Linguagem de Bebês - Manual de Estimulação

Lígia Ebner Melchiori e Julio Pérez-López

Leia na Biblioteca Virtual
FICHA TÉCNICA
Autor(es): Lígia Ebner Melchiori e Julio Pérez-López
ISBN: 978853623970-5
Acabamento: Brochura
Número de Páginas: 64
Publicado em: 07/05/2013
Área(s): Psicologia - Desenvolvimento
CONFIRA TAMBÉM
SINOPSE

Esse é um manual simples e de fácil compreensão a ser utilizado por educadores de berçários e pais, e explica a importância do estímulo da linguagem dos bebês já por ocasião do seu nascimento. O conteúdo apresentado é fruto de estudos e discussões com várias gerações de estudiosos de psicologia baseados em pesquisas realizadas em berçários, e traduzem a importância da linguagem no desenvolvimento infantil.

AUTOR(ES)

LÍGIA EBNER MELCHIORI
Psicóloga. Doutorado em Psicologia. Pós-doutorado em Desenvolvimento humano e familiar. Docente junto ao Departamento de Psicologia e a Pós-Graduação em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem - Faculdade de Ciências - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"/UNESP, Bauru, SP. Livro publicado em coautoria: A produção do apego no contexto da produção científica contemporânea, 2011.

JULIO PÉREZ-LÓPEZ
Psicólogo. Professor Titular de Psicologia Evolutiva e da Educação na Universidade de Murcia, Espanha. Coordenador do Grupo de Investigação de Atenção Temprana. Coordenador do Serviço de Prevenção, Promoção do Desenvolvimento Infantil e Atenção Temprana (SEPRODIAT) da Universidade de Murcia. Co-diretor do Master de Atenção Temprana. Livro publicado em coautoria: Manual de Atención Temprana. Madrid: Editora Pirámide, 2010.

SUMÁRIO

A IMPORTÂNCIA DA LINGUAGEM NO DESENVOLVIMENTO INFANTIL

OS PRIMEIROS PASSOS

MANTER O CONTATO VISUAL É O PASSO INICIAL E INDISPENSÁVEL PARA QUALQUER DIÁLOGO

CHAME-O SEMPRE, ARTICULANDO SEU NOME DE FORMA CLARA E ISOLADA

ESCUTE E REPITA O QUE O BEBÊ FALA

ASSOCIE UMA PALAVRA OU FRASE CURTA ÀS AÇÕES COTIDIANAS

NOMEIE UMA PESSOA ATÉ QUE O BEBÊ ASSOCIE A PALAVRA COM ELA

CONTINUANDO

EVITE FALAR AS PALAVRAS NO DIMINUTIVO PORQUE É MUITO MAIS FÁCIL PARA A CRIANÇA FALAR "PÉ" DO QUE "PEZINHO", "MÃO", DO QUE "MÃOZINHA"

MOSTRE OBJETOS OU ANIMAIS E FAÇA O SOM CORRESPONDENTE

INCENTIVE O BEBÊ A EXPRESSAR SEUS DESEJOS COM GESTOS

NOMEIE OBJETOS E AÇÕES. AMPLIE O VOCABULÁRIO DO BEBÊ

APROVEITE A HORA DE TROCAR OU DAR BANHO NO BEBÊ E NOMEIE AS PARTES DO CORPO

MOSTRE DOIS OBJETOS FAMILIARES AO BEBÊ E PEÇA UM DELES

ANTECIPE AS AÇÕES

MOSTRE DESENHOS E FOTOS DE OBJETOS E PESSOAS

A TERCEIRA ETAPA DA ESTIMULAÇÃO

CANTE PARA O BEBÊ, SE POSSÍVEL, TENHA CANÇÕES QUE REPRESENTEM A ATIVIDADE A SER DESEMPENHADA

MOSTRE ALGUNS OBJETOS FAMILIARES AO BEBÊ E PEÇA UM DELES. ASSOCIE SUA FUNÇÃO

PROCURE EXPLORAR OS CINCO SENTIDOS DO BEBÊ: AUDIÇÃO, VISÃO, TATO, OLFATO E PALADAR

AO RESPONDER À CRIANÇA, NÃO FALE FRASE MUITO EXTENSA, NO MÁXIMO DUAS VEZES MAIOR DO QUE A QUE ELA FALOU

INCENTIVE O BEBÊ A EXPRESSAR SEUS DESEJOS COM PALAVRAS

AOS POUCOS, DA LINGUAGEM INFANTILIZADA À FALA ADULTA

FALE COM A CRIANÇA CORRETA MENTE, NÃO IMITE SUA FALA INFANTILIZADA

NA HORA DE TROCAR OU DAR BANHO: PEÇA QUE ELE APONTE PARTES DO CORPO E AS NOMEIE

UTILIZE A LINGUAGEM ESCRITA DESDE CEDO. PRIMEIRO LIVROS DE IMAGENS SEM TEXTO, MAIS TARDE COM TEXTOS CURTOS

INDIQUE ESSA OBRA

Indique essa obra para um amigo:

De:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez

Para:

Nome:

E-mail:

Informe apenas 1 email por vez


Mensagem: