística de Coelho Neto”, “Educação Ambiental no Pensamento de Coelho Neto”, “O Negro na Obra de Coelho Neto”, “As Mulheres na Visão Humanística de Coelho Neto”, “A Marinha na Eloquência de Coelho Neto”; “A Marinha e as Camadas Populares do Maranhão”, “Por Trás da Toga”. Tem sua formação humanística embasada no “Canto do Protesto”, onde nasceu seu interesse de conhecer a obra de Coelho Neto e se aprofundar no resgate histórico dos grandes julgamentos no Brasil Império.

SUMÁRIO

Dístico

Júri da Corte

ANEXOS

Anexo 1 - Célebre Processo Criminal

Anexo 2 - O processo de Madame Reymond

Posfácio

Resenha

Sobre o organizador

INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: